Prefeitura de São Luís anuncia mudanças no secretariado municipal

A Prefeitura de São Luís comunicou, através das redes sociais, alteração em sua equipe de secretariado. A partir desta terça-feira (25), o atual secretário de Governo, Lula Fylho, assume o comando da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), em substituição a Helena Duailibe.

O adjunto da Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento (Seplan), Pablo Rebouças, assume a Secretaria Municipal de Governo (Semgov) como titular da pasta.

Prefeitura intensifica intervenções de drenagem em período chuvoso…

 

Em face das fortes chuvas que atingiram São Luís nas últimas semanas, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), tem intensificado as ações preventivas nas redes de escoamento de águas pluviais em pontos estratégicos da cidade. Os serviços integram as ações da gestão Edivaldo para minimizar transtornos no período chuvoso, prevenindo alagamentos. Neste sábado (18), as equipes realizaram o trabalho de drenagem profunda no Córrego do Vinhais, na Curva do Noventa.

O alerta do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) aponta que o volume de chuvas para os próximos dias na capital maranhense pode dobrar. Por isso, conforme explica o secretário de Obras e Serviços Públicos, Antônio Araújo, todos os esforços estão sendo concentrados para evitar alagamentos.

“Estamos agindo de forma preventiva, seguindo orientação do prefeito Edivaldo, em áreas com histórico de alagamentos periódicos. A intenção é prevenir incidentes, garantindo a tranquilidade dos moradores do entorno e a mobilidade urbana mesmo com chuva intensa. Além é claro, do trabalho continuado que já realizamos na ampliação da rede de rede de drenagem e escoamento espalhada por toda a cidade”, ressalta Antônio Araújo.

As máquinas e operários trabalharam na desobstrução de bueiros às margens da Avenida Jerônimo de Albuquerque, removendo resíduos fruto do descarte irregular e também materiais volumosos. A frente de trabalho também englobou a correção da drenagem superficial e a reconstrução da parede de contenção do aterro da pista, que foi afetada pelas fortes chuvas registradas na última semana. As equipes também atuaram de forma preventiva, fazendo a contenção do córrego existente no local com a colocação de sacos de concreto, com o objetivo de evitar alagamento da via.

OUTROS SERVIÇOS

Entre os anos de 2013 e 2016, foram implantados 22km de rede de canais e galerias, com o objetivo de sanar pontos históricos de alagamentos na capital marahense. Os investimentos são considerados fundamentais para enfrentar o período chuvoso.

Um exemplo é a rede de drenagem do bairro Santa Clara, que, com 85% das obras concluídas suportou o escoamento das aguas, apresentando eficiência sem provocar danos aos moradores. A obra faz parte do conjunto que interliga a rede da Vila Apaco, que beneficiará mais de 50 mil famílias dos bairros Jardim São Raimundo, Vila Janaína, Vila Riod, Vila Vitória, Santa Bárbara e adjacências.

Prefeitura sorteia endereços dos residenciais Piancó I e II…

Prefeitura sorteia endereços dos residenciais Piancó I e II

A Prefeitura de São Luís realiza, nesta quinta-feira (9), o sorteio de endereços das unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, dos contemplados nos Residenciais Piancó I e II, construídos na área Itaqui-Bacanga. São 448 apartamentos, marcando a consolidação do sonho da casa própria para centenas de famílias. A solenidade está marcada para as 15h, na Central de Habitação, localizada na Avenida Marechal Castelo Branco, São Francisco.

O evento integra mais uma etapa do programa de habitação do Governo Federal executado pela Prefeitura de São Luís por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh), que já soma mais de 11 mil unidades entregues, desde a primeira gestão do prefeito Edivaldo. O programa desenvolvido em São Luís é considerado o maior de todo o Norte e Nordeste do país. O secretário de Urbanismo e Habitação (Semurh), Madison Leonardo Andrade Silva, relembrou a abrangência dos programas habitacionais executados pela administração. O gestor pontua que todos os esforços são reunidos em ações coordenadas pela Prefeitura.

“A realização do sonho da casa própria para milhares de famílias concretiza um compromisso assumido pelo prefeito Edivaldo com a população de São Luís, garantindo moradia digna para os que mais precisam. Para garantir o sucesso do programa, trabalhamos de forma integrada, coletando as demandas e promovendo o acompanhamento social das famílias atendidas. O objetivo do programa é diminuir o déficit de habitação e garantir que cada vez mais pessoas conquistem o direito a morar bem e com dignidade”, relembrou Madison Silva.

Um diferencial do projeto de habitação do prefeito Edivaldo, conforme destaca o secretário da Semurh, é a inclusão equipamentos sociais nos residenciais. Este núcleo agrega creche, escola, área de lazer e posto de saúde. Além disso, nos novos residenciais há também o oferecimento de capacitação e a promoção de ações educativas e sociais às comunidades por meio do Trabalho Técnico Social.

As unidades habitacionais são destinadas a pessoas de baixa renda que não tenham residência própria. Cada empreendimento do Programa Minha Casa, Minha Vida em São Luís reserva ainda cerca de 3% a 5% das moradias para pessoas residentes em áreas de risco, desabrigadas ou que sejam benefíciárias do Aluguel Social. O trabalho de identificação desse público, que tem prioridade no programa, é realizado por equipes técnicas da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas).

A Prefeitura já entegou unidades dos residenciais Vila Maranhão I, II, III e IV de apartamentos com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Foram entregues também pela Prefeitura unidades do Residencial Ribeira I a IX; Residencial Amendoeira; Luiz Bacelar I e II; Apartamentos do Recanto Verde; Residencial São José V; apartamentos do Piancó VII e VIII; e casas do Residencial Santo Antônio.

Enquanto WC procurou Safadão para gravar jingle, Eliziane recebeu toada de Chagas do Bumba-Meu-Boi

Wwllington Sem Curso foi buscar Wesley Safadão para gravar jingle

Wwllington Sem Curso foi buscar Wesley Safadão para gravar jingle

Eliziane recebeu toada do cantador Chagas

Eliziane recebeu toada do cantador Chagas

Uma curiosidade. Enquanto a candidata do PPS, Eliziane Gama, mostra-se próxima de expoentes da cultura maranhense, tendo recebido um jingle de campanha em forma de toada do cantador Chagas, o adversário, Wellington do Curso (PP), preferiu buscar a voz do cearense e forrozeiro, Wesley Safadão, para uma “canja” eleitoral.

Isso sinaliza que a cultura maranhense não está em primeiro plano  para Wellington Sem Curso. Forrozeiro e farrista de carteirinha, ele prefere  as estrelas cearenses às maranhenses.

AGORA É GUERRA! Eliziane e Wellington do Curso se confirmam em São Luís…

 

Eliziane confirmou nome em convenção

Eliziane confirmou nome em convenção

Wellington terá como vice Roberto Júnior

Wellington terá como vice Roberto Júnior

A deputada federal Eliziane Gama (PPS) e o deputado estadual Wellington do Curso (PP) se confirmaram em convenções simultâneas, realizadas no Espaço Renascença e Assembleia Legislativa, para a disputa pela Prefeitura de São Luís. Os dois, até o momento, são os principais adversários do candidato à reeleição, o prefeito Edivaldo Holanda Jr (PDT).

Eliziane, que terá o vereador José Joaquim como vice, fechou convenção com o apoio do  PPS, PSDB, PV, PSDC, SD, PTN, PRTB, REDE e PTdoB.

A convenção do PP e dos demais partidos aliados confirmou também o vereador Roberto Júnior (PSB) para vice de Wellington do Curso.

Também presentes no evento declarando apoio à candidatura de Wellington, o senador Roberto Rocha (PSB), o deputado federal e presidente
estadual do PP, André Fufuca, Márcio Andrade presidente municipal do
Partido Humanista da Solidariedade (PHS), Clodomir Paz, candidatos a
vereador, lideranças políticas e autoridades.

FIM DO IMPASSE! Júlio Pinheiro será o candidato a vice de Holandinha…

Professor Júlio Pinheiro foi a indicação do PCdoB para compor chapa com Edivaldo Júnior

Professor Júlio Pinheiro foi a indicação do PCdoB para compor chapa como vice de Edivaldo Júnior

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) em São Luís anunciou, nesta quarta-feira (04), em coletiva de imprensa,  o professor e sindicalista Júlio Pinheiro como candidato a vice-prefeito na chapa do atual prefeito, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), para as eleições municipais em São Luís. A oficialização pôs fim a uma novela que já vinha se esticando demais.

Depois de uma briga entre PT e PSB pelo posto de candidato a vice, o PCdoB, que havia cedido a vaga para as negociações que sustentassem a candidatura à reeleição, resolveu retomar o seu direito à vaga, como sinal de fim de  impasse e da crise entre os partidos que se engalfinhavam.

Durante o anúncio,  Edivaldo Jr, o Holandinha,  mencionou a origem de Júlio, que é da área Itaqui Bacanga, ressaltando a sua importância histórica nas lutas sindicais e nas causas sociais como membro do PCdoB.

O professor Júlio Pinheiro destacou que a indicação para vice-prefeito da capital maranhense será mais uma batalha a ser travada. “Fico feliz com essa indicação. Vamos dar todo apoio ao prefeito Edivaldo na continuidade do trabalho que ele vem desempenhando em São Luís”, frisou.

O presidente estadual do PCdoB, Márcio Jerry, e o presidente estadual do PDT, Weverton Rocha, foram algumas das autoridades políticas presentes no ato.

Perfil do candidato

Júlio Pinheiro é professor de história da rede pública estadual de ensino e presidente licenciado do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma).

É filiado ao PCdoB desde a década de 1990, tendo antes atuado ativamente como membro da União da Juventude Socialista (UJS).

FOTO DO DIA: Asfalto chega a ruas do Coroado…

Obras de infraestrutura no Coroado

Obras de infraestrutura no Coroado. Rua Reis Perdigão, entre João Paulo e Coroado

A Prefeitura de São Luís iniciou serviços de infraestrutura, pavimentação e urbanização das vias, no bairro do Coroado. A reestruturação daquela área é muito simbólica. Trata-se de um dos bairros mais antigos, na área central da cidade, que estava há anos sem receber  qualquer intervenção de infraestrutura urbana.

No Coroado, o que antes era um cenário de pleno abandono está dando lugar, aos poucos, à esperança de dias melhores. Os serviços foram iniciados pela Rua do Arroz, bem ao lado da feira do João Paulo: uma das vias mais importantes do bairro, com grande movimento de comércio e fluxo intenso de veículos e pedestres.

As intervenções devem se estender às outras ruas do bairro nos próximos dias. Ao todo, já são mais de 90 bairros com serviços de urbanização e melhorias executados pela Prefeitura de São Luís.

O destino dos “lanternas” na disputa em São Luís

Marrapá

eleiçoes 2016

O início da campanha eleitoral está marcado para o dia 16 de agosto, neste ano, com a minirreforma eleitoral, serão apenas 45 dias. Com o período reduzido, dificilmente algum candidato vai despontar nos próximos meses, além dos três mais citados; Eliziane Gama (PPS), Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e Wellington do Curso (PP). Nesse contexto, a pré-campanha virou uma verdadeira disputa eleitoral.

Os demais até agora não caíram no gosto do eleitorado, e dificilmente essa realidade vai mudar. Por isso, o grupo dos menos lembrados começa a ter suas pré-candidaturas questionadas e o papel de cada um é avaliado pelos partidos.

O deputado Estadual Bira do Pindaré (PSB), o quarto mais lembrado pelos eleitores, não tem muito a perder concorrendo a prefeito. Com mandato até 2018, poderia se cacifar para voltar com força em 2020, além disso, pode prospectar espaço em futuro governo municipal.

Rose Sales perambulou por quatro partidos em seis meses e parou no nanico PMB. Ainda mantém um eleitorado que não chega a 5%, talvez seja candidata que mais vai perder nessas eleições, porque vai ficar sem mandato e um partido inexpressivo, se não desistir, tem tudo para sumir do cenário político de São Luís, assim como Tadeu Palácio.

Desse grupo, talvez o mais preparado seja o deputado estadual Eduardo Braide (PMN). Bom gestor reconhecido na Caema, possui uma postura ética e de bom diálogo. Também não tem nada a perder. Enquadra-se no mesmo caso de Bira.

Fábio Câmara (PMDB) ainda não sabe se vai sair candidato. Isso porque parte do PMDB não deseja sua candidatura. Seu desempenho pífio a cada pesquisa torna sua candidatura ainda mais questionável. Vai ficar sem mandato, mas ao contrário de Rose, ao menos comanda o diretório municipal do PMDB em São Luís.

Bentivi (PHS) é o pré-candidato folclórico, deve ser procurado por algum pré-candidato para ser usado como laranja em ataques aos adversários.

PESQUISA ESCUTEC – Eliziane e Edivaldo empatados tecnicamente; Wellington mantém crescimento

Pré-candidatos disputam posições

Pré-candidatos disputam posições

Em seu segundo levantamento para mensurar a disputa pela Prefeitura de São Luís, o Instituto Escutec confirma um empate técnico entre a  deputada federal Eliziane Gama (PPS) e o atual prefeito Edivaldo Holanda Jr (PDT).

A pesquisa Escutec foi registrada com o número MA-07983/2016 e ouviu 1.000 pessoas entre os 28 de junho e 1º de julho. A margem de erro é de três pontos percentuais.

Eliziane lidera com 22,4% no primeiro cenário. Edivaldo aparece empatado tecnicamente com 20,8%. Wellington do Curso (PP) é o terceiro com 17,5%. Bira do Pindaré (PSB) tem 5,6%. Rose Sales (PMB) possui 4,4%. Eduardo Braide (PMN), 3,7%; Fábio Câmara, 3,6% e Bentivi (PHS), 1,5%. Responderam não votar em nenhum 11,6% e outros 8,9% não souberam ou não opinaram.

Já no cenário sem Bira, Eliziane tem 23,6%; Edivaldo, 21,7%; Wellington, 19,1%; Rose Sales, 4,7%; Eduardo Braide, 4,1%; Fábio 3,8% e Bentivi 2%.