Carnaval 2018: Prefeitura de São Luís inicia montagem da Passarela do Samba

 

A estrutura da Passarela do Samba de São Luís, um dos principais pontos de concentração de foliões no período carnavalesco, começou a ser montada nesta sexta-feira (19), no Anel Viário. O espaço será palco das atrações que farão o Carnaval de Todos 2018, organizado pela Prefeitura de São Luís em parceria com o Governo do Estado.

A estrutura conta com 200 metros de pista e capacidade de público de nove mil pessoas. O espaço terá 26 camarotes para 20 pessoas cada; espaço institucional para 140 pessoas; 27 cabines de jurados; espaço com acessibilidade, destinado a pessoas com mobilidade reduzida e idosos, além de seis arquibancadas com cerca de três mil lugares. A entrada à passarela será gratuita.

No local, também serão montadas sete torres de iluminação própria para o evento, com incidência de luz em torno de 185 kW de potência, além da implantação de banheiros químicos, central de atendimento de urgência, barracas de bebidas e comidas em seu entorno e área de concentração de agremiações.

Flávio Dino é o político brasileiro mais eficiente, diz pesquisa com 60 governantes

Governador Flávio Dino

Além de ser o governador que mais cumpriu promessas de campanha, Flávio Dino também é o político com melhor resultado numa lista incluindo 60 nomes de todo o Brasil, de acordo com levantamento do portal G1.

A pesquisa avaliou os compromissos do programa de governo de 60 governantes (governadores, prefeitos, presidente e ex-gestores) e o que foi cumprido até agora.

Segundo o G1, pertencente ao Grupo Globo, Flávio Dino já cumpriu integralmente ou está cumprindo 92% dos compromissos assumidos durante a campanha eleitoral de 2014. Nenhum dos outros políticos avaliados consegue resultado semelhante.

O levantamento mostra que Flávio, em três anos de governo, tem 22 compromissos cumpridos integralmente e 12 em andamento. Do total de 37 compromissos assumidos, o governador do Maranhão já cumpriu ou está cumprindo 34, de acordo com o levantamento do G1.

A média nacional de compromissos cumpridos inteiramente e parcialmente é de apenas 60%.

Quem chega mais perto

O político que chega mais perto de Flávio Dino é o governador de Rondônia, Confúcio Moura, com 85%. Entre os prefeitos, o mais próximo do maranhense é Nelson Marchezan Júnior, de Porto Alegre, com 75%.

O presidente Michel Temer fica bem distante de Flávio Dino, com 45% dos compromissos cumpridos ou em execução.

Nem mesmo políticos que já terminaram o mandato – portanto que tiveram mais tempo – chegam ao mesmo porcentual do governador do Maranhão. Esses governantes foram incluídos porque tinham entrado em edições anteriores do ranking do G1.

Entre os ex-gestores, quem mais se aproxima de Flávio Dino é Fernando Haddad, que foi prefeito de São Paulo entre 2013 e 2016, com 81,25%

Promessas de campanha

O levantamento do G1 avaliou mais de mil compromissos assumidos pelos então candidatos antes de serem eleitos.

Segundo a pesquisa, 33% das promessas foram cumpridas integralmente. Outros 27% ainda estão sendo cumpridos. E 40% ainda não foram cumpridas pelos governantes.

Os compromissos de Flávio Dino

De acordo com o G1, entre os compromissos cumpridos no Maranhão está implementar o Bolsa Escola, aumentar a rede de ensino em tempo integral, reformar e recuperar as escolas do Estado, aumentar o número de médicos no Maranhão, aumentar o número de policiais e criar a Secretaria de Transparência e Controle.

Segundo a pesquisa, Flávio Dino tem compromissos cumpridos ou em andamento em todas as 12 áreas avaliadas: administração; direitos humanos e sociais; economia; educação e cultura; habitação; infraestrutura; meio ambiente e agronegócio; mobilidade urbana; saúde; segurança pública; e transparência

Imperatriz: 76% querem votar em Flávio Dino…

Governador Flávio Dino

Flávio Dino (PCdoB) é o atual governador do Maranhão e candidato a reeleição para o pleito de 2018. Na última pesquisa realizada em novembro a vantagem era de 39 pontos percentuais e pouco mais de um mês depois a intenção de votos dos imperatrizenses supera os 75%, segundo dados da pesquisa do Instituto Interpreta.

Realizada a pedido do Jornal Correio Popular de Imperatriz, a pesquisa apresenta os dados coletados com base em três perguntas: Se a eleição para Governador no Maranhão fosse hoje e os candidatos fossem esses em quem o(a) sr(a) votaria?; Se a eleição fosse hoje, e os candidatos fossem esses, em qual ou quais deles o sr(a) não votaria de jeito nenhum?; e o(a) sr(a) aprova ou não aprova o governo de Flávio Dino?

Com base no levantamento feito este mês, 76% dos votos válidos são para Flávio Dino, e apenas 15,7% dos imperatrizenses demonstraram interesse em votar em Roseana. Em relação à intenção de não votar no candidato, Roseana lidera os números e apresenta 59,5% de rejeição, Flávio aparece em terceiro lugar com 7%.

Aprovação

A proposta de governo de Flávio Dino é aprovada por 67,67% da população de Imperatriz. A segunda maior cidade do estado já foi beneficiada com inúmeras obras desde o início da gestão do candidato do PCdoB.

Já foram entregues obras do Programa Mais Asfalto, que levou pavimentação a diversas ruas, melhorias na saúde com o Macrorregional e a maior esplanada do estado, a Beira-Rio, que foi inaugurada com programação diversificada. Além de diversas ações ainda em andamento.

Pesquisa

Foram entrevistados 600 eleitores residentes em Imperatriz e a coleta de dados foi realizada no dia 28 de dezembro. A margem de erro é de 4 pontos percentuais.

“A gente tem até sacrificado tarefas próprias para ajudar os municípios”, destaca Flávio Dino

Governador Flávio Dino

O municipalismo tem se tornado uma das principais marcas do governo Flávio Dino nesses três anos de gestão. Se antes apenas as cidades que possuíam prefeitos aliados eram beneficiadas, hoje as ações de apoio do Estado chegam a todas, independente de coloração partidária e política.

Em entrevista nesta segunda-feira a um pool de mais de 60 rádios, o governador Flávio Dino ratificou essa marca ao afirmar que “a gente tem até sacrificado tarefas próprias, nossas do Estado, para ajudar os municípios”. Ele citou como exemplo o exitoso programa Mais Asfalto, que já chegou em mais de 2/3 dos municípios do Maranhão.

“Temos feito esse esforço grande do Mais Asfalto. É um programa vitorioso e único no Brasil. Porque nenhum governo do Estado tem feito tanto apoio aos municípios como temos feito. Nós sabemos que há uma escassez dramática de recursos nas prefeituras, isso faz com que os municípios não consigam investir nas suas competências próprias, nas suas atribuições. No caso por exemplo pavimentação de vias urbanas”, explicou.

Flávio Dino esclareceu ainda que esse apoio às Prefeituras é prioritário porque os cidadãos maranhenses vivem nas cidades, e são os maiores beneficiários das políticas públicas, independente do posicionamento político dos prefeitos.

A atitude nobre é mais uma marca da mudança implantada por Flávio Dino desde 2015. O que em outrora era benefício apenas para aliados políticos, hoje é melhoria para todos os maranhenses.

Vídeos! Governador esclarece episódio sobre adutora da Caema em São Luís…

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), explica o que aconteceu durante a interligação da nova adutora e esclarece que os trabalhos para restabelecer o abastecimento de água do Sistema Italuís estão sendo feitos de forma incessante, até que o problema esteja resolvido.

Flávio Dino, diferente de outros governadores que o Maranhão já teve, acompanha o problema de perto para sanar o problema.

Em 2 meses, governador Flávio Dino entrega 72 motoniveladoras para melhorar estradas rurais…

Governador entregou mais uma etapa de motoniveladoras

O governador Flávio Dino entregou mais 14 motoniveladoras para municípios maranhenses. Com esse novo lote, são 72 máquinas entregues em apenas dois meses. A ação faz parte do programa Caminhos da Produção.

A máquina vem tirando do isolamento moradores de povoados mais distantes dos grandes centros. As motoniveladoras são grandes máquinas, que lembram uma espécie de trator, e ajudam a melhorar e abrir estradas.

Cada uma custa cerca de R$ 600 mil. Muitas prefeituras não têm como comprar ou alugar uma máquina dessa, por isso foi lançado o programa Caminhos da Produção.

As máquinas, também conhecidas como patrol, estão sendo usadas para melhorar as estradas de terra que são prejudicadas ano a ano com as chuvas.

Máquinas são usadas para abrir e melhorar estradas.

“A economia maranhense neste ano precisa ter um crescimento bastante expressivo, superior ao crescimento do país. E os principais motores desse crescimento econômico, de geração de emprego e renda, são a agricultura e a pecuária. Por isso o programa Caminhos da Produção é muito importante”, disse o governador Flávio Dino.

Governador Eugênio Barros é um dos municípios contemplados com o novo lote de equipamentos, de acordo com a prefeita da cidade, Da Luz, o programa é essencial para a economia do município. “As estradas vicinais por onde escoa a produção ficaram intransitáveis depois do inverno. Agora vamos ter condições de melhoria”, explicou Da Luz.

“A motoniveladora vai melhorar as estradas e facilitar a vida dos produtores”, disse o prefeito Joab Santos, de Riachão.

Para o prefeito Dunga, do município de Icatu, a máquina “vai ser bem eficaz para melhorar as estradas e desenvolver a cidade”.

Parceria

O governador lembrou outras ações do Estado para os municípios, como o Mais Asfalto. “Com isso, a gente está ajudando as prefeituras a cumprirem seu papel”, comentou.

O secretário de Comunicação Social e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, disse que a entrega das motoniveladoras representa a “parceria permanente do Governo do Estado com os municípios”.

Receita contra a crise

Flávio Dino também ressaltou que a crise nacional, embora de grande impacto, tem sido atenuada no Maranhão por medidas diversas. “Nós escolhemos enfrentar a crise, nós escolhemos enfrentar a recessão. E é por isso que o crescimento vai ser mais acelerado no Maranhão. Nós tivemos a coragem de, nos anos anteriores, de fortíssimas intempéries, caminhar no limite de uma gestão fiscal corajosa”, afirmou.

Máquinas são usadas para abrir e melhorar estradas.

“Foram essas medidas que fizeram com que tivéssemos reajuste de salários de servidores, contratação de novos funcionários, um vigoroso programa de obras públicas e entregue mais de 550 obras de vários tipos. Essas ações são o ponto de partida para a retomada do crescimento do Maranhão”, acrescentou.

Municípios contemplados com as 14 motoniveladoras

Buriticupu, Davinópolis, Duque Bacelar, Governador Eugênio Barros, Icatu, Nina Rodrigues, Riachão, Santa Helena, São João do Paraíso, São Luiz Gonzaga do Maranhão, Sítio Novo, Timbiras, Trizidela do Vale e Turiaçu.

Governador já entregou 72 motoniveladoras. Foto: Gilson Teixeira/Secap

Três novos secretários tomam posse no governo…

Os gestores se integram à equipe com a missão de dar continuidade aos programas de governo, fortalecendo as ações estratégicas e políticas públicas

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), empossou três novos secretários de Estado, em solenidade no Palácio dos Leões, na manhã desta terça, 10. Lawrence Melo Pereira é um dos nomes que agora se somam à equipe de governo, delegado que assume a presidência da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB). Com a mudança, o atual, José Artur Cabral Marques, vai comandar a presidência da Companhia Maranhense de Gás (Gasmar). Ainda, na Secretaria de Estado da Mulher (Semu), assume a ex-deputada federal Terezinha Fernandes, em substituição a Laurinda Pinto.

Os gestores se integram à equipe com a missão de dar continuidade aos programas de governo, fortalecendo as ações estratégicas e políticas públicas, pontuou o governador Flávio Dino.  “Agradecemos aos antigos secretários pela colaboração e parabenizamos os que vêm somar à equipe. Com estas mudanças estamos ampliando o nosso governo e renovando as forças para que a gestão permaneça cumprindo seu papel”, reiterou.

“É uma honra esse convite e um grande desafio por suceder um técnico competente e que muito realizou à frente desta pasta. Reafirmamos o compromisso com as demandas, vamos atuar com um olhar mais voltado para o social, dando continuidade ao exitoso trabalho desempenhado pela gestão anterior e ampliando as ações da pasta”, enfatizou Lawrence Pereira, que passa a presidir a MOB.

Um grande desafio cumprido para estruturar a MOB, que em três anos resultou em um órgão de orçamento de mais de R$ 100 milhões ao ano com captação de vários recursos federais; diversos projetos de mobilidade urbana e transporte; e ações na regulação de gás e saneamento, pontuou Artur Cabral, durante sua fala, fazendo breve resumo de sua atuação à frente da MOB.

“Estou orgulhoso do trabalho realizado e fico lisonjeado com este convite do governador. Agradeço ao governador por esta nova missão que foi confiada a mim, na Gasmar”, reiterou Cabral. A nova titular da Semu, Terezinha Fernandes, iniciou sua fala elogiando a antiga gestora. “É uma mulher igual a mim, sonhadora e guerreira, que promoveu um relevante projeto à frente desta secretaria. É uma tarefa desafiadora, mas estimulante. Vamos somar à equipe do governador e trabalhar para inserir ainda mais a mulher, promovendo mais políticas de igualdade”, enfatizou.

O potencial de gestão dos novos secretários foi pontuado pelo governador, que reforçou o empenho dos antigos titulares das pastas e destacou ser este um processo em curso desde o início de sua gestão, com fins ao aprimoramento e qualificação das ações do Governo. O governador assinou o Termo de Posse, seguido dos secretários empossados.

A cerimônia contou com presença do vice-governador Carlos Brandão; do secretário de Estado de Comunicação e Articulação Política (Secap), Márcio Jerry; ex-titular da Semu, Laurinda Pinto e demais secretários de Estado; do presidente do PT, Augusto Lobato e vereador petista Honorato Fernandes; e da ex-diretora presidente da Gasmar, Telma Thomé.

Pesquisa Exata: Flávio Dino tem vantagem de 32% em relação a Roseana na disputa pelo governo

Do Jornal Pequeno

Governador Flávio Dino

De acordo com uma pesquisa feita pelo Instituto Exata, O governador Flávio Dino tem uma vantagem de 32 pontos percentuais em relação à Roseana Sarney,  que pretende se  candidatar a governadora. em 2018. A pesquisa foi divulgada pelo Jornal Pequeno nas primeiras horas desta quarta (4).

Segundo o levantamento feito com  1.420 eleitores, entre os dias 30 de setembro e 3 de outubro, 60% dos maranhenses optaram pela reeleição de Flávio Dino, apenas 28% votariam na ex-governadora Roseana, 7% votariam no senador Roberto Rocha e 5% na ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge (Pode), considerando os votos válidos, conforme feito na apuração eleitoral. Confira o quadro abaixo:

De acordo com o levantamento, 61% dos maranhenses aprovam a gestão Flávio Dino, 36% desaprovam e 3% não sabem ou não responderam.

A margem de erro do estudo é de  3,2 pontos percentuais e o levantamento tem 95% de confiabilidade.

“Vamos comparar se mudou ou não mudou”, diz governador

Governador Flávio Dino

Em meio às especulações sobre a possível candidatura da ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) nas eleições de 2018, em entrevista à TV Difusora, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) acredita que um “debate franco e direto entre modelos que são bem diferentes de governar” é mais importante do que os nomes que se lançarão na corrida eleitoral do próximo ano.

“Não sei quem será o representante deles, mas nós faremos esse debate com muita tranquilidade. Quem tem a verdade e quem tem resultados enfrenta qualquer adversário”, assegurou o governador.

Para Dino, a estratégia para 2018 será “continuar mudando” e lançar à população as diferenças entre a sua gestão e os governos do passado.

“O campo da mudança não pode ser julgado por um período curto e não pode ser julgado sem que você compare as coisas. Vamos comparar?! Quantas unidades do Viva tinha antes e quantas tem hoje? Quantas unidades do Procon tinha antes e quantas tem hoje? Restaurantes populares, leitos hospitalares, policiais, viaturas, ambulâncias. Vamos comparar? Hoje a resposta é: nós temos mais ambulâncias, mais policiais, mais viaturas, mais hospitais, mais Restaurantes Populares, mais Viva’s, mais Procon’s, mais Ciretran’s, mais serviços públicos, mais políticas sociais, escolas de tempo integral. Vamos comparar se de fato mudou ou não mudou”, provoca Dino.

Uma semana antes da entrevista na Difusora, Flávio Dino já havia citado as diferenças entre o seu governo e a gestão Roseana no artigo “Basta comparar”. No texto, o governador elenca detalhes da “herança maldita” que recebeu assim que assumiu o governo.

“O Maranhão que recebi era o estado das rebeliões em Pedrinhas, das cabeças cortadas em cadeia nacional e dos toques de recolher, todos os meses, na cidade de São Luís”, frisa o artigo.