Thiago Diaz destaca continuidade do trabalho na OAB/MA em sabatina da TV Assembleia

O atual presidente da Ordem e candidato à reeleição (Chapa 4 – Vamos muito mais) foi entrevistado, nesta quinta-feira (15)

O advogado Thiago Diaz foi o segundo entrevistado da rodada de entrevistas com os candidatos à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Maranhão (OAB-MA), promovida pela TV Assembleia (canal aberto 51.2/17 TVN).

O atual presidente da Ordem e candidato à reeleição (Chapa 4 – Vamos muito mais) foi entrevistado, nesta quinta-feira (15), pela jornalista Natália Macedo e pelo procurador-geral da Assembleia Legislativa, o advogado Tarcísio Araújo, no “Sala de Entrevista”, quadro do telejornal Portal da Assembleia.

“Tenho que saudar a iniciativa da TV Assembleia, que mostra a abertura do debate democrático, mostra preocupação com a sociedade do Maranhão. A Ordem é uma instituição líder da sociedade civil e a TV Assembleia, pautando isso, mostra responsabilidade social e com o ambiente democrático que tem que permear a nossa sociedade”, disse o advogado.

Continuidade do Trabalho

Durante a sabatina, Thiago Diaz destacou que pretende dar continuidade ao trabalho que vem desenvolvendo na OAB. Ele respondeu, também, a críticas direcionadas à sua gestão. “Nossa Ordem, hoje, é muito mais representativa, muito mais próxima da sociedade e ocupa mais espaços do que ocupava antes. Com exemplos inúmeros, de maneira precisa, nós tínhamos na OAB, quando eu assumi, 38 comissões. Hoje, nós temos 70 comissões”, afirmou.

O advogado elencou, ainda, compromissos firmados quando assumiu a gestão da entidade, como a renovação da OAB em vários aspectos. “O que eu chamava de renovação era uma renovação de valores. Ter uma OAB mais aberta, mais democrática, mais participativa, mais transparente, mais preocupada com a jovem advocacia, com a mulher advogada e com o advogado do interior do estado. Seguimos à risca cada um desses preceitos e alcançamos os resultados”, garantiu Thiago Diaz, completando que a OAB, atualmente, tem um Portal da Transparência rico em detalhes.

Entre as propostas, o candidato à reeleição destacou a implantação do orçamento participativo, com a realização de audiências públicas, para ouvir da advocacia maranhense quais as prioridades de investimento que a OAB deve ter, bem como as ações que devem ser priorizadas em defesa dos advogados. Thiago Diaz também ressaltou ações de diálogo e cobrança da OAB a respeito de demandas da advocacia e da sociedade, e propostas para a jovem advocacia.

O atual presidente da OAB-MA disse, ainda, que, caso seja reeleito, dará continuidade ao programa interiorização da Ordem, construindo sedes em todas as subseções e salas em todos os fóruns do Maranhão. “Temos a consciência de que é indispensável a participação da advocacia na OAB, pois eu digo que não é a OAB que faz a advocacia, mas a advocacia que faz a OAB”, concluiu.

A entrevista completa está disponível no canal da TV Assembleia no Youtube (https://youtu.be/fjjmphs8k04) e na página da TV Alema no Facebook (www.facebook.com/rtvalema).

TV Assembleia fará rodada de entrevistas com candidatos à presidência da OAB-MA

Pela primeira vez, a TV Assembleia (canal aberto 51.2/17 TVN) fará uma rodada de entrevistas com os candidatos à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Maranhão (OAB-MA). A iniciativa da Diretoria de Comunicação tem como objetivo promover o debate e a apresentação de propostas e ideias, uma vez que a atuação da OAB é de interesse não só da advocacia, mas de toda a sociedade. As entrevistas serão mediadas pela jornalista Natália Macedo e por Tarcísio Araújo, procurador-geral da Assembleia Legislativa, a partir da próxima segunda-feira (12).

A reunião entre a Diretoria de Comunicação e os representantes das chapas concorrentes, para a definição de todos os detalhes, aconteceu na manhã de quarta-feira (7), no Complexo de Comunicação. Na ocasião, foram acordadas as regras, definida a ordem dos entrevistados (por sorteio), horários, esclarecidas as dúvidas e apresentadas sugestões.

As entrevistas serão veiculadas no quadro “Sala de Entrevista”, do telejornal Portal da Assembleia, às 13h, com duração de 13 minutos e mais dois minutos para as considerações finais. Os candidatos responderão a temas sugeridos e livres. O primeiro entrevistado será o advogado Mozart Baldez, na segunda-feira (12), seguido da advogada Sâmara Braúna, na terça-feira (13). Já na quarta-feira (14) é a vez do advogado Aldenor Rebouças. Na quinta-feira (15), o entrevistado será o advogado Thiago Diaz. E no dia 16, Carlos Brissac.

“A OAB é uma entidade de grande representatividade perante a nossa sociedade. Diante desse cenário, da importância de todo o trabalho que é desenvolvido pela Ordem dos Advogados do Brasil, nós decidimos, junto à equipe da Diretoria de Comunicação, fazer a proposta para a realização de entrevistas com os candidatos. Foi uma proposta muito bem recebida pelos representantes da chapa”, destacou o jornalista Edwin Jinkings, diretor de Comunicação da Alema.

Adriano Araújo, representante do candidato Mozart Baldez, da Chapa 1, parabenizou a Diretoria de Comunicação pela iniciativa. “É importante esse espaço que está sendo oportunizado pela Assembleia, por meio do seu departamento de Comunicação, de trazer as propostas que são aventadas por todos os candidatos, não somente para os advogados, mas também para toda a população maranhense, tendo em vista o que essa instituição representa e traz um leque de serviços para a população maranhense”, afirmou.

“Quero parabenizar a Diretoria de Comunicação da Assembleia por essa iniciativa, porque é muito importante que a população se aproxime desse debate, para que ela comece a voltar os seus olhos a uma entidade tão importante, que tem um papel singular para a sociedade maranhense. Teremos o maior prazer de estarmos presentes”, completou Wal Oliveira, representante do candidato Carlos Brissac, da Chapa 2.

A eleição da diretoria do Conselho Seccional da OAB-MA, para o triênio 2019/2021, será no dia 23 de novembro. Além de defender as prerrogativas dos profissionais da advocacia, a instituição tem papel de destaque ao se posicionar diante de questões sociais importantes, especialmente nos momentos de crise.

“O papel da Assembleia Legislativa, por meio da TV Assembleia, que é uma TV pública, é justamente esse, prestar serviço à sociedade, trazer informações, transparência e, nesse caso específico da Ordem dos Advogados do Brasil, nós estamos abrindo espaço para que os candidatos possam vir apresentar suas propostas para os mais de 10 mil advogados, que estão aptos para votar na próxima eleição, bem como para toda a população maranhense”, finalizou o diretor Edwin Jinkings.

Eleição para a OAB-MA terá cinco candidatos

Os advogados Thiago Diaz, Sâmara Braúna e Aldenor Rebouças confirmaram quarta-feira (24) suas candidaturas. Mozart Baldez e Carlos Brissac já estavam oficializados na disputa

Os advogados Thiago Diaz, Sâmara Braúna e Aldenor Rebouças confirmaram quarta-feira (24) suas candidaturas à presidência da OAB-MA. Os registros foram feitos no último dia de prazo.

Thiago Diaz é candidato à reeleição, tem o apoio do Movimento “A Renovação Continua”, e concorrerá pela a Chapa 4 denominada “Vamos Fazer Muito Mais”. O atual presidente terá como vice, o advogado Heleno Mota, de Imperatriz.

A advogada criminalista Sâmara Braúna também registrou sua candidatura e concorrerá pela Chapa 3, com o nome “Força na Inclusão”. Sâmara teve uma baixa no fim de semana, quando o conselheiro federal Charles Dias retirou seu apoio. Logo após, os dois advogados protagonizaram um bate-boca nas redes sociais.

O último a registrar sua candidatura foi o advogado Aldenor Rebouças, ele representa o movimento “iNOVAR” e concorre pela Chapa 5. Rebouças afirma que está sofrendo investidas de outras candidaturas e acha que sua chapa pode sofrer impugnação.

Duas chapas já haviam sido registradas. A Chapa 1 é representada pelo advogado Mozart Baldez e a Chapa 2 é liderada por Carlos Brissac.

Eleição para a OAB-MA vai ganhando forma

A eleição da OAB-MA acontece dia 23 de novembro

Marcada para acontecer em 23 de novembro, a eleição para a diretoria do Conselho Seccional da Ordem dos Advogados Brasileiros (OAB), no estado do Maranhão, vai ganhando forma e oficializando os nomes na disputa.

O advogado criminalista Mozart Baldez foi o primeiro a registrar seu nome na disputa, o advogado representa o movimento “Reconstruir é a Ordem” e teve seu nome registrado na manhã de segunda-feira (22). Para a secretaria adjunta da chapa, foi inscrito a advogada Ionara Pinheiro Bispo.

Pré-candidato à reeleição, o atual presidente Thiago Diaz lidera o movimento chamado “A Renovação Continua”. A chapa já indicou o nome do advogado Heleno Mota da seccional de Imperatriz como candidato a vice, mas ainda não foi registrada oficialmente.

Outro nome praticamente certo na disputa é o do advogado Carlos Brissac, nome indicado do ex-presidente da OAB-MA, Mário Macieira e tem a simpatia de vários secretários estaduais. Carlos Brissac é o candidato de oposição que mais aglutinou apoios que discordam da atual gestão do presidente Thiago Diaz. Nos últimos dias, Brissac recebeu apoio de Pedro Alencar, vice-presidente da OAB-MA e representante do movimento “União & Força” e de Roberto Feitosa, representante do “Repense OAB”, que declinaram de suas candidaturas para fortalecer o nome de Carlos Brissac.

A advogada Sâmara Braúna segue com sua pré-campanha para disputar a presidência da OAB-MA. Nos últimos dias, a advogada se envolveu em uma polêmica, ao perder o apoio do conselheiro federal da OAB, Charles Dias. Sâmara respondeu e afirmou que foi o próprio grupo que dispensou o apoio de Charles. Mesmo com a baixa, Sâmara continua na disputa.

Aldenor Rebouças é outro nome que já lançou sua pré-candidatura e disse seguir firme na disputa. Aldenor já afirmou que tem números suficientes de apoios e que não possibilidades de declinar de sua campanha para apoiar um outro candidato.

Conselheiro denuncia em rede social suposto superfaturamento em obra da OAB/MA…

 

Alencar alegou que a obra, cujo valor inicial destinado pelo Conselho Federal foi de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais), teve um inexplicável aditivo solicitado pelo presidente Thiago Diaz de R$ 289.000,00 (duzentos e oitenta e nove mil reais).

O conselheiro  da Ordem dos Advogados do Maranhão (OAB-MA), José Alencar, eleito na mesma chapa do atual presidente Thiago Diaz em 2015, denunciou, nas redes sociais, um suposto superfaturamento na obra de construção da sede de São João dos Patos, no interior do Maranhão.

Alencar alegou que a obra, cujo valor inicial destinado pelo Conselho Federal foi de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais), teria um inexplicável aditivo solicitado pelo presidente Thiago Diaz de R$ 289.000,00 (duzentos e oitenta e nove mil reais), quase o dobro do valor inicial.

O conselheiro disse ainda que a secretária-adjunta da OAB/MA, Alice Salmito, teria se recusado a assinar o aditivo, argumentando que, de acordo com laudo pericial, o valor inicial seria mais que suficiente para a conclusão da obra.

Segundo ainda o conselheiro, não satisfeito, Thiago Diaz teria convocado o secretário-geral, Adailton, de Imperatriz, para assinar, em conjunto, um aditivo de R$ 198.000,00 (cento e noventa e oito mil reais).

O conselheiro concluiu a denúncia, via grupo de WhatsApp, afirmando que nada disso consta no Portal de Transparência da OAB/MA, contradizendo o que foi prometido por Diaz em 2015, que defendia que as despesas deveriam conter a destinação do recurso, o valor pago e o bem adquirido ou serviço prestado.

O fato é que, em 2018, haverá novas eleições na OAB/MA e a denúncia de um conselheiro da atual gestão, além de pessoa próxima a Thiago Diaz, deixa vários questionamento no ar.

Submissão da atual gestão da OAB/MA revolta advogados

Seja pela constante quebra de promessas (como o aumento da anuidade), pela falta de transparência na gestão, ou por antecipar uma possível candidatura de reeleição traindo seu próprio grupo, a situação de Thiago Diaz, presidente da OAB/MA, está a cada dia mais insustentável. Não sendo os motivos acima suficientes, a postura submissa do advogado perante o Poder Judiciário revoltou, de vez, a classe.

Causou estranheza a forma com a qual o presidente da Ordem se manifestou, através de nota publicada em veículos de comunicação, na qual saiu em defesa da desembargadora Nelma Sarney, no caso em que o Ministério Público do Estado do Maranhão havia pedido a quebra do sigilo bancário da magistrada.

Em nota oficial, o presidente do Sindicado dos Advogados do Estado do Maranhão (SAMA), Mozart Baldez, disparou: “O que não se consegue conceber é a OAB/MA usurpar da competência da Associação dos Magistrados (AMMA) e sair em defesa de uma desembargadora, alheia aos quadros, em comportamento atípico e esdrúxulo, enquanto grande parte de seus filiados encontram-se desprotegidos, órfãos e ameaçados de prisões e condenações por defenderem os interesses da classe pela mesma classe da sortuda ora defendida”.

Os motivos que levam à submissão de Thiago Diaz não são precisos. Em contato com alguns advogados do próprio Conselho Estadual da OAB, estes afirmaram que trata-se de uma forma de o presidente se redimir pela forma imatura com a qual arrancou portarias afixadas no Fórum de Coroatá. Na ocasião, sua atitude foi veementemente criticada pelo Poder Judiciário.

Independente do motivo, Thiago Diaz deve explicar aos advogados porque eles estão desamparados enquanto desembargadores são protegidos pela OAB. Com a palavra, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Maranhão.

Valéria Lauande pode ser a primeira mulher presidente da OAB no Maranhão

Candidata realizou grande carreata na Litorânea, neste domingo

Candidata realizou grande carreata na Litorânea, neste domingo

A advogada e atual vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA), Valéria Lauande, que pode se tornar a primeira mulher a presidir a entidade, realizou grande carreata, neste domingo (15), na Avenida Litorânea. Na próxima sexta-feira (20), os mais de quatro mil advogados maranhenses irão às urnas para eleger o novo comando da seccional  no Maranhão – OAB/MA.

A disputa pela OAB-MA envolve uma briga acirrada, principalmente, entre dois grupos. O primeiro é liderado pelo atual presidente Mário Macieira, que tem como candidata a presidente Valéria Lauande, defensora do slogan “Avançar Mais e Mais”. O segundo tem à frente o oposicionista, advogado Thiago Diaz, da “Renovar para Mudar”.

Valéria Lauande diz ter pesquisas que lhe garantem mais de 60% dos votos na próxima sexta-feira. Por outro lado, Thiago Diaz, tenta driblar o favoritismo da adversária com o discurso de oposição e estratégias de articulação junto aos advogados.

Faltando poucos dias para a eleição, Valéria vem mantendo uma ampla liderança na disputa, mesmo diante dos ataques dos adversários. Os motivos para o bom desempenho, em pesquisas de bastidores, são atribuídos à reputação e à história de militância da candidata nas questões que envolvem os advogados do Maranhão.