Sem anúncio oficial, Graça Paz é a vice na chapa de Roberto Rocha

O nome de Graça Paz não foi anunciado oficialmente pela coligação tucana

A deputada estadual Graça Paz (PSDB) vai ser a companheira na chapa do candidato a governador Roberto Rocha (PSDB).

O nome de Graça Paz não foi anunciado oficialmente pela coligação tucana. A deputada apareceu no sistema do Tribunal Regional Eleitoral na aba de candidatos a vice-governadores.

O sistema do TRE-MA ainda mostra a imagem de Roberto Rocha sem a de Graça Paz no espaço dado aos vices, da mesma forma que os dados de Graça Paz não acompanham a foto de Roberto Rocha.

Graça Paz já está no seu quarto mandato como deputada estadual, é casada com o ex-deputado Clodomir Paz e abriu mão da sua reeleição para lançar seu filho, Guilherme Paz.

Roberto Rocha registra sua candidatura no TRE-MA sem o candidato a vice-governador

Roberto Rocha é o único, até o momento, que não apresentou seu companheiro de chapa

O senador e candidato ao Governo do Estado, Roberto Rocha (PSDB), deu entrada no registro de sua candidatura no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, sem apresentar o nome de seu vice.

No sistema do TRE-MA, atualizado na manhã desta terça-feira (14), consta a imagem de Rocha com todos os seus dados, mas desacompanhado das informações de seu vice.

Roberto Rocha é o único, até o momento, que não apresentou seu companheiro de chapa.

Os nomes da deputada estadual Graça Paz e do ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, ambos do PSDB, foram ventilados como possíveis vices. O vereador de Imperatriz Ricardo Seidel, da Rede Sustentabilidade, também foi sondado, mas a indefinição continua, mesmo após o registro da candidatura de Roberto Rocha.

Maranhão terá seis candidatos a governador

Foram definidos os seis nomes que disputarão os votos dos maranhenses

Fechadas as convenções partidárias que homologaram as candidaturas ao Governo do Estado, foram definidos os seis nomes que disputarão os votos dos maranhenses.

Flávio Dino (PCdoB)

O governador Flávio Dino, candidato à reeleição, terá a maior coligação na disputa ao governo. Flávio conta com o apoio do PCdoB, PRB, PDT, PPS, PT, PSB, DEM, PR, PP, PTB, PROS, PTC, PPL, Avante, Patriotas e Solidariedade. O candidato também aparece como favorito na disputa, em todas as pesquisas registradas até o momento no Tribunal Regional Eleitoral, Flávio Dino pontua em torno de 60% nas intenções de voto.

Roseana Sarney (MDB)

A ex-governadora Roseana Sarney disputa o Governo do Estado pela quinta vez. Ela tem o apoio do MDB, PSD, PV, PSC, PRB e PMB. O grupo Sarney tenta voltar ao comando do estado após 50 anos de domínio interrompidos por Flávio Dino em 2014.

Roberto Rocha (PSDB)

O candidato tucano teve seu nome homologado em convenção e vai contar com o apoio do PSDB, PMN, PHS, Democracia Cristã, Rede e Podemos. O senador rompeu com o governador Flávio Dino e vai disputar o governo pela primeira vez.

Maura Jorge (PSL)

A ex-prefeita de Lago da Pedra entrou na disputa e vai contar com o apoio do PSL e PRTB. Ela vinha articulando uma ampla aliança, mas teve seus planos impedidos pelo presidente da legenda, o vereador Francisco Carvalho.

Odívio Neto (PSOL)

O engenheiro civil e professor Odívil Neto entrou na disputa e vai contar com o apoio do PSOL e PCB.

Ramon Zapata (PSTU)

O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados apresentou Ramon Zapata para a disputa ao Governo do Maranhão. O PSTU não coligou com nenhum outro partido.

O PCO e o Novo não disputarão as eleições majoritária e proporcionais no Maranhão.

Roberto Rocha tem nome oficializado em convenção

Mesmo com a convenção, Roberto Rocha não anunciou o nome que disputará como vice-governador ao seu lado

O senador e presidente do PSDB, Roberto Rocha, teve seu nome homologado em convenção partidária e agora é oficialmente candidato ao Governo do Estado. O evento foi realizadi no sábado (04) na Batuque Brasil, no bairro da Cohama, para um pouco mais de mil pessoas.

Roberto Rocha conta com o apoio do PSDB, do PSDC, PHS, PMN, Rede e Podemos.

O ex-governador José Reinaldo e o deputado estadual Alexandre Almeida também tiveram os nomes homologados para a disputa ao Senado Federal.

O deputado federal Waldir Maranhão, que vinha trabalhando para ser escolhido o candidato a senador, recuou da candidatura e anunciou que disputaria a reeleição novamente.

Mesmo com a convenção, Roberto Rocha não anunciou o nome que disputará como vice-governador ao seu lado.

Eduardo Braide lança candidatura à Câmara dos Deputado e declara apoio a Roberto Rocha

Segundo colocado nas eleições para a Prefeitura de São Luís, o parlamentar vinha ensaiando uma candidatura ao Governo do Estado, mas sem apoio, desistiu da pré-candidatura

O deputado estadual Eduardo Braide (PMN) declarou apoio ao pré-candidato a governador Roberto Rocha (PSDB). A declaração foi dada, nesta sexta-feira (03), na convenção do PMN, realizada no Auditório Fernando Falcão, na Assembleia Legislativa do Maranhão.

O presidente estadual do PMN vai disputar uma vaga na Câmara dos Deputados e terá o apoio do PHS nas coligações proporcionais. O PHS também realizou sua convenção ao lado do PMN.

Segundo colocado nas eleições para a Prefeitura de São Luís, o parlamentar vinha ensaiando uma candidatura ao Governo do Estado, mas sem apoio, desistiu da pré-candidatura.

“Tenho a absoluta certeza, com experiência de dois mandatos de deputado estadual, pelo trabalho que nós conseguimos fazer, eu tenho certeza que lá na Câmara dos Deputados nós vamos contribuir muito mais com o Maranhão”, afirmou Eduardo Braide.

Coronel Monteiro se diz traído pelo PHS

Monteiro afirmou que “se sente traído” pelo presidente do PSH, o advogado Jorge Arturo

O militar reformado do Exército Brasileiro Coronel Monteiro, até então filiado ao PHS, usou suas redes sociais para mostrar sua indignação com os últimos acontecimentos que levaram o PHS para a chapa do senador Roberto Rocha (PSDB).

Monteiro afirmou que “se sente traído” pelo presidente do PSH, o advogado Jorge Arturo.

“Nós tivemos a nossa candidatura podada, de maneira infame, porque nós tínhamos um compromisso, e nós honramos a nossa parte. O PHS não foi digno de ser um partido político”, completou.

O PHS firmou uma parceria com o PMN nas coligações proporcionais e caminhão com o PSDB de Roberto Rocha na majoritária. A ida dos dois partidos para a chapa do PSDB, também foi tida como a garantia de que José Reinaldo seja candidato ao Senado Federal.

Roberto Rocha manda recado para que Luís Fernando saia do PSDB

Vale lembrar, que Roberto Rocha tomou a presidência do PSDB no Maranhão das mãos do vice-governador Carlos Brandão, após uma intervenção da executiva nacional

O espírito de desagregador do senador e pré-candidato ao Governo do Estado, Roberto Rocha (PSDB), veio à tona novamente. O presidente do PSDB no Maranhão usou suas redes sociais para mandar um recado ao prefeito de São José de Ribamar, Luís Fernando. Prefeito da terceira maior cidade do Maranhão, ele ainda está filiado ao PSDB.

Por declarar abertamente seu apoio à reeleição do governador Flávio Dino (PCdoB) e para os candidatos ao Senado Federal Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS), o prefeito de São José de Ribamar agora é a vítima da forma Roberto Rocha de fazer política.

“O destino nos colocou hoje no mesmo partido. Algumas conveniências políticas, no entanto, conduziram o prefeito de Ribamar a declarar apoio a candidaturas fora do campo político do PSDB. É normal, é da lógica política do nosso sistema tão fracionado e frágil. O que não é natural é que disso se aproveitem os meus adversários para tentar usar uma biografia respeitada como a de Luis Fernando, para sugerir que me falta apoio dentro do meu próprio partido, que eu represento como senador e presidente estadual. Entendo que para preservar os valores partidários, que não se sobrepõem aos da amizade, cabe ao prefeito desfiliar-se do PSDB”, escreveu Roberto Rocha.

Vale lembrar, que Roberto Rocha tomou a presidência do PSDB no Maranhão das mãos do vice-governador Carlos Brandão, após uma intervenção da executiva nacional.

Com a intervenção, todos os deputados estaduais desfiliaram-se do PSDB, juntamente com o vice-governador e figuras históricas do PSDB, como Pinto Itamaraty. O texto de Roberto Rocha também é tido como um recado para outros prefeitos que continuaram filiados ao PSDB e que vão apoiar o governador Flávio Dino nestas eleições.

Eduardo Braide anuncia pré-candidatura à Câmara dos Deputados

Eduardo Braide agora ensaia uma coligação com o PHS nas eleições proporcionais

O deputado estadual Eduardo Braide (PMN) anunciou, por meio de suas redes sociais, que é pré-candidato a deputado federal nas eleições de 2018.

Presidente estadual do PMN e segundo colocado nas eleições para a Prefeitura de São Luís, o parlamentar vinha ensaiando uma candidatura ao Governo do Estado, mas achou por bem agora anunciar que concorrerá a uma vaga na Câmara dos Deputados.

Eduardo Braide ensaia uma coligação com o PHS nas eleições proporcionais. De acordo com o próprio deputado, os dois partidos decidirão, até o dia 03 de agosto, se apoiarão Maura Jorge (PSL), Roberto Rocha (PSDB) ou uma candidatura própria.

Com direito a música no Fantástico, Maura Jorge muda data de sua convenção pela terceira vez

Maura Jorge e Roberto Rocha travam uma briga nos bastidores pelo apoio dos partidos PMN, PSDC, PHS, Rede e Podemos

A ex-prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge (PSL), mudou a data da realização de sua convenção para o dia 04 de agosto, no Espaço Renascença.

Marcada inicialmente para o dia 28 de julho, a convenção foi mudada para o dia 05 de agosto por causa das convenções de outros partidos. Agora muda novamente a data para o dia 04 de agosto, mesmo dia da convenção do pré-candidato do PSDB, Roberto Rocha.

Maura Jorge e Roberto Rocha travam uma briga nos bastidores pelo apoio dos partidos PMN, PSDC, PHS, Rede e Podemos. A batalha só será definida no dia 04 de agosto, véspera do final do prazo para a realização das convenções partidárias.