INDIGESTO! Chegada de Roberto Rocha ao PSDB deve provocar debandada no ninho tucano…

Assim como era no PSB, Roberto Rocha também é antipatizado entre diversas lideranças do PSDB

A chegada do senador do Maranhão, Roberto Rocha, ao PSDB, após ser expulso do PSB, deve causar uma verdadeira debandada no ninho tucano maranhense. Já cogitam sair do partido o vice-governador Carlos Brandão, o secretário de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, o prefeito de São José de Ribamar, Luís Fernando Silva, além de diversas lideranças políticas do Estado.

Assim como era no PSB, Roberto Rocha também é antipatizado entre diversas lideranças do PSDB e a chegada dele ao partido deve provocar uma grande debandada do ninho tucano no Maranhão, entre vereadores, prefeitos e lideranças políticas, inclinadas ao projeto de reeleição do governador Flávio Dino (PCdoB).

Roberto Rocha (PSB-MA) acertou na quarta-feira, 13, sua migração para o PSDB, visando às eleições de 2018, em reunião com o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), presidente em exercício do partido. Ele foi expulso do PSB, após votações contrárias à orientação do partido, como no caso da Reforma Trabalhista de Michel Temer (PMDB) , matéria que ele foi favorável.

O senador vem anunciado sua pré-candidatura ao governo do Maranhão, numa possível disputa contra o governador Flávio Dino (PCdoB). O vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão, tem sido o principal responsável pela manutenção da aliança entre o PSDB e o PCdoB.