Presidente Osmar Filho vai apresentar pauta municipalista para deputados e senadores

De acordo com o pedetista, os assuntos que comporão a pauta serão definidos em um encontro que ocorrerá entre os parlamentares municipais.

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), afirmou, nesta quarta-feira (20), que a Casa apresentará, em breve, aos deputados federais e senadores do Maranhão uma pauta municipalista de interesse dos moradores da capital.

De acordo com o pedetista, os assuntos que comporão a pauta serão definidos em um encontro que ocorrerá entre os parlamentares municipais.

Dentre os temas, destaque para a modificação do pacto federativo injusto imposto pela União aos estados e municípios; destinação de emendas, cujos recursos devem ser aplicados em projetos de desenvolvimento urbano de São Luís; estabelecimento de um canal de interlocução entre o Poder Legislativo da capital e o governo federal; dentre outros.

“Vamos nos reunir para discutir uma pauta propositiva que será apresentada à nossa Bancada em Brasília. Nosso objetivo, enquanto vereadores, é trabalhar em parceria com os deputados federais e senadores para que possamos viabilizar mais investimentos para a nossa querida São Luís”, disse.

Na semana passada, Osmar Filho, acompanhado dos vereadores Estevão Aragão (PSDB) e Marquinhos (DEM), esteve em Brasília, onde cumpriu extensa agenda de trabalho.

O presidente reuniu-se com deputados federais e senadores – dentre eles Pedro Lucas Fernandes (PTB), Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS) – e participou de encontros de trabalho no Ministério do Turismo, Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Ministério do Desenvolvimento Regional, Banco do Brasil e Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

No MT, por exemplo, foram debatidos projetos infraestruturais para alavancar o setor na capital maranhense. Também foi proposta a criação de uma frente de trabalho que envolva a participação dos municípios, estado e governo federal objetivando estabelecer uma agenda permanente capaz de alavancar investimentos que estimulem atividades culturais e turísticas no Maranhão.

Com Kátia Bogéa, presidente do Instituto, os parlamentares solicitaram novos investimentos para São Luís, oportunidade na qual foram informados oficialmente que o órgão federal, este ano, injetará cerca de R$ 80 milhões na execução de ações de revitalização do Centro Histórico.

Vale destacar que os vereadores, na próxima segunda-feira (25), estarão reunidos com a presidente do IPHAN e com o superintendente regional do órgão, Maurício Itapary.

Em Brasília, Osmar Filho dialoga com políticos e trata de benefícios para São Luís

O parlamentar reuniu-se com membros da Bancada Maranhense, ocasião na qual estreitou o diálogo acerca de temáticas políticas importantes

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho (PDT), manteve, nesta quinta-feira (14), movimentada agenda de trabalho em Brasília.

O parlamentar reuniu-se com membros da Bancada Maranhense, ocasião na qual estreitou o diálogo acerca de temáticas políticas importantes, e encontrou-se com diretores da Câmara dos Deputados e ministros do governo Jair Bolsonaro.

A organização da agenda contou com a total colaboração do deputado federal Pedro Lucas Fernandes (PTB). Também participaram dos encontros os vereadores Estevão Aragão (PSDB) e Marquinhos (DEM); o deputado federal Gil Cutrim (PDT); além do procurador-geral da Câmara, Vitor Cardoso.

Osmar Filho conversou com a coordenadora da Rede Legislativa de Rádio e TV da Câmara Federal, Evelin Maciel Brisolla.

Na pauta, tratativas para produzir programas do Poder Legislativo Municipal que deverão ser inseridos na programação da Rádio e TV Câmara ou até mesmo veiculados através de um canal próprio que poderá ser disponibilizado através da parceria entre a Casa e a Câmara.

O presidente participou de reunião com o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. Foram discutidos projetos infraestruturais para alavancar o setor na capital maranhense.

Também foi proposta a criação de uma frente de trabalho que envolva a participação dos municípios, estado e governo federal objetivando estabelecer uma agenda permanente capaz de alavancar investimentos que estimulem atividades culturais e o turismo no Maranhão.

O presidente participou de reunião com o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio

No Ministério do Desenvolvimento Regional, Osmar foi recebido pelo assessor especial da pasta, Marco Porto. Foi debatida a possibilidade de obter recursos para serem investidos no saneamento básico dos bairros de São Luís.

Osmar Filho também esteve com os senadores Weverton Rocha e Eliziane Gama (PPS).

“Tratou-se de uma visita extremamente produtiva, pautada em propostas de desenvolvimento para o Maranhão”, assinalou o líder do PDT na Câmara Alta.

O presidente da Câmara visitou o gabinete da liderança do PTB na Câmara, cujo comando está sob a responsabilidade de Pedro Lucas.

“A agenda serviu, ainda, para estreitarmos a relação da Câmara Municipal com a nossa classe política e os representantes do governo federal. O Parlamento de São Luís, garanto, estará inserido nos debates importantes que possam trazer benefícios para capital e para o estado”, disse Osmar.

De acordo com ele, os vereadores ludovicenses irão se reunir nos próximos dias para elaborar uma pauta de assuntos de interesse da cidade que serão permanentemente discutidos em Brasília.

Nesta sexta-feira (15), Osmar Filho terá reuniões com representantes do Banco do Brasil e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Ele finalizará a agenda de trabalho participando de um almoço com a juventude do PDT.

Othelino Neto reúne-se com os senadores Eliziane Gama e Weverton Rocha no Congresso Nacional

Presidente Othelino Neto cumpriu extensa agenda em Brasília

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), esteve no Congresso Nacional, na manhã da última quarta-feira (6), para uma visita de cortesia aos senadores maranhenses Eliziane Gama (PPS) e Weverton Rocha (PDT).

O primeiro encontro foi com a senadora Eliziane, oportunidade em que Othelino Neto reafirmou a importância da união de forças para garantir benefícios ao Maranhão. “É uma alegria visitar a senadora Eliziane Gama, para conversarmos sobre as questões que dizem respeito ao estado. É importante termos dois senadores dedicados, que unem esforços para levar benefícios à população, apesar da crise econômica que o Brasil enfrenta”, disse Othelino.

Eliziane Gama afirmou que a visita do presidente da Assembleia ao Congresso Nacional reforça seu compromisso com o Maranhão. “Eu me sinto feliz, porque ele mantém uma boa relação com os três poderes. Isso é fundamental para que o estado entre na rota do orçamento público. Os recursos não chegavam como deveriam e Othelino Neto demonstra grandeza quando se junta a todos nós para que, de fato, o estado avance”, disse.

Na reunião com o senador Weverton Rocha, Othelino Neto discutiu a necessidade de buscar soluções aos problemas ainda latentes enfrentados no Maranhão. “É gratificante ter senadores dispostos a ajudar o estado. Nós precisamos somar esforços para que o Maranhão obtenha benefícios com a aliança política”, ressaltou Othelino.

Weverton Rocha disse que a presença do presidente da Assembleia Legislativa reforça a discussão de temas importantes para o Maranhão. “Estamos em uma linha de diálogo e Othelino está aqui para unificarmos e extrairmos opiniões e críticas sobre assuntos que estão em pauta no Senado Federal. Vamos nos reunir com toda a bancada maranhense e encontrar soluções para os problemas como, por exemplo, das BRs 135 e 222, que estão altamente desgastadas. O presidente da Assembleia trouxe as reclamações da população sobre nossas estradas, que se encontram praticamente intrafegáveis”, finalizou.

Senado conclui escolha da Mesa Diretora, Weverton Rocha é um dos eleitos

Weverton Rocha é o único maranhense na Mesa Diretora do Senado

Os partidos entraram em acordo político para eleição de dez cargos da Mesa Diretora do Senado e compuseram chapa única para dirigir a Casa. O arranjo foi negociado na reunião dos líderes das legendas ontem na sala do presidente Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Com 72 votos favoráveis, dois contrários e três abstenções, foi eleita a chapa tendo como 1º vice-presidente Antonio Anastasia (PSDB-MG) e 2º vice-presidente Lasier Martins (Pode – RS).

A 1ª secretaria caberá ao senador Sérgio Petecão (PSD-AC); a 2ª secretaria será ocupada por Eduardo Gomes (MDB – TO); a 3ª secretaria terá Flávio Bolsonaro (PSL-RJ); e a 4ª secretaria caberá ao senador Luis Carlos Heinze (PP – RS).

Também foram eleitos os quatro suplentes da Mesa. Marcos do Val (PPS-ES) será o 1º suplente; Weverton (PDT-MA), o 2º suplente; Jaques Wagner (PT-BA), o 3º suplente; e Leila Barros (PSB-DF), a 4ª suplente.

Weverton Rocha é o único maranhense na Mesa Diretora do Senado. Foi eleito em 2018 com quase 2 milhões votos. Além de presidente estadual do PDT, Weverton também foi escolhido líder do partido no Senado.

Flávio Dino defende ações para políticas públicas no Maranhão

As reuniões em Brasília são importantes espaços para colocar em pauta políticas públicas e assuntos de interesse comum dos Estados

O governador Flávio Dino esteve, na noite de terça-feira (5), no gabinete do senador Weverton Rocha, em Brasília, para discutir pautas de interesse do Maranhão. A visita foi acompanhada pelo deputado federal Márcio Jerry.

Durante a agenda em Brasília, Flávio Dino também terá reunião com o ministro da Cidadania, Osmar Terra, e participará da reunião de governadores do Nordeste. Os dois eventos ocorrem nesta quarta-feira (6).

As reuniões em Brasília são importantes espaços para colocar em pauta políticas públicas e assuntos de interesse comum dos Estados e que dependem de providências do governo federal, como a reforma da Previdência e o combate às desigualdades sociais.

Na quinta-feira (7), o governador participará de debates promovidos na 11ª Bienal da União Nacional dos Estudantes (UNE), em Salvador, na Bahia. O evento reunirá estudantes de todo o país e este ano tem como foco o caráter de resistência cultural e política, tanto da entidade quanto da própria Bienal.

Com o apoio de mais de 100 prefeitos, Erlânio Xavier lança chapa para disputar presidência da Famem

Erlânio defendeu a transparência na entidade e anunciou que uma das suas prioridades é a construção da sede própria em terreno já doado pelo Governo do Estado

Em clima de já ganhou, o prefeito de Igarapé Grande, Erlânio Xavier (PDT), lançou oficialmente, nesta quarta-feira (16), no Hotel Rio Poty Hotel, sua candidatura à presidência da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem).

Ao lado de prefeitos como Edivaldo Holanda Júnior (São Luís); Miltinho Aragão (São Mateus); Juran Carvalho (Presidente Dutra); Erick Costa (Barra do Corda) e Carla Batista (Vila Nova dos Martírios), Erlânio lançou a Chapa Humberto Coutinho e reafirmou que o não cumprimento do acordo no qual o atual presidente da Famem, Cleomar Tema, se comprometeu com o grupo que o elegeu não disputar a reeleição motivou sua candidatura.

O prefeito foi questionado sobre o apoio do Palácio dos Leões e deixou claro que em nenhum momento o governador Flávio Dino (PCdoB) tentou interferir na sucessão da entidade.

Erlânio defendeu a transparência na entidade e anunciou que uma das suas prioridades é a construção da sede própria em terreno já doado pelo Governo do Estado, criação de uma subsede na região Tocantina e reativação da Escola de Gestão Municipal.

Estiveram no evento o senador Weverton Rocha (PDT) e o ex-presidente da Famem, Gil Cutrim, antecessor de Cleomar Tema.

Em campanha, Rodrigo Maia almoça com deputados maranhenses em São Luís

Rodrigo Maia já conta com o apoio do PSL, PRB, PSD, PