Prefeito Edivaldo assina ordem de serviço para obra de infraestrutura na Vila Isabel

Prefeito Edivaldo Jr autorizou a obra

O prefeito de São Luís, Edivaldo Jr, assinou, na noite de quarta-feira (7), a ordem de serviço para a execução das obras para construção da ponte da Rua do Comércio, na Vila Isabel. Esperada há 40 anos pelos moradores da região, o anúncio da obra foi realizado pelo gestor municipal durante reunião com a comunidade. Os serviços foram iniciados na quinta-feira (8). A obra integra o conjunto de investimentos que vem sendo realizado pelo poder público municipal na região.

“Reconheço a importância dessa obra para os moradores da Vila Isabel. Estamos aqui para dar continuidade ao trabalho que foi iniciado há cinco anos e, para nós, é uma realização ver a execução e a conclusão dessas obras todas no bairro. Com as obras iniciadas, se concretiza a construção da ponte. É o poder público avançando e cumprindo com as promessas realizadas durante a campanha”, disse o prefeito Edivaldo que estava acompanhado do vice-prefeito, Julio Pinheiro, de secretários municipais e do pai, o deputado Estadual Edivaldo Holanda.

Ao lado do prefeito Edivaldo, o deputado estadual Edivaldo Holanda acompanhou o anúncio e a assinatura da ordem de serviço. “As pessoas sabem e reconhecem a importância do que vem sendo realizado na região. Há um grande avanço por parte de uma gestão que recebeu a cidade deteriorada, com poucos recursos e mais de um milhão de habitantes. As necessidades são quase inesgotáveis, mas há um empenho generalizado para a execução das melhorias”, pontuou o deputado que tem defendido os interesses da população da região e se reunido constantemente com a comunidade.

O vice-prefeito Julio Pinheiro lembrou dos investimentos que a Prefeitura vem realizando na região Itaqui-Bacanga. “Estamos lutando para fazer dessa cidade um lugar cada vez melhor. Além da Vila Isabel, realizamos grandes obras em bairros como Gancharia e Residencial Paraíso, que foi completamente urbanizado. Hoje, a região Itaqui-Bacanga conta com uma presença forte do poder público. Parabenizo o prefeito por honrar esse compromisso que fez com a população, em especial com os moradores do bairro Vila Isabel”, enfatizou.

OBRA

Na Rua do Comércio serão construídos nove metros de ponte de concreto e aço, com cinco metros de largura e 1,05 metros de passagem de pedestre, que também favorecerá a acessibilidade, permitindo o trânsito de pessoas com deficiência. Além da construção da nova ponte, os serviços incluem a limpeza do canal e a remoção do que restou da ponte antiga.

A obra está sendo executada pela Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh). O secretário municipal de Urbanismo e Habitação, Mádison Leonardo Andrade, destacou o esforço da Prefeitura para a execução da obra. “Temos avançado em muitas obras na Vila Isabel. A demanda é grande e os recursos limitados, mas essa é uma operação urbana vista como prioridade pela gestão do Prefeito Edivaldo. Conseguimos hoje, com empenho, estar aqui ao lado da comunidade cumprindo uma promessa da gestão do prefeito Edivaldo”, ressaltou o titular da Semurh.

Para os moradores a obra é significativa. “Como morador e representante da comunidade, estou muito feliz por ser testemunha desta grande obra que será realizada. O prefeito Edivaldo foi sensível às nossas condições e tem resolvido 100% dos problemas estruturais da Vila Isabel. Em nome da comunidade, agradeço ao prefeito e a sua equipe técnica pelo empenho”, disse o presidente da associação de moradores da Vila Isabel, Michael Jackson Sousa.

Para Iraneide Furtado, moradora da Rua do Comércio essa é uma conquista muito grande para a comunidade. “Moro perto da ponte e confirmo a luta da comunidade por essa obra. Os moradores da Rua do Comercio só têm a agradecer ao prefeito Edivaldo e a sua gestão que tanto tem ajudado os moradores dessa região. Estamos muito felizes com esse anúncio”, disse a moradora da Vila Isabel.

