Eleição para a OAB-MA vai ganhando forma

A eleição da OAB-MA acontece dia 23 de novembro

Marcada para acontecer em 23 de novembro, a eleição para a diretoria do Conselho Seccional da Ordem dos Advogados Brasileiros (OAB), no estado do Maranhão, vai ganhando forma e oficializando os nomes na disputa.

O advogado criminalista Mozart Baldez foi o primeiro a registrar seu nome na disputa, o advogado representa o movimento “Reconstruir é a Ordem” e teve seu nome registrado na manhã de segunda-feira (22). Para a secretaria adjunta da chapa, foi inscrito a advogada Ionara Pinheiro Bispo.

Pré-candidato à reeleição, o atual presidente Thiago Diaz lidera o movimento chamado “A Renovação Continua”. A chapa já indicou o nome do advogado Heleno Mota da seccional de Imperatriz como candidato a vice, mas ainda não foi registrada oficialmente.

Outro nome praticamente certo na disputa é o do advogado Carlos Brissac, nome indicado do ex-presidente da OAB-MA, Mário Macieira e tem a simpatia de vários secretários estaduais. Carlos Brissac é o candidato de oposição que mais aglutinou apoios que discordam da atual gestão do presidente Thiago Diaz. Nos últimos dias, Brissac recebeu apoio de Pedro Alencar, vice-presidente da OAB-MA e representante do movimento “União & Força” e de Roberto Feitosa, representante do “Repense OAB”, que declinaram de suas candidaturas para fortalecer o nome de Carlos Brissac.

A advogada Sâmara Braúna segue com sua pré-campanha para disputar a presidência da OAB-MA. Nos últimos dias, a advogada se envolveu em uma polêmica, ao perder o apoio do conselheiro federal da OAB, Charles Dias. Sâmara respondeu e afirmou que foi o próprio grupo que dispensou o apoio de Charles. Mesmo com a baixa, Sâmara continua na disputa.

Aldenor Rebouças é outro nome que já lançou sua pré-candidatura e disse seguir firme na disputa. Aldenor já afirmou que tem números suficientes de apoios e que não possibilidades de declinar de sua campanha para apoiar um outro candidato.

Brissac já aparece em 2º na pesquisa para OAB

A pesquisa foi realizada antes do lançamento da pré-candidatura de Brissac, e foi vista como uma surpresa para o grupo que coordena a campanha de Brissac

Uma nova pesquisa, divulgada pelo Instituto Sulma, que ouviu 164 advogados na região Oeste – cidades de Açailândia, Balsas, Estreito e Imperatriz – colocou o jovem advogado Carlos Brissac em 2º lugar nas intenções de votos.

A pesquisa foi realizada antes do lançamento da pré-candidatura de Brissac, e foi vista como uma surpresa para o grupo que coordena a campanha.

A ligação de Carlos Brissac com o ex-presidente da OAB, Mário Macieira, avaliada como uma das melhores da história da OAB maranhense, tem feito ele sair de um bom patamar.

PT deve ter candidato próprio à Prefeitura de São Luís; Zé Inácio é cotado; Mário Macieira também

Deputado Zé Inácio leva vantagem na disputa interna pelo direito de disputar a Prefeitura de São Luís

Deputado Zé Inácio leva vantagem na disputa interna pelo direito de disputar a Prefeitura de São Luís

O Partido dos Trabalhadores (PT)  está discutindo, em plenárias, o lançamento de uma candidatura própria à Prefeitura de São Luís. Os nomes que se colocam para a disputa são os do deputado estadual Zé Inácio Rodrigues e do advogado Mário Macieira, ex-presidente da Ordem dos Advogados, secção Maranhão (OAB).

A sigla já decidiu que terá nome próprio para a disputa em São Luís. Na última plenária municipal, Zé Inácio se colocou à disposição do partido para a corrida pelo comando do Palácio La Ravardière. No entanto, o deputado  deixou claro  que deseja o consenso para aceitar a candidatura.

O parlamentar disse ainda que o objetivo é trabalhar para escolher o melhor representante do partido, o que seria uma oportunidade para dialogar com a sociedade e apresentar propostas que visam melhorar a vida da população de São Luís, além de defender o legado do ex-presidente Lula e da presidente afastada, Dilma Rousseff.

De início, Zé Inácio já contaria com o apoio do deputado federal Zé Carlos da Caixa, do vereador Honorato Fernandes, do presidente estadual do PT, Raimundo Monteiro, do presidente do diretório municipal, Fernando Magalhães, além de lideranças políticas como Lobato e Henrique Sousa.

Mário Macieira, cujo o grupo do qual faz  parte sofreu recente derrota na disputa da OAB, também se articula em busca de apoios dentro do partido. Mas, por enquanto, quem leva vantagem, internamente, é Zé Inácio.