Ipam reabre atividades do “Viver Mais” para servidores inativos na Assuma

Foto-legenda – Atividades foram reabertas na sede da Assuma por conta da obra de reforma do Centro de Convivência

Atividades foram reabertas na sede da Assuma por conta da obra de reforma do Centro de Convivência

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), reabriu, nesta terça-feira (19), as atividades do projeto “Viver Mais” para os servidores municipais inativos na Associação dos Servidores da Universidade Federal do Maranhão (Assuma), no Olho D’Água, em função da obra de reforma do Centro de Convivência.

Durante o evento, foi servido um café da manhã aos participantes, servidores e estagiários envolvidos na ação, mais uma proposta que integra o plano de trabalho do prefeito Edivaldo. O presidente do Ipam, Raimundo Penha, presente no evento, explicou que o Instituto firmou uma parceria com a Assuma para garantir as atividades do projeto, enquanto o Centro de Convivência se encontra em obras.

“Mantivemos as aulas de hidroginástica e de funcional nos mesmos dias e horários para os servidores inativos. Agradecemos a parceria com a Assuma que nos permite dar continuidade ao Viver Mais, durante o período de reforma do nosso centro”, disse Penha.

De acordo com a Coordenação do “Viver Mais”, ficam mantidas as atividades de hidroginástica às terças e quintas-feiras, nos horários de 7h e 8h, na sede da Assuma. Às quartas e sextas-feiras, serão oferecidos o treinamento funcional e a aeróbica pela manhã, às 7h30; e à tarde às 15h30.00

Para a aposentada Maria das Dores Silva Castro, de 75 anos, o projeto “Viver Mais” lhe deu um novo estímulo para o entretenimento, práticas saudáveis de atividades físicas, etc. “Gosto muito de tudo que o projeto oferece. Acho importantes os momentos de entretenimento”, frisou. Da mesma opinião, a aposentada Alda de Jesus Ferreira França, de 70 anos, disse que o projeto é maravilhoso. “Saí de uma cirurgia e estava para baixo, quando me reencontrei no Viver Mais. Foi a solução. Ele tem promovido um lazer maravilhoso”, disse

QUALIDADE DE VIDA

O projeto tem como finalidade garantir a melhoria da qualidade de vida de aposentados, pensionistas, servidores municipais e seus dependentes na capital maranhense. O “Viver Mais” é desenvolvido pela Prefeitura de São Luís, por meio do Ipam, com a parceria das secretarias municipais de Desportos e Lazer (Semdel), Administração (Semad), Criança e Assistência Social (Semcas), Segurança com Cidadania (Semusc), e outros órgãos.

Para garantir maior eficiência do projeto, os resultados obtidos através das atividades desenvolvidas são avaliados com a participação da equipe técnica, público-alvo e parceiros. As análises permitem identificar possíveis pontos de limitação e solucioná-los, bem como manter os avanços obtidos.

Ipam realiza “Aulão de Zumba Fitness” para lembrar campanha do “Outubro Rosa”

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam) e do projeto ”Viver Mais”, realizou um “Aulão de Zumba Fitness” especial para lembrar o mês da luta contra o câncer de mama, no Centro de Convivência do Ipam – Olho D’Água. O alvo, claro, foram as mulheres neste Outubro Rosa.

O Ipam abraçou a causa e realiza ações em apoio a essa luta contra o câncer de mama. O “Aulão de Zumba Fitness”, ministrado pela professora Jully Mourão, foi a atividade escolhida para iniciar a conscientização entre as servidoras e todos estavam caracterizados com o traje cor-de-rosa.

A ação contou com a presença da coordenadora de Saúde da Mulher da Secretária de Saúde do Estado, Emanuela Brasileiro. “É importante que a mulher conheça seu corpo e, se detectar algo estranho, deve procurar imediatamente um posto de saúde”, disse.

O presidente do Ipam, Raimundo Penha, esteve presente na ação e destacou que o projeto Viver Mais proporciona muito mais do que atividades físicas, pois tem focado na responsabilidade social. “Nesse mês, o mundo todo está voltado para a prevenção ao câncer de mama e, a cada semana, uma atividade do projeto “Viver Mais’’ fará alusão a esta causa”, completou.

De acordo com a instrutora de zumba, Jully Morão, havia pessoas que estavam sedentárias e sem qualidade de vida, mas, através das atividades físicas oferecidas pelo projeto “Viver Mais”, suas vidas foram transformadas.

Este mês é marcado pelo movimento popular, internacionalmente, conhecido por outubro rosa. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades.

Prefeitura realiza triagem para avaliar desempenho de aposentados e idosos no “Viver Mais”

Prefeitura realiza triagem para avaliar desempenho de aposentados e idosos no projeto Viver Mais

Prefeitura realiza triagem para avaliar desempenho de aposentados e idosos no projeto Viver Mais

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), realizou, nesta terça-feira (1º), a triagem de avaliação física e enfermagem para os aposentados e idosos das comunidades circunvizinhas que participam das atividades do projeto “Viver Mais”, no Centro de Convivência, no Olho d’ Água. Os participantes receberam kits com camisa, boné e sacola.

De acordo com a coordenação do “Viver Mais”, a triagem tem como objetivo avaliar o desempenho dos idosos que já estão no projeto, além das condições e necessidades dos que estão ingressando nas atividades. Durante toda a manhã, uma equipe de profissionais – de Enfermagem e de Educação Física – realizaram serviços de verificação de pressão arterial, glicose, peso, medidas e massa corpórea.

O resultado dessa triagem, que é realizada a cada três meses, servirá de base para que os profissionais de Educação Física, que trabalham nas atividades do “Viver Mais”, acompanhem o desenvolvimento de cada idoso. Além dessa avaliação, os beneficiários do projeto têm que apresentar atestado médico, autorizando a prática esportiva.

Durante a triagem, a coordenação do projeto ofereceu um café da manhã. Os idosos e aposentados podem optar por atividades como hidroginástica, aeróbica, zumba, natação, danças e ritmos, passeios, encontros e festas temáticas.

O presidente do Ipam, Raimundo Penha, disse que o projeto não proporciona apenas atividade física, mas também convivência, relacionamento, momentos de lazer e entretenimento. “Nossos profissionais estão analisando todo o desempenho de cada participante do ‘Viver Mais’, visando à melhoria da qualidade de vida”, afirmou.

O presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func), Marlon Botão, também acompanhou as atividades do projeto “Viver Mais, no Centro de Convivência. Segundo ele, a inciativa é muito importante e positiva para a melhoria da qualidade de vida de seu público alvo.

VIVER MAIS
O projeto tem como finalidade garantir a melhoria da qualidade de vida de aposentados, pensionistas, servidores municipais e seus dependentes na capital maranhense. É também aberto à comunidade idosa da área de abrangência do Centro de Convivência, localizado na Rua São Bernardo, nº 115, Olho d’Água.

Para garantir maior eficiência do projeto, os resultados obtidos através das atividades desenvolvidas são avaliados com a participação da equipe técnica, público-alvo e parceiros. As análises permitem identificar possíveis pontos de limitação e solucioná-los, bem como manter os avanços obtidos.

O “Viver Mais” é desenvolvido através do Ipam e conta com a parceria das secretarias municipais de Desportos e Lazer (Semdel), Administração (Semad), Criança e Assistência Social (Semcas), Segurança com Cidadania (Semusc), entre outros órgãos.

As atividades do projeto “Viver Mais” foram expandidas para atender também os servidores municipais ativos e seus dependentes. Os beneficiários têm como opções de atividades escolinha de natação, vôlei, futebol e futsal (para filhos de servidores), hidroginástica, treinamento funcional, aulas de zumba e dança de salão para servidores, jogos de salão e recreação aos finais de semana.

Segundo o presidente do Ipam, Raimundo Penha, o projeto é parte da política de valorização do servidor municipal, desenvolvida pelo prefeito Edivaldo. “A ampliação das atividades do ‘Viver Mais’ otimizará o funcionamento do Centro de Convivência e será uma excelente opção de esporte, lazer e cultura para os servidores públicos e seus dependentes e com um detalhe: sem qualquer tipo de cobrança de taxa”, frisou.

Projeto “Viver Mais” realiza aula inaugural de expansão das atividades

Viver Mais realiza aula inaugural de expansão do projeto nesta quinta-feira (16)

Viver Mais realiza aula inaugural de expansão do projeto nesta quinta-feira (16)

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), realiza, nesta quinta-feira (16), a aula inaugural das atividades de expansão do projeto “Viver Mais”. Os serviços foram ampliados para atender também os servidores municipais ativos e seus dependentes.

Na aula inaugural, haverá diversas atividades de lazer. Os servidores experimentarão três modalidades: zumba, dança de salão e treinamento funcional. Para se inscrever no projeto, os interessados devem levar carteira de identidade e preencher ficha de inscrição disponibilizada pelo Ipam.

Os beneficiários terão como opções de atividades escolinha de natação, vôlei, futebol e futsal (para filhos de servidores), hidroginástica, treinamento funcional, aulas de zumba e dança de salão para servidores, jogos de salão e recreação aos finais de semana.

Segundo o presidente do Ipam, Raimundo Penha, o projeto é parte da política de valorização do servidor municipal, desenvolvida pelo prefeito Edivaldo. “A ampliação das atividades do Viver Mais otimizará o funcionamento do Centro de Convivência e será uma excelente opção de esporte, lazer e cultura para os servidores públicos e seus dependentes e com um detalhe: sem qualquer tipo de cobrança de taxa”, frisou.

VIVER MAIS

O projeto tem como finalidade garantir a melhoria da qualidade de vida de aposentados, pensionistas, servidores municipais e seus dependentes na capital maranhense. É também aberto à comunidade idosa da área de abrangência do Centro de Convivência, localizado na Rua São Bernardo, nº 115, Olho d’Água.

Para garantir maior eficiência do projeto, os resultados obtidos através das atividades desenvolvidas são avaliados com a participação da equipe técnica, público-alvo e parceiros. As análises permitem identificar possíveis pontos de limitação e solucioná-los, bem como manter os avanços obtidos.

O “Viver Mais” é desenvolvido através do Ipam e conta com a parceria das secretarias municipais de Desportos e Lazer (Semdel), Administração (Semad), Criança e Assistência Social (Semcas), Segurança com Cidadania (Semusc), entre outros órgãos.

Prefeitura amplia atividades para servidores municipais e dependentes no projeto “Viver Mais”

As atividades iniciam no dia 15 de julho com escolinha de natação, vôlei, futebol e futsal (para filhos de servidores), hidroginástica, treinamento funcional, aulas de zumba e dança de salão para servidores, jogos de salão e recreação aos finais de semana

As atividades iniciam no dia 15 de julho com escolinha de natação, vôlei, futebol e futsal (para filhos de servidores), hidroginástica, treinamento funcional, aulas de zumba e dança de salão para servidores, jogos de salão e recreação aos finais de semana

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), está ampliando as atividades e serviços do projeto “Viver Mais” para os servidores municipais ativos e seus dependentes. As inscrições serão feitas no Centro de Convivência, no Olho D’Água, a partir da próxima segunda-feira (6), no horário das 8h às 19h.

As atividades iniciam no dia 15 de julho com escolinha de natação, vôlei, futebol e futsal (para filhos de servidores), hidroginástica, treinamento funcional, aulas de zumba e dança de salão para servidores, jogos de salão e recreação aos finais de semana.

“O projeto é parte da política de valorização do servidor desenvolvida pelo prefeito Edivaldo. Este projeto otimizará o funcionamento do Centro de Convivência e será uma excelente opção de esporte, lazer e cultura para os servidores públicos e seus dependentes e com um detalhe: sem qualquer tipo de cobrança de taxa”, disse Raimundo Penha.

Para participar do projeto, os interessados devem levar carteira de identidade e preencher ficha de inscrição disponibilizada pelo Ipam. O projeto tem como finalidade garantir a melhoria da qualidade de vida de aposentados, pensionistas, servidores municipais e seus dependentes na capital maranhense. É também aberto à comunidade idosa da área de abrangência do Centro de Convivência, localizado na Rua São Bernardo, nº 115, Olho d’Água.

Os resultados obtidos através das atividades desenvolvidas são avaliados com a participação da equipe técnica, público-alvo e parceiros, a fim de garantir maior eficiência do projeto. As análises permitem identificar possíveis pontos de limitação e solucioná-los, bem como a manutenção dos avanços obtidos.

O “Viver Mais” é desenvolvido através do Ipam e conta com a parceria das secretarias municipais de Desportos e Lazer (Semdel), Administração (Semad), Criança e Assistência Social (Semcas), Segurança com Cidadania (Semusc), entre outros órgãos.

Prefeitura realiza festa junina para idosos, aposentados e pensionistas pelo projeto “Viver Mais”

Prefeitura realiza festa junina para idosos, aposentados e pensionistas pelo projeto Viver Mais

Prefeitura realiza festa junina para idosos, aposentados e pensionistas pelo projeto Viver Mais

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), realizou o Arraial dos Aposentados e Pensionistas do projeto Viver Mais, no Centro de Convivência do Olho D’Água. O evento contou com a participação dos grupos folclóricos Boizinho Miracá – Vida Ativa, Boizinho São João – Cras Vicente Fialho, Dança Portuguesa – Solar do Outono, entre outros.

O presidente do Ipam, Raimundo Penha, esteve presente e declarou que o evento está no calendário seguindo orientação da gestão municipal de valorização da cultura maranhense e dos servidores.

“As festas juninas mesclam elementos típicos. No Nordeste, essa festa ganha uma expressão maior e o Maranhão é destaque pelos ritmos e brincadeiras, entre elas o bumba meu boi. Celebrar esse momento de festa no Ipam com os funcionários, aposentados e pensionistas é valorizar a cultura maranhense, a cultura nordestina e brasileira”, disse Raimundo Penha.

O arraial contou com um espaço dedicado às comidas típicas juninas. À disposição do público, arroz de cuxá, torta de camarão, vatapá, manuê, canjica e mingau de milho. Segundo a aposentada Lenir Duarte da Cruz, 61 anos, integrante do Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso (Caisi), os grupos que se apresentaram durante a festa estavam em sincronia e transmitiram harmonia e alegria ao público. “O Ipam, mais uma vez, está de parabéns pelo evento”, completou.

O projeto Viver Mais é realizado pela Prefeitura de São Luís, por meio do Ipam, no Centro de Convivência do Olho D’Água. Tem como objetivo proporcionar às pessoas idosas, aposentados e pensionistas, bem como ao público da área de abrangência da sede social, atividades de convivência, socioeducativas, culturais e de lazer, na perspectiva de crescimento pessoal e social, visando à melhoria da qualidade de vida.

Ipam inicia atividades do “Viver Mais” no Centro de Convivência

Presidente do Ipam, Raimundo Penha, esteve presente no início das atividades do projeto “Viver Mais” na sede social do Ipam, no Olho d’Água

Presidente do Ipam, Raimundo Penha, esteve presente no início das atividades do projeto “Viver Mais” na sede social, no Olho d’Água

A Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), iniciou, nesta terça-feira (25), as atividades do projeto “Viver Mais”, no Centro de Convivência, no Olho d’Água. O principal objetivo é promover o bem-estar dos idosos, aposentados e pensionistas, obedecendo à política de valorização do servidor instituída pelo prefeito Edivaldo.

Segundo o presidente do Ipam, Raimundo Penha, a iniciativa visa revitalizar e valorizar o espaço da sede social e proporcionar às pessoas idosas uma vida mais saudável. Atividades socioeducativas, culturais, de lazer e de saúde também estão disponíveis a idosos que moram nas proximidades do Centro de Convivência.

“O prefeito Edivaldo tem determinado ao Ipam atividades de integração, de convivência, socioeducativas, culturais e de lazer, visando à melhoria da qualidade de vida dos beneficiários da previdência municipal. O Ipam tem compromisso institucional e social com seus beneficiários e dá oportunidade também à inserção de pessoas idosas da área de abrangência de sua sede social”, ressaltou Raimundo Penha.

Nesta primeira fase, o “Viver Mais” oferece aulas de hidroginástica, aeróbica, oficina de artesanato, reuniões socioeducativas, ações de prevenção e promoção da saúde e sócio-ocupacionais. As inscrições para participar do projeto podem ser feitas na sede do Ipam, na Rua do Sol, e no Centro de Convivência, no Olho d’Água. Para a atividade física, os inscritos devem apresentar, obrigatoriamente, laudo médico.

As aulas de hidroginástica serão realizadas as terças e quintas-feiras nos turnos matutino e vespertino. Enquanto as quartas e sextas-feiras serão ministradas as atividades aeróbicas nos turnos matutino e vespertino. Já as oficinas de artesanato foram programadas para as quintas-feiras. As reuniões socioeducativas serão realizadas sempre nas tardes de terça-feira. As ações de prevenção e promoção da saúde e sócio-ocupacionais foram reservadas para as quartas, quintas e sextas.

Para garantir maior eficiência do projeto, os resultados obtidos através das atividades desenvolvidas serão avaliados com a participação da equipe técnica, público-alvo e parceiros. As análises permitirão identificar possíveis pontos de limitação e solucioná-los, bem como a manutenção dos avanços obtidos. O “Viver Mais” é desenvolvido através do Ipam e conta com a parceria das secretarias municipais de Desportos e Lazer (Semdel), Administração (Semad), Criança e Assistência Social (Semcas), Segurança com Cidadania (Semusc) entre outros órgãos.

CENTRO DE CONVIVÊNCIA

O Centro de Convivência, também conhecido como sede social do Ipam, está localizado na Rua São Bernardo, nº 115, Olho d’Água. O local será utilizado como espaço para as atividades do projeto “Viver Mais” devido à estrutura adequada para as diversas ações previstas. O Centro é um espaço dedicado ao lazer de servidores municipais, aposentados e pensionistas do Município.

O local está à disposição dos servidores no horário das 8h às 19h e possui salão de festas, quiosques, churrasqueiras, quadra de voleibol e futebol society, campo de futebol, piscinas adulto e infantil, estacionamento, serviço de bar e cozinha.