Também prestigiaram o anúncio do início das obras na Vila Isabel o vereador Raimundo Penha, os secretários Antônio Araújo (Obras e Serviços Públicos) e Fatima Ribeiro (Segurança Alimentar), além de líderes comunitários da região Itaqui-Bacanga.

Em reunião com Edivaldo, Othelino Neto garante melhorias para o bairro João de Deus e adjacências

Reunião discutiu melhorias para bairros

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB), reuniu-se, nesta quinta-feira (1º), com o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), para tratar de assuntos de interesse de diversas comunidades da capital. Acompanhado da vereadora Fátima Araújo, o parlamentar pediu o apoio do pedetista para que sejam atendidos os pleitos da população.

A pavimentação e o recapeamento de ruas do bairro João de Deus e adjacências estiveram entre os itens principais da pauta. O presidente Othelino Neto disse que o prefeito Edivaldo Holanda Júnior já garantiu a execução das obras, que devem ser iniciadas a partir do mês de março deste ano.

“Quero agradecer a gentileza habitual do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, que nos recebeu prontamente. Aqui tratamos de assuntos de interesses de diversas comunidades. A vereadora Fátima Araújo pediu urgência ao prefeito, que já tem trabalho nos bairros onde ela atua. Ele garantiu que vai fazer essas ações, a começar pelo João de Deus e, em seguida, nas outras comunidades”, afirmou.

Othelino Neto também destacou a importância dessas parcerias para que sejam garantidos benefícios às comunidades de São Luís. “O importante é que, dessas parcerias, com ações da Prefeitura, os pedidos da vereadora Fátima, que inclusive já disponibilizou parte de suas emendas, e eu também, que ajudarei com emendas parlamentares minhas, nós vamos levar esses benefícios para as comunidades de São Luís”, completou.

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior ressaltou que o presidente Othelino Neto tem dado um olhar especial para São Luís e que essas parcerias só têm a beneficiar a população. Ele assegurou que os pleitos serão atendidos.

“É com muita alegria que recebo a visita do nosso presidente da Assembleia, deputado Othelino, trazendo a vereadora Fátima para poder tratar de assuntos de São Luís. O deputado tem tido um olhar especial para a cidade de São Luís e, nesta parceria, ao lado da vereadora Fátima, trazendo pleitos de algumas comunidades e, claro, serão atendidos. Nós iremos, durante todo o ano, fazer as obras necessárias para atender às demandas que eles trouxeram”, assinalou.

A vereadora Fátima Araújo agradeceu o apoio do deputado Othelino Neto e a atenção dada pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior aos seis bairros onde ela atua. Ela contou que essa não é a primeira vez que o deputado Othelino intervém em benefício das comunidades.

“O nosso prefeito nos garantiu que, a partir do mês de março, estará dando início às obras nas comunidades do João de Deus, Pirapora, Vila Lobão, Residencial João Alberto e, também, Vila Conceição/João de Deus. Agradeço também ao deputado Othelino, que é um parceiro de luta. Já tivemos uma conversa anteriormente e ele viabilizou, junto à Prefeitura, a Operação Tapa-Buracos para a Vila Conceição/João de Deus e eu só tenho a agradecer”, finalizou.

São Luís melhora posição no ranking nacional de empregos, comemora Edivaldo…

O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr (PDT), comemorou, por meio de suas redes sociais, a excelente colocação da cidade de São Luís no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). A boa performance da administração municipal e os investimentos na construção civil e no setor de serviços colocaram a capital maranhense em 1º lugar do Norte/Nordeste e entre as cinco cidades brasileiras com maior geração de empregos formais no país em 2017, segundo dados do Ministério do Trabalho (MTE), divulgados pela revista Exame.

Em postagem nesta quarta-feira (31), o prefeito de São Luís afirmou que o resultado é gratificante. “Estamos trabalhando com seriedade e responsabilidade, nomeando e empossando candidatos aprovados em concurso, e também desenvolvendo políticas na área fiscal que contribuem com o setor produtivo”, publicou.

Mesmo enfrentando a crise nacional, Edivaldo conseguiu manter a regularidade no pagamento do funcionalismo público, o que também contribuiu para a cidade atingisse a marca. Como veio ocorrendo durante toda a sua gestão, nesta quarta-feira (31) o prefeito anunciou mais uma vez que pagará o salário em dia, com vencimento no dia 2 de fevereiro.

Números

De acordo com o levantamento feito em 5.660 municípios do Brasil, no ano passado o saldo de empregos com carteira assinada em São Luís foi positivo, criando 2.636 vagas no mercado de trabalho. A cidade ficou atrás somente de Joinville (SC), Aparecida de Goiânia (GO), Bebedeouro (SP) e Goiânia (GO), única capital brasileira com saldo melhor que São Luís. Se levado em consideração somente as cidades do Norte/Nordeste, São Luís é a primeira em geração de empregos.

Ranking das 100 cidades que mais criaram empregos em 2017 (Fonte: Exame)

1º Joinville (SC) 5.588

2º Aparecida de Goiânia (GO) 4.342

3º Bebedouro (SP) 4.203

4º Goiânia (GO) 3.880

5º São Luis (MA) 2.636

6º São José (SC) 2.517

7º Matão (SP) 2.470

8º Uberlândia (MG) 2.175

9º Maraba (PA) 2.147

10º Boa Vista (RR) 2.145

11º São José do Rio Preto (SP) 2.120

12º Pato Branco (PR) 2.119

13º Votuporanga (SP) 2.081

14º Pirassununga (SP) 2.079

15º Colômbia (SP) 1.949

16º Itaquaquecetuba(SP) 1.911

17º Resende (RJ) 1.838

18º Patos de Minas (MG) 1.791

19º Boituva (SP) 1.764

20º Teresina (PI) 1.708

21º Parnaíba (PI) 1.678

22º Rondonópolis (MT) 1.660

23º Mogi das Cruzes (SP) 1.621

24º Gravataí (RS) 1.594

25º Chapecó (SC) 1.589

26º Anápolis (GO) 1.533

27º Aracruz (ES) 1.527

28º Sinop (MT) 1.519

29º Marília (SP) 1.473

30º Rio Verde (GO) 1.472

31º Palotina (PR) 1.435

32º Itajaí (SC) 1.416

33º Juazeiro (BA) 1.405

34º Várzea Grande (MT) 1.403

35º Goianésia (GO) 1.319

36º Araguaína (TO) 1.302

37º Comendador Gomes  (MG) 1.302

38º Mafra (SC) 1.301

39º Rio Claro (SP) 1.295

40º Suzano (SP) 1.289

41º Blumenau (SC) 1.286

42º Luis Antonio (SP) 1.261

43º Santo André (SP) 1.181

44º Monte Azul Paulista (SP) 1.136

45º Ji-Paraná (RO) 1.121

46º São Leopoldo (RS) 1.117

47º Brusque (SC) 1.093

48º Barcarena (PA) 1.092

49º Ponta Grossa (PR) 1.038

50º Santa Maria (RS) 1.020

51º Sapezal (MT) 1.014

52º Itaúna (MG) 1.009

53º Medianeira (PR) 981

54º Mogi-Guaçu (SP) 951

55º Passo Fundo (RS) 932

56º Cuiabá (MT) 929

57º Ribeirão Preto  (SP) 915

58º Sete Lagoas (MG) 896

59º Pirenópolis (GO) 879

60º Lucas do Rio Verde (MT) 872

61º Cascavel (PR) 871

62º Sobral (CE) 870

63º João Monlevade (MG) 867

64º Concórdia (SC) 855

65º Dourados (MS) 855

66º Caucaia (CE) 850

67º Extrema (MG) 840

68º Valinhos (SP) 830

69º Pouso Alegre (MG) 829

70º Rolândia (PR) 829

71º  Santa Cruz do Rio Pardo (SP) 818

72º Casa Nova (BA) 813

73º Castro (PR) 799

74º Tabatinga (SP) 790

75º Botucatu (SP) 785

76º Itapema (SC) 785

77º Ananindeua (PA) 783

78º Mirassol D Oeste (MT) 761

79º Morada Nova (CE) 760

80º Alfenas (MG) 760

81º Parnamirim (RN) 753

82º São Gonçalo do Amarante (RN) 749

83º São Jose dos Pinhais (PR) 743

84º Jataí (GO) 725

85º Apucarana (PR) 723

86º Varginha (MG) 722

87º Pontal do Paraná (PR) 722

88º São João da Boa Vista  (SP) 718

89º Senador Canedo (GO) 714

90º Primavera do Leste (MT) 713

91º Limeira  (SP) 712

92º São Gonçalo dos Campos (BA) 710

93º Iturama (MG) 707

94º Nova Odessa (SP) 707

95º Horizonte (CE) 706

96º Nossa Senhora do Socorro (SE) 706

97º Maringá (PR) 706

98º Luis Eduardo Magalhães (BA) 696

99º Toledo (PR) 689

100º Uruçuí (PI) 688

Prefeitura de São Luís paga servidores municipais nesta sexta-feira…

Metade do décimo terceiro será antecipada no dia 15 de junho

A Prefeitura de São Luís efetuará o pagamento do funcionalismo municipal nesta sexta-feira (2). Indo na contramão do atual cenário de crise que grandes capitais brasileiras têm enfrentado, o prefeito Edivaldo se mantém pagando seus servidores em dia. O quantitativo injetado nas contas dos funcionários municipais movimentará a economia da cidade durante o período carnavalesco.

De acordo com o secretário municipal da Fazenda, Delcio Rodrigues, o pagamento dos servidores é uma das prioridades do prefeito Edivaldo. “Para 2018, a previsão é dar continuidade aos feitos do ano anterior, efetuando o pagamento dos servidores de acordo com as datas previstas, quitando as parcelas referentes ao 13° salário e mantendo os investimentos e melhorias em diversas áreas”, disse o secretário.

Os servidores municipais têm acesso às informações de seus vencimentos nos terminais de autoatendimento do Banco do Brasil, por meio do contracheque eletrônico. A informação também pode ser acessada através do site da Prefeitura de São Luís (www.saoluis.ma.gov.br), no Portal do Servidor, menu do lado esquerdo, informando o número da matrícula e senha.

Edivaldo Jr lança o programa “Asfalto na Rua” em São Luís…

O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr (PDT), lançou, esta semana, no Anjo da Guarda, o programa “Asfalto na Rua”. A ação da Prefeitura de São Luís na área da infraestrutura urbana dá prosseguimento ao trabalho executado para restauração da malha viária local, contemplando dezenas de ruas e avenidas de diversos bairros da capital.

Realizado com recursos municipais, os serviços do ‘Asfalto na Rua’ se somam às ações do “Mais Asfalto”, programa feito em parceria entre a Prefeitura de São Luís e o Governo do Estado.

O lançamento contou com a participação do deputado federal Julião Amim, dos deputados estaduais, Edvaldo Holanda, Othelino Neto, Professor Marco Aurélio, do presidente da Câmara de Vereadores, Osmar Filho, dos vereadores Pavão Filho, Fátima Araújo, Genival Alves, Joãozinho Freitas, dos secretários de Estado Márcio Jerry (Comunicação e Assuntos Políticos) e Clayton Noleto (Infra-estrutura) dos secretários municipais Pablo Rebuças (Governo), Jota Pinto (Articulação Política), Antônio Araújo (Obras e Serviços Públicos) e Conceição Castro (Comunicação).

O prefeito Edivaldo afirmou que o programa ‘Asfalto na Rua’ vai implantar mais de 100 quilômetros de asfalto, contemplando dezenas de bairros da cidade com nova pavimentação, até dezembro deste ano. Concomitantemente, os serviços do ‘Asfalto da Rua’ iniciaram também, nesta terça-feira, nos bairros Anjo da Guarda, Gancharia e na avenida que dá acesso ao Cohaserma e Parque Shalom.

“É a continuidade de nossas ações para a recuperação da malha viária e melhoria da infraestrutura urbana de nossa capital. O trabalho nesse sentido será aprimorado agora com o reforço de mais este importante programa de asfaltamento de vias, chegando a novos setores da cidade. O período chuvoso cessou e a estiagem vai nos permitir entrar com força total nas áreas que necessitam de restauração da pavimentação asfáltica. A ação soma-se a outros serviços de restauração viária executado na cidade, como o programa ‘Mais Asfalto’, executado em parceria pela Prefeitura e o Governo do Estado”, enfatizou Edivaldo.

Edivaldo anuncia ampliação de incentivo fiscal em São Luís…

A Prefeitura de São Luís está trabalhando na elaboração de uma nova lei de incentivo fiscal que beneficiará a construção civil. O anúncio foi feito pelo prefeito Edivaldo Jr durante a posse das novas diretorias da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema) e do Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Estado do Maranhão (Sinduscon), para o quadriênio 2017/2021, tendo como presidentes, respectivamente, Edilson Baldez e Fábio Nahuz.

O prefeito Edivaldo destacou o compromisso com a construção civil. “Quero deixar aqui o compromisso com vocês de lançar em breve uma nova Lei de Incentivo Fiscal para a construção civil que vai ampliar os benefícios da legislação já existente, com o objetivo de consolidar a cooperação com as empresas e com o Sindicato da Construção do Maranhão”, disse o prefeito após parabenizar as novas diretorias.

Além de empresários, o evento reuniu prefeitos, dirigentes de empresas, presidentes de sindicatos, deputados estaduais e federais e senador. O prefeito foi acompanhado da primeira-dama, Camila Holanda, e dos secretários José Cursino Raposo, do Planejamento, e Delcio Rodrigues, da Fazenda.

Edivaldo destacou que a Lei de Incentivo Fiscal, em vigência, tem dado resultados positivos. Criada com o intuito de fomentar a construção civil, um dos setores que mais gera emprego na cidade, a lei, além da concessão de incentivos fiscais para as empresas edificarem dentro dos padrões de sustentabilidade, reduziu a burocracia e os custos do licenciamento de obras de urbanismo e garantiu agilidade nos processos.

Vídeos – Crateras irritam moradores na Avenida Este Interna e unidade 101 da Cidade Operária…

A Cidade Operária é um dos bairros com mais problemas de infraestrutura em São Luís. Os vídeos acima mostram as condições caóticas da rua 17D, na unidade 101, nas proximidades da Unidade de Ensino Básico Dr Jackson Lago, e da avenida Este Interna.

Na rua 17 D, um morador, que pediu para não ser identificado, gravou o vídeo mostrando que os ônibus e carros, que passam pelo local, são obrigados a trafegar pela calçada da escola, arriscando a vida de transeuntes e de estudantes por conta das crateras encobertas de água barrenta. Ele cobra providências da Prefeitura de São Luís para a via, pois quem mora ali tem muita dificuldade de sair de casa.

Nos vídeos seguintes, outro morador mostra as condições da avenida Este Interna, onde os carros e ônibus só faltam virar ao passarem nas crateras, principalmente quando elas se encontram cheias de água barrenta, lama vermelha.

Os moradores se queixam de que a Prefeitura de São Luís não manda uma equipe aos locais para fazer, pelo menos, serviços de manutenção que amenizem a situação caótica.

Na última sexta-feira (19), o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), o Holandinha, reagiu aos comentários correntes de que ele abandonou a cidade. Gravou um vídeo onde diz que “não seria irresponsável de gastar recursos públicos para serviços de infraestrutura nesse período chuvoso”. E negou que tenha sumido da sua própria administração.

Espera-se que, neste próximo período sem chuvas, o prefeito e seu secretário de Obras, Antônio Araújo, mandem serviços, intervenções de infraestrutura duráveis e eficazes à Cidade Operária para amenizar o sofrimento das famílias que moram no bairro, pois esses problemas são antigos, bem anteriores a estes meses chuvosos de agora.

Hoje, toda a Cidade Operária convive com esses problemas de infraestrutura que culminam em buraqueira, alagamentos, etc. Na semana passada, manifestantes interditaram a avenida de acesso ao Socorrão II em protesto pelo descaso da via, também cheia de buracos.

Você também pode fazer vídeos sobre as condições de ruas e avenidas de seu bairro. É só enviar para o e-mail do blog: [email protected] Nós denunciamos aqui. Estamos a disposição das comunidades.

Apertem os cintos, Holandinha sumiu!

 

Asfalto está cedendo em vários pontos de São Luís e ficando assim mesmo, sem nenhuma providência

Cenário de crateras chega a assustar. Parece filme de terror

População tenta cobrir buracos com pedras e outras coisas

Ruas tomadas de cratera mostram um perfeito estado de abandono

Não se pede desperdiçar dinheiro em período chuvoso, mas é necessário fazer a manutenção, o chamado “tapa-buracos”

Mais de 40 escolas estão de portas fechadas em São Luís com a administração, totalmente, parada

Imagine um avião abandonado pelo piloto em pleno espaço aéreo, cheio de passageiros que passam a ficar apavorados e sem saber o que fazer, ou um navio à deriva. É assim que está São Luís neste momento, ou melhor, nesses cinco meses de gestão do segundo mandato de Edivaldo Holanda Jr (PDT). É duro admitir isso, pois eu votei no prefeito (e não queria me arrepender do feito), assim como milhares de ludovicenses, na ilusão de que ele iria dignificar cada voto. Mas pasmem, senhores! Ele resolveu “tomar um chá de sumiço”, largar a cidade. Apertem os cintos!

Espero, sinceramente, que o prefeito acorde deste sono que parece profundo ou reapareça ao trabalho, saindo de seu esconderijo secreto para retomar o comando do avião, do navio, ou melhor, de São Luís a tempo. Eu ainda creio que ele vá se recuperar desta falha administrativa grave e, quando isso acontecer, também quero fazer o justo registro aqui. Mas, por hora, não poderia me calar diante do estado de abandono em que se encontra São Luís, até por uma questão de respeito aos meus leitores que me enviam, diariamente, fotos de ruas cheias de buracos, crateras, lixo e denúncias relativas à educação, à saúde, ao trânsito, etc, da capital maranhense. Eu sou cobrada por este público.

O “chá de de sumiço” tomado por Edivaldo Holanda Jr o fez esquecer até mesmo de mandar cobrar o Imposto Sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU). Isso mesmo! São Luís está deixando de arrecadar um tributo municipal que é utilizado, em regra geral, para a manutenção de ruas e avenidas. Por qual motivo, não se sabe. Irresponsabilidade de quem? Mistério!

Mas o cenário de marasmo não é sentindo apenas na Secretaria Municipal da Fazenda, os demais órgãos municipais também estão estão operando de forma caótica, sem nem mesmo material de expediente, energia elétrica, telefone, etc, em alguns casos. Falta até papel higiênico e água para descarga em determinados setores. Pasmem!

A cidade vive um completo abandono. Buracos, lixo, escolas desabando, alunos sem merenda e sem aulas, falta de remédios e materiais básicos nos hospitais e unidades de saúde, salários de contratados atrasados, calote nas manifestações culturais… E como se já não bastasse, em vez de Wi-Fi, a Prefeitura de São Luís chegou até  a voltar a vender o velho passe escolar. Andou para trás porque estava sem condições nem de resolver o problema da bilhetagem eletrônica.

Pasmem! Passados mais de quatro meses do ano de 2017, 42 escolas públicas municipais da cidade de São Luís ainda nem sequer começaram o novo ano letivo. Irresponsabilidade de quem? Um exemplo disso é a U.E.B Paulo Freire, localizada no bairro da Liberdade.

Tanto em 2012 quanto em 2016, ao se candidatar ao cargo de prefeito, Edivaldo colocou, em seu plano de governo, o compromisso de manter a integralidade do calendário escolar. No entanto, após quatro meses, as aulas sequer começaram este ano.

São Luís está perplexa e a se perguntar aonde está e o que faz o prefeito reeleito Edivaldo Holanda Jr diante de todo esse caos em São Luís. Em relação aos buracos e crateras, é lógico que não dá para fazer obras, pois a chuva prejudica o andamento delas e desperdiça recursos, mas o trivial pode e deve ser feito que é a manutenção com tapa-buracos para garantir trafegabilidade.

Não se vê uma equipe da Secretaria Municipal de Obras (Semosp) nas ruas. Não há uma avenida na cidade que esteja sem  necessidade de intervenção. Mas tudo está, espantosamente, parado como se a capital maranhense não tivesse um prefeito.

Nas redes sociais e em aplicativos como o WhatsApp, o sumiço de Holandinha virou até motivo de piada, de boas gargalhadas, gozação mesmo, e já gerou inúmeros memes. É comentário corrente que a cidade está sem comando, sem piloto, sem capitão, sem eira e nem beira.

Eu vou ser otimista para encerrar este post, acreditando na recuperação do prefeito que, no período eleitoral, eu mesma apostei ser a melhor opção para a cidade. Quero voltar a postar aqui feitos que mostrem que Holandinha acordou do seu sono profundo,  que reapareceu das cinzas para trabalhar…Enquanto isso, vamos observando e, se necessário, vamos continuar criticando esse marasmo que tomou conta de São Luís. Que o prefeito caia na real, se quiser ter um futuro político. Não dá para silenciar diante de tudo isso.

NOS BAIRROS! Edivaldo vistoria obra de drenagem no Coroado

Usando o novo recurso do WhatsApp, o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, atualizou seu status,  na manhã deste sábado (04), em um vídeo que mostra mais uma vistoria de obras, desta vez na Rua Cobalto, no bairro do Coroado, região que foi atingida pelas fortes chuvas desta última semana.

Edivaldo estava acompanhado do vice-prefeito Júlio Pinheiro e do secretário municipal de Obras, Antonio Araújo. Durante a vistoria, conversou com moradores e ouviu sugestões. Ao contrário do que tenta passar a mídia oposicionista, o prefeito está  indo, com frequência, aos bairros da capital maranhense.

Logo cedo, as equipes da Secretaria de Obras e Serviços Públicos (Semosp) já estavam a postos, no local, realizando os serviços de drenagem e contenção dos danos causados pela água pluvial.

Além da Rua Cobalto, a Rua do Cobre e a Rua Ouro serão beneficiadas pelas obras. Todo o entorno do bairro também terá ganhos com a implantação da rede de escoamento, que visa prevenir definitivamente e de forma eficiente o risco de alagamentos e inundações.

Segundo Edivaldo Holanda Jr, as ações irão garantir o escoamento correto da água e evitarão estes transtornos que, há mais de 40 anos, incomodavam os moradores. Mais uma realização do prefeito e sua equipe, por meio do diálogo com a população, que solucionará mais um problema histórico de São Luís.