Novo diretório do PT de Bequimão toma posse…

Novo diretório de Bequimão está empossado

O novo diretório municipal do PT do município de Bequimão tomou posse neste final de semana. Prestigiaram o momento o deputado estadual Zé Inácio Rodrigues e o secretário de Esporte e Lazer e dirigente estadual do PT, Márcio Jardim.

Josmael Castro, secretário municipal de assistência social, é o novo presidente municipal do partido e, durante seu discurso de posse, comprometeu-se em trabalhar pelo fortalecimento do partido.

Zé Inácio falou do atual cenário político e destacou a importância do PT manter-se unido para eleger Luís Inácio Lula da Silva presidente em 2018.

Quanto à gestão do novo presidente, o parlamentar acredita que Josmael fará um excelente trabalho à frente do partido, buscando o fortalecimento da sigla na região.

Durante a solenidade de posse,  secretário  e também dirigente estadual do PT, Márcio Jardim, abordou a atual crise político-econômica que o país vem enfrentando e reafirmou também a importância de eleger Lula presidente.

Também estiveram presentes na posse, representando a Câmara Municipal de Bequimão o vereador Vadico; a ex prefeita de Itinga, Vete Botelho, além de filiados ao partido.

Zé Inácio cobra da OAB-MA posicionamento sobre pedido de impeachment de Temer

O deputado estadual Zé Inácio Rodrigues (PT) usou sua conta no Twitter, na noite deste domingo (21), para cobrar da Ordem dos Advogados do Brasil, seção Maranhão, OAB-MA, um posicionamento quanto ao pedido de impeachment do presidente da República, Michel Temer (PMDB), envolvido em escândalo nacional, na operação Lava Jato, após delação premiada de dirigentes do frigorífico JBS que chocou o país ao evidenciar gravação, onde o peemedebista fala sobre a compra do silêncio do ex-presidente da Câmara Federal, deputado Eduardo Cunha (PMDB).

Segundo Zé Inácio, essa medida é necessária, já que a Ordem se posicionou, previamente, durante o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Após os tweets, Zé Inácio recebeu ligações de advogados, que já vão se reunir, nesta segunda-feira (22), para tratar do assunto.

Zé Inácio vai pedir que PT nacional interpele Max Barros por acusações a Dilma e Lula

O deputado estadual Zé Inácio Rodrigues (PT) disse, nesta quinta-feira (18), por meio de sua conta pessoal no Twitter, que fará uma representação à presidência nacional do PT para que interpele, judicialmente, o parlamentar maranhense, Max Barros (PRB), para que ele prove as acusações feitas, em sessão plenária, contra os ex-presidentes Luís Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, ambos do PT, feitas na tentativa de defender o presidente Michel Temer (PMDB) que se envolveu em outro grande escândalo nacional, fruto de investigação da operação Lava Jato.
Segundo Zé Inácio, a imunidade parlamentar não deve ser usada de forma irresponsável, sobretudo para fazer acusações falsas e infundadas. O petista disse que Max Barros precisa ter maior responsabilidade, pois aquilo que ele fala pode, de repente,  ser usado contra si próprio (Veja vídeo do pronunciamento acima).

“O deputado Max Barros, não só fez uma fala política, mas foi irresponsável na medida em que ele diz que os ex-presidentes Dilma e Lula roubaram, quando não se tem sentença que condene nenhum dos dois. Até a presidente Dilma, que foi golpeada, ela não foi acusada de crime comum, caracterizado na Constituição Federal. Ela responde por supostas pedaladas fiscais”, disse Zé Inácio na tribuna.

Zé Inácio solicita criação de vara especializada em conflitos agrários

 

Deputado Zé Inácio

O deputado estadual Zé Inácio Rodrigues (PT) solicitou ao presidente da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), Ângelo Santo, apoio para o seu projeto de criação da primeira Vara Agrária do Maranhão, que deverá ser implementada em São Luís.

O objetivo da criação da vara, segundo Zé Inácio, é que esta sirva para processar e julgar os conflitos coletivos pela posse e/ou propriedade de terras no campo do Maranhão.

O projeto de criação da Vara surgiu após uma audiência pública realizada em 2015, e promovida pela Comissão dos Direitos Humanos e Minorias, que na época era presidida pelo deputado Zé Inácio, em razão de intensos conflitos que vinham acontecendo naquele ano, chegando a ter como consequência a morte de uma liderança indígena Kaapor.

Na ocasião, a reunião contou com a presença de representantes do Programa Terra Legal no Maranhão, do instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), da Defensoria Pública do Estado, Câmara Municipal de São Luís, Secretaria de Estado de Segurança Pública, Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular, Tribunal de Justiça, Comissão de Direitos Humanos da OAB-MA, Policia Militar e Comissão Pastoral da Terra.

Um dos encaminhamentos da audiência foi o compromisso do deputado Zé Inácio em fazer uma indicação solicitando a criação da Vara que, inclusive, já foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado e agora aguarda um parecer do Tribunal de Justiça para que seja dado andamento no processo.

O deputado vem batalhando pela concretização do projeto que julga ser de extrema importância.

“A situação de conflito e violência no campo em nosso Estado deve ser enfrentada pelo Poder Público de forma mais eficiente, pois a tensão social se agrava a cada dia, envolvendo casos de ameaças a grupos vulneráveis da sociedade. Como é o caso dos índios Gamelas, que recentemente foram vítimas de um ataque bárbaro. ”, disse.

Segundo Inácio a vara agrária dará as condições de enfrentamento desta dura realidade, permitindo que os processos judiciais envolvendo grupos conflitantes na disputa pela posse da terra possam ser enfrentados de forma eficaz e os povos envolvidos possa se sentir amparados pelo estado.

“Eu espero que esse projeto seja aprovado, para que a instituição da Vara Agrária na 000Estrutura do Tribunal de justiça atue de forma eficaz no combate desses conflitos. ”, afirmou.

Augusto Lobato é eleito novo presidente do PT do Maranhão…

O militante petista Augusto Lobato é o novo presidente do PT do Maranhão. Ele obteve a maioria dos votos dos delegados do partido em votação ocorrida, no final da tarde deste sábado (13), na sede da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras do Estado do Maranhão, no Araçagy, durante o congresso estadual da legenda.

A eleição foi simples. Os delegados estaduais foram convocados apenas a levantarem os crachás para dizer em qual dos candidatos votavam.

Os diretórios estaduais do Partido dos Trabalhadores, no país, estão realizando, por todo este mês de maio, seus congressos locais na segunda etapa rumo ao 6º Congresso Nacional do PT – Marisa Letícia Lula da Silva, com eleições simultâneas em 24 estados, já que Bahia, Pernambuco e Maranhão adiaram as datas.

No Maranhão, uma disputa muito acirrada pôde ser observada pelo controle do partido no Estado entre o deputado estadual Zé Inácio Rodrigues, cuja a chapa teve a maioria na polêmica votação de 09 de abril que ficou até subjúdice, e o petista Augusto Lobato que viabilizou com uma estratégica articulação política.

Os delegados estaduais, escolhidos em abril, votaram, neste sábado (13), para presidente estadual, chapa de diretório e para delegados nacionais, que terão direito a voto na etapa nacional que deve acontecer entre os dias 1º e 3 de junho.

A executiva estadual é obrigada a levar em conta as regras de paridade do PT, que são: metade de mulheres e de homens, 20% de jovens e 20% de cotas para negros e índios.

Estão aptos a votar na eleição nacional, em todo o país, 8.920 delegados estaduais – eleitos no Processo de Eleições Diretas municipal realizado no dia nove de abril.

Em clima tenso e de briga, PT do Maranhão deve definir presidente estadual neste fim de semana

Disputa acirrada pode terminar em conflito

Os diretórios estaduais do Partido dos Trabalhadores, no país, estão realizando, por todo este mês de maio, seus congressos locais na segunda etapa rumo ao 6º Congresso Nacional do PT – Marisa Letícia Lula da Silva, com eleições simultâneas em 24 estados, já que Bahia, Pernambuco e Maranhão adiaram as datas.

No Maranhão, uma disputa muito acirrada vem se dando pelo controle do partido no Estado entre o deputado estadual Zé Inácio Rodrigues, cuja a chapa teve a maioria na polêmica votação de 09 de abril que ficou até subjúdice, e o petista Augusto Lobato que conta com uma estratégica articulação política. Vai vencer quem tiver o apoio da maioria dos delegados. Sai de perto!

A briga promete. Há quem aposte que o próximo sábado (13) termine com cadeiradas, empurrões e até socos e pontapés na sede de um sindicato, localizado no Araçagy. Na disputa acirrada, militantes respiram um clima de guerra interno que pode gerar outros tipos de conflitos. Mas tomara que nada disso aconteça.

Os delegados estaduais, escolhidos em abril, votarão para presidente estadual, chapa de diretório e para delegados nacionais, que terão direito a voto na etapa nacional, que deve acontecer entre os dias 1º e 3 de junho. Após o pleito, as executivas devem ser montadas levando em conta as regras de paridade do P, que são: metade de mulheres e metade de homens, 20% de jovens e 20% de cotas para negros e índios.

Estão aptos a votar, em todo o país, 8.920 delegados estaduais – eleitos no Processo de Eleições Diretas municipal realizado em 9 de abril. Além disso, os diretórios podem convocar a militância para participar dos atos e para a realizações de diversos debates com lideranças estaduais, com exceção da votação em si.

O ex-presidente Lula participou do ato de abertura do congresso estadual do PT de São Paulo, que foi realizado, no início do mês, na Quadra dos Bancários.

Indígenas se veem ameaçados no governo Michel Temer

Indígenas se reuniram com o ex-presidente Lula

O deputado estadual Zé Inácio (PT) participou,  em Brasília, de uma reunião com lideranças indígenas de todo o país, conduzida pelo ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. Eles estão ocupando Brasília contra os retrocessos e ameaças a seus direitos e ao meio ambiente, resultado de uma política repressiva do governo  Michel Temer.

Durante a reunião, lideranças indígenas pediram o apoio de Lula e da bancada no Congresso para pauta federal e nos estados. O ponto principal é o medo de retrocesso e violência contra os lideres indígenas.

Para o deputado, reuniões como essa são imprescindíveis para que permaneça a luta contra as maldades do governo Temer. “Não podemos admitir retrocesso na legislação que trata sobre as demarcações de terras indígenas. Já basta a tentativa do governo  de extinguir a Funai”, enfatizou.

Assim como as lideranças indígenas, diversas centrais sindicais organizam greve geral (ou paralisação nacional) para a próxima sexta-feira, dia 28. De acordo com a organização, esta pode ser a maior mobilização de trabalhadores e de diversos setores da sociedade dos últimos 30 anos no Brasil.

O protesto contra as reformas da Previdência e trabalhista e a Lei da Terceirização está sendo convocado por oito centrais sindicais que, juntas, representam mais de 10 milhões de trabalhadores.

Presidência do PT – Chapa de Zé Inácio está em primeiro na apuração dos votos…

Zé Inácio deve ficar em primeiro na votação direta, mas ainda terá que passar pelo congresso e votação de delegados na disputa pela presidência estadual do PT

O deputado  estadual Zé Inácio está na frente na disputa pela presidência estadual do Partido dos Trabalhadores (PT) no Maranhão. A parcial de votos, que incluiu 161 urnas apuradas, dentre elas cinco que foram impugnadas, até a manhã desta terça-feira (11), às 11h, totalizava 83,42% de urnas apuradas. Ao todo, 193 municípios participaram do Processo de Eleições Diretas (PED) do PT no Estado.

A chapa “Zé Inácio e CNB – Por um Maranhão Mais Justo para Todos e para Lula” está em primeiro lugar na apuração, com 41,48%. Em segundo lugar está a chapa “É Mudança – Lobato Presidente”, com 34,35%, seguido das chapas “CNB na Luta 2018 – Francimar Presidente”, com 14,34%, “Lula Presidente – Paulo Romão”, com 8,03%, e “Piracema Mudança- Eri Castro”, com 1,79%, respectivamente.

Em números, Zé Inácio conta com um total de 4555 votos, seguido de Lobato, com 3772, o que contabiliza uma diferença de 783 votos a favor do deputado petista. Francimar está em terceiro lugar, com 1574 votos, seguido de Paulo Romão, com 882, e  Eri Castro, com 197 votos.

O resultado final está previsto para ser divulgado ainda hoje ou amanhã. Não se sabe a hora, pois o processo segue com impugnações de urnas.

Honorato Fernandes é eleito presidente municipal do PT em São Luís…

O vereador de São Luís, Honorato Fernandes, foi eleito presidente municipal do Diretório do PT na capital maranhense, com 52,58%, em eleição que aconteceu no domingo (09). Ele concorreu pela chapa “Unidade para Renovar”. Na madrugada desta segunda-feira (10), ele usou as redes sociais para agradecer a votação e comemorar.

A eleição escolheu ainda 260 delegados que participarão do congresso estadual do partido nos dias 05, 06 e 07 de maio, quando serão apontados os novos integrantes do Diretório Estadual.

Na disputa, Honorato concorria com o urbanitário Fernando Magalhães e com Carlito Reis. Em São Luís, a apuração dos votos terminou às duas da madrugada.

Aguarda-se agora os demais resultados do Processo de Eleição Direta no PT (PED).