Sarney, mudança de domicílio e as incertezas que rondam seu grupo político no Maranhão…

De volta ao Maranhão, Sarney vem para o tudo ou nada

Com o governador  Flávio Dino (PCdoB), liderando todas as  pesquisas de intenções de votos no Estado, o ex-senador José Sarney (PMDB) mudou, mais do que depressa, o  domicílio eleitoral para o Maranhão. Fato! Nos bastidores, fortes comentários de que ele não deverá ser candidato a nada e, sim, dedicar-se à campanha, principalmente, da filha, ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), ao governo ou, possivelmente, ao Senado.

A presença de Sarney no Maranhão, no comando da campanha majoritária de seu grupo político, também viria para tentar dirimir os conflitos internos e familiares que acontecem em torno da disputa pelo Senado. Roseana ainda estaria insegura quanto a entrar na disputa pelo governo e vê na corrida pelo Senado a sua possibilidade primeira, em caso do projeto número um fracassar.

Porém, essa pré-disputa pelo Senado no grupo Sarney tem sido uma “dor de cabeça” grande para o patriarca da família. Pois o deputado federal e ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), também é pré-candidato e disse que, desta vez, não abrirá mão do direito de ser candidato para a irmã, como já fez em outras ocasiões.

Indecisa sobre entrar ou não na disputa pelo governo do Estado, já que o cenário mostra o governador Flávio Dino com reais condições de reeleição, Roseana marca terreno também para ser possível candidata ao Senado, caso o Plano A não possa se concretizar em função do risco de derrota, o que não agrada o irmão Zequinha.

Nos bastidores, segundo fontes do blog, o grupo Sarney tem como Plano B para a disputa ao governo, no caso de Roseana Sarney vir concorrer a uma vaga no Senado, o senador João Alberto (PMDB), até porque este, escudeiro fiel do grupo, não tem espaço mais para brigar pela reeleição. E o senador Edison Lobão (PMDB) parece ser, no momento, a segunda opção do grupo na corrida senatorial.

A vinda do experiente e articulador Sarney é para colocar freios, acalmar os ânimos, estimular aliados, reorganizar o jogo, numa cartada decisiva e final na tentativa de recuperar o potencial político do grupo que dominou a política do Estado por longas décadas.

Sobre o Amapá e especulações…

Desde 1990, Sarney era eleitor do estado do Amapá, por onde se elegeu senador. A mudança do registro veio poucos dias após pesquisas apontarem a possibilidade de reeleição do atual governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), em primeiro turno.

O ex-presidente, agora aos 88 anos anos, mudou seu domicílio eleitoral para o Maranhão, estado em que sua família esteve à frente do poder por décadas.

A mudança do registro eleitoral do patriarca da família Sarney veio poucos dias após pesquisas apontarem que o atual governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), poderia se reeleger em primeiro turno.

Por este motivo, nos bastidores, há a especulação de que o patriarca decidiu se jogar com tudo na campanha,  pelo fato da pré-candidatura de sua filha não ter decolado ainda nem ao governo, nem ao Senado (aqui por conta de querelas familiares).

No Maranhão, há quem diga também que uma eventual candidatura do próprio José Sarney ao governo do Estado não está descartada. Ele teria vindo para o tudo ou nada e qualquer situação. Objetivo maior seria reerguer o grupo político no Maranhão.

Rigo Teles assume o comando do seu grupo político em Barra do Corda

Deputado Rigo Teles assumiu o comando após a morte de seu pai

Acompanhado da mãe, Dona Santinha, o deputado Rigo Teles (PV) recebeu, em sua residência em Barra do Corda, os vereadores João Pedro Filho, Nem do Swan, Eteldo, a vereadora Graça do Ivan, suplentes de vereadores, candidatos a vereador e expressivas lideranças políticas de Barra do Corda.

Depois de ouvir os vereadores e lideranças, Rigo Teles anunciou que, a partir de agora, está assumindo o comando do seu grupo político no município de Barra do Corda e na Região Central do Maranhão, formado e comandado por muitos anos pelo ex-prefeito e grande liderança, Manoel Mariano de Souza, “Nenzin”.

O anuncio foi recebido com grande entusiasmo pelos vereadores e lideranças. Ambos aproveitaram a oportunidade para dar força, oferecer o apoio e pedir que Rigo Teles assuma a liderança e fortaleça o grupo político, que vai continuar unido e lutando por melhorias para a população de Barra do Corda.

ENERGIA POSITIVA

Apesar de ainda consternados com os acontecimentos, Rigo e Dona Santinha firmaram compromisso com os vereadores e lideranças de promover a união pelo povo. “Meu pai se foi, mas comandarei nosso grupo, firme e forte. Agradeço a energia positiva dos meus amigos presentes nessa reunião”, disse Teles.

Para fortalecer ainda mais o grupo, Rigo anunciou novas reuniões com seus aliados. Na sexta-feira (19), às 19h, o deputado reunirá, em sua residência, cerca de 80% dos comerciantes de Barra do Corda, considerados fortes aliados na luta para melhorar a qualidade de vida do povo do município.

Ao final da reunião ficou decidido, também, que na sexta-feira (26), a partir das 8h, o deputado Rigo Teles e seu grupo promoverão, em Barra do Corda, durante o café da manhã, uma grande reunião com todos seus representantes políticos da zona urbana e na zona rural do município.