Disputa para o governo do Maranhão já conta com cinco nomes

O nome do engenheiro Odívio Neto foi anunciado como pré-candidato a governador pelo PSOL

A eleição majoritária de 2018 para o governo do Maranhão se encaminha para ter, por enquanto, cinco candidatos.

O nome do engenheiro Odívio Neto foi anunciado como pré-candidato a governador pelo PSOL. A chapa ficou fechada com a indicação da professora Helena como pré-candidata a vice, pelo PCB.

Já estão confirmados o nome do senador Roberto Rocha (PSDB), que teve sua candidatura anunciada em evento com o presença do ex-governador Geraldo Alckmin.

A ex-governadora Roseana Sarney (MDB) também teve seu nome lançado no mês passado. Roseana que nos últimos anos perdeu o apoio de vários partidos, ainda não divulgou o nome de seu vice.

A ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge, já lançou seu nome ao governo do Maranhão ainda no Podemos. Depois de filiada ao PSL, espera a vinda do pré-candidato à Presidência, Jair Bolsonaro, no próximo dia 14, para ter sua pré-candidatura oficializada.

O governador Flávio Dino (PCdoB) também já iniciou sua pré-candidatura com a realização dos ‘Diálogos pelo Maranhão’. Flávio conta com o apoio de 14 partidos e tem a sua chapa fechada com a indicação de Carlos Brandão (PRB) para a vice.

O cômico e constrangedor descontrole de Maura Jorge em Lago da Pedra…

Os vídeos acima (feitos pelo blogueiro Carlinhos Filho) circulam nas redes sociais, neste final de semana, e mostram cenas lamentáveis do descontrole emocional, ou seja, barraco protagonizado pela prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge, durante visita do governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), para anúncio de obras importantes no Município, deixando o genro dela, o secretário estadual de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, em uma situação constrangedora.

Como há uma disputa política no Município entre Maura Jorge e o ex-deputado Mauro Jorge, o Cerimonial do governo não programou a fala de nenhum dos dois durante o evento. Durante o discurso do governador, a prefeita passou a fazer intervenções no palanque e chamando assessores para preparar um carro de som para que ela então fizesse um pronunciamento na rua.
O governador enquadrou e mandou várias diretas para a prefeita que não respeitou a presença dele e nem seu discurso e desceu do palanque para a rua. Flávio Dino disse que “não tem medo de cara feia”, que os tempos são outros no Maranhão e que acabou o tempo do coronelismo no Estado.

Neto Evangelista e o vice-governador Carlos Brandão ainda tentaram amenizar o descontrole da prefeita, mas não adiantou. Autoritária, Maura Jorge disse que Lago da pedra tem prefeita e foi discursar no meio da rua, provocando tumultuo e constrangimento no evento. Veja os vídeos.