LUTO NA CULTURA DO MARANHÃO! Nossa homenagem a João Chiador

A cultura do Maranhão, o Bumba-meu-boi está de luto. O grande cantador de boi do Estado, João Chiador, partiu para a vida eterna. Com uma voz inconfundível e um talento contagiante, ele emocionou gerações no boi de São José de Ribamar.

Canta, Chiador! (Vídeo acima)

Chiador faleceu aos 78 anos, na tarde deste domingo (6). O poeta e cantador de toadas do Boi de São José de Ribamar, João Costa Reis, o João Chiador, estava internado no Hospital do Servidor, recebeu alta e sofreu uma parada cardiorrespiratória em casa.

De acordo com a família, João Chiador teve um Acidente Vascular Cerebral (AVC), no fim do ano passado, e chegou a ficar vários dias internado no Hospital Carlos Macieira, em São Luís. Havia se recuperado, mas voltou a adoecer.

O blog se solidariza à dor de familiares e de amigos do cantador. Chiador deixa saudade e seu talento vai influenciar gerações de cantadores.

“Chiador levantou Maioba…”

Inscrições para o Fies iniciam nesta terça-feira

 
A lista de instituições e os cursos ofertados por meio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) poderá ser consultada a partir de hoje, segunda-feira (24), na página eletrônica do Fies Seleção. As inscrições para o segundo semestre de 2017 começam nesta terça-feira (25) e vão até sexta-feira (28) .
No total, 75 mil novas vagas serão oferecidas aos estudantes que procuram financiamento para cursar o ensino superior em instituições de ensino privadas. A relação dos candidatos pré-selecionados será divulgada no dia 31, quando também será aberta a lista de espera.
Apesar das mudanças anunciadas no início do mês no Fies para 2018, neste semestre continuam valendo as regras atuais. Poderão se inscrever os estudantes que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) com média das notas igual ou superior a 450 pontos e nota na redação superior a zero. O candidato também precisa ter renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos.
Os estudantes pré-selecionados deverão concluir a inscrição pelo Sistema Informatizado do Fies (SisFies), entre 1º de agosto e 8 de setembro.
A partir de 2018, o Novo Fundo de Financiamento Estudantil será dividido em três modalidades. No total, o programa vai garantir 310 mil vagas, sendo que 100 mil serão ofertadas para estudantes com renda familiar per capita de até três salários mínimos a juro zero, incidindo a correção monetária.

Deputado Humberto Coutinho viabiliza primeira Escola de Tempo Integral de Caxias

 

Humberto Coutinho, presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão.

Por solicitação do presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão, deputado Humberto Coutinho (PDT), ao governador Flávio Dino (PCdoB), a Escola Aluísio Azevedo será transformada, a partir do próximo ano, na primeira Escola de Tempo Integral de Caxias.

Além de agradecer ao governador Flávio Dino, que sempre muito atuante autorizou a mudança, o presidente da Assembleia destacou o empenho do secretário de Educação, Felipe Camarão, em viabilizar essa transformação.

A escola passará por uma reforma para oferecer uma melhor estrutura para os estudantes que ficarão na unidade durante dois turnos, entrando pela manhã e saindo pela tarde. Além das aulas regulares, eles terão direito a todas as refeições, como lanches e almoço.

A diretora da Unidade Regional de Ensino (URE), Marciane Bezerra, declarou estar feliz com mais essa conquista e também ressaltou que essa mudança se consagra como um marco para a Educação de Caxias.

Deputado destaca entrega de ônibus escolares e emendas para aquisição de ambulâncias

Othelino destaca entrega de ônibus escolares  e emendas para aquisição de ambulâncias

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) repercutiu, na sessão desta quinta-feira (06), a entrega, pelo governador Flávio Dino (PCdoB), de vários ônibus escolares para serem usados na rede pública municipal. Segundo o parlamentar, mais uma vez, o governo do Estado colabora com uma área que não é a sua obrigação, que é o ensino fundamental.

“O governador, ao justificar a doação dos ônibus para os municípios, foi sob um argumento muito forte, pois não tem como se fortalecer a educação, o ensino médio, se o ensino fundamental também não tiver bem alicerçado, por isso os ônibus, as escolas dignas e os outros suportes que o governo do Estado vem dando”, ressaltou.

Othelino Neto fez uma referência, em especial, à entrega dos ônibus para os municípios de São Bento e de Vargem Grande. Segundo ele,  os prefeitos Luizinho Barros (PCdoB) e Carlinhos Barros (PCdoB),   quando estiveram com o governador e, dentre as reivindicações que apresentaram, entre os pedidos que foram feitos no sentido de fortalecer a parceria entre o Estado e o município, falaram da necessidade de aumentar a quantidade de ônibus escolares. E Flávio Dino atendeu a solicitação e entregou os ônibus.

O prefeito de Vargem Grande, Carlinhos Barros, com sua comitiva, recebeu o ônibus e, prontamente, já agradeceu e disse que será muito útil para o município, até pelas dimensões territoriais. Da mesma forma, Luisinho Barros, de São Bento, agradeceu e disse que a cidade precisava muito desse veículo. “Então, foi realmente um momento marcante, onde, mais uma vez, o governador Flávio Dino mostra que este é o governo da educação”, disse.

Ambulâncias

Na tribuna, Othelino fez questão de ressaltar ainda que, nesta sexta-feira (06), haverá mais uma solenidade de entrega de ambulâncias. O governo do Estado estará disponibizando um equipamento importante para atender os municípios, entre elas duas foram adquiridas por meio de emenda do parlamentar: a de Santa Helena e a de Vargem Grande. “O prefeito Zezildo Almeida já inclusive vinha, repetidas vezes, pedindo que viabilizássemos uma ambulância para Santa Helena, que estava e está enfrentando muitas dificuldades com veículos que tem, por serem antigos e agora foi possível e, por meio desta emenda, que apresentei ainda no final do ano passado”, disse.

Othelino disse que o anúncio da entrega da ambulância causou grande repercussão em Santa Helena. “Várias pessoas, não só nas redes sociais comentando e agradecendo ao governador, como também por meio de ligações e de mensagens enaltecendo este cuidado com a população da cidade”, disse.

O deputado também citou a destinação de emenda, no final do ano passado, para aquisição de uma ambulância para o município de Vargem Grande, a pedido do prefeito Carlinhos Barros. O veículo também será entregue nesta sexta-feira (06) para que possa atender melhor a população. “E assim vão se cumprindo os compromissos de melhorar a vida das pessoas”, frisou.

No final do pronunciamento, Othelino Neto fez um reconhecimento aos avanços que vêm sendo alcançados pelo governo Flávio Dino. “Nós, em breve, chegaremos ao ponto no Maranhão de não mais vermos estudantes frequentando escola de taipa, não mais vermos pessoas sendo transferidas para hospitais em carrocerias de carro. No ritmo que vamos, com este processo acelerado de mudança para melhor que o Maranhão vem passando e, em breve, esses indicadores, que até outro dia envergonhavam o Estado, serão, se Deus quiser, coisa do passado e nós poderemos dizer que nós ajudamos a mudar esta terra para melhor”, concluiu.

Flávio Dino autoriza concurso para a Saúde…

Concurso está previsto para mil vagas

O governo Flávio Dino (PCdoB) anunciou concurso público para a área da Saúde. Mil novos postos de trabalho serão criados no Maranhão. O edital será publicado no segundo semestre deste ano, entre setembro e outubro, e o concurso será realizado em 2018. Há mais de 20 anos o Governo do Estado não realiza concurso público para área da saúde.

A Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh) assumirá a organização do concurso, por meio de licitação para contratação de empresa especializada em certames para garantir a lisura de todo o processo.

Em nota, SES diz que contrato com instituto foi firmado desde a gestão passada

Secretário Lula Almeida

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) emitiu nota, na noite desta sexta-feira (02), sobre nova etapa da operação Sermão aos Peixes, deflagrada pela Polícia Federal, e que envolve o Instituto de Desenvolvimento e Apoio à Cidadania (Idac), que presta serviços ao Estado. Segundo o órgão, o contrato foi firmado na gestão anterior do ex-secretario Ricardo Murad.

A seguir, a nota:

Nota da SES

Sobre a 4ª fase da operação Sermão aos Peixes, deflagrada pela Polícia Federal nesta sexta-feira (2), a Secretaria de Estado da Saúde (SES) esclarece quê:

1. O contrato com o Instituto de Desenvolvimento e Apoio à Cidadania (Idac) foi firmado na gestão anterior;

2. Até o momento, a Secretaria não tinha nenhuma informação sobre qualquer irregularidade do instituto que administra 6 unidades de saúde;

3. A SES aguarda comunicação judicial para tomar as providências cabíveis.

Rebelião em Pedrinhas – Segurança age rápido para controlar motim…

Rebelião no Centro de Detenção Provisória de Pedrinhas na noite deste domingo  (21) está sendo controlada pelo Sistema de Segurança do Estado.

Parte de um muro foi derrubada com explosivos para resgate dos presos e houve 25 fugas. Os fugitivos estão sendo recapturados, após ação rápida das forças policiais.

Até o momento, pelo menos sete presos já foram rapidamente recapturados. Dois internos morreram.

Acima as fotos dos fugitivos já sendo rendidos por policiais e de parte do muro derrubado. A qualquer momento, novas informações.

Centenas de policiais militares e civis participam, em toda a região metropolitana de São Luís, da operação de recaptura de mais de 20 detentos que fugiram do Complexo Penitenciários de Pedrinhas.

A operação está sob o comando de um grupo, fortemente, armado que usou dinamite para explodir o muro dos fundos do Centro de Detenção Provisória de Pedrinhas (CDP), conhecido como Cadeião.

Entenda o caso

A fuga se deu depois que parte do muro da unidade prisional foi explodido pelo lado de fora, por pessoas ainda não identificadas, e detentos de duas celas do Pavilhão Gama, que serraram as grades e conseguiram passar pelo buraco causado pela explosão.

Após troca de tiros entre bandidos e agentes penitenciários do Geop de plantão, dois internos vieram a óbito, um no local e outro no hospital. Policiais civis e militares também foram acionados, e seguem no encalço dos evadidos.

Em nota enviada à Imprensa, a gestão prisional ressaltou que, por estar separada do Complexo Penitenciário de São Luís, a UPSL 6 é a única unidade prisional masculina que ainda não dispõe de Portaria Unificada e inspeção por BodyScan, a exemplo das demais que compõe o complexo carcerário.

O caso é investigado pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), por meio do Departamento de Combate ao Crime Organizado (DCCO) da Superintendência de Estado de Investigações Criminais (Seic), que terá 30 dias para a conclusão do inquérito policial.

Nos últimos dois anos, de acordo com a nota enviada à Imprensa, o governo do Estado investiu forte na segurança e na revitalização do complexo, e conseguiu zerar o número de homicídios intramuros, tirando o Maranhão do topo para último no ranking que mede a taxa de violência nos presídios do país

Crise nos municípios do Maranhão aumenta com cortes no Fundeb…

O pagamento da folha dos servidores em educação dos 217 municípios maranhenses está comprometida com a decisão tomada pelo Governo Federal ao baixar a portaria 565, de 20 de abril de 2017, que cortará, neste mês de abril, R$ 224 milhões dos recursos do Fundeb.

O município de Mirador sofrerá duramente com uma perda de grande parte de sua receita, o que corresponde a R$ 557.550,19, o que pode inviabilizar o pagamento da maioria de seus servidores durante este mês.
Estão também sendo afetados com a drástica medida os estados do Ceará, Bahia e Paraíba, sendo o Maranhão o mais prejudicado. Segundo informações de órgãos do governo, o corte é uma devolução de repasses adiantados no decorrer do mês de dezembro de 2016 aos estados mencionados.Ao tomar conhecimento da devolução dos recursos, o presidente da Federação dos Municípios do Maranhão (FAMEM), foi a Brasília procurar meios para evitar a ‘sangria’ dos parcos recursos da educação maranhense.

Estão também sendo afetados com a drástica medida os estados do Ceará, Bahia e Paraíba, sendo o Maranhão o mais prejudicado. Segundo informações de órgãos do governo, o corte é uma devolução de repasses adiantados no decorrer do mês de dezembro de 2016 aos estados mencionados.Ao tomar conhecimento da devolução dos recursos, o presidente da Federação dos Municípios do Maranhão (FAMEM), foi a Brasília procurar meios para evitar a ‘sangria’ dos parcos recursos da educação maranhense.

Maranhão tem a 2ª melhor situação fiscal do Brasil, diz Federação das Indústrias do Rio

Um estudo divulgado, nesta semana, pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) mostra que o Maranhão tem a segunda melhor situação fiscal em todo o Brasil. Isso significa que as contas do Estado estão em ordem num momento em que o país atravessa uma crise econômica e muitos  atrasam ou não fazem os pagamentos obrigatórios.

De acordo com a pesquisa ‘A situação fiscal dos estados’, que consolida os dados de 2016, o Maranhão tem desempenho de destaque no que se refere a gastos com pessoal, dívida e investimentos. O estado aparece bem acima da média em todos os critérios analisados.

O estudo também mostra que a Dívida Consolidada Líquida de 2016 ficou bem abaixo do limite legal. Isso quer dizer que o Maranhão tem a dívida sob controle.

Ainda de acordo com o estudo, o Maranhão tem, proporcionalmente, a melhor disponibilidade de caixa entre todos os Estados. “Destaque positivo para Maranhão e Tocantins, estados em que os recursos em caixa são suficientes para cobrir as despesas postergadas e ainda resultam em um crédito que supera 60% da RCL (Receita Corrente Líquida)”, afirma o estudo. O Maranhão também se destaca no ranking de investimentos.

“Os cinco estados em melhor situação fiscal combinaram gasto com pessoal e dívida baixos”, acrescenta o levantamento.

A pesquisa foi feita com dados oficiais disponibilizados pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Foram analisadas quatro variáveis fundamentais ao equilíbrio de um ente público: Dívida, Despesa com Pessoal (ativo e inativo), Disponibilidade de Caixa e Investimentos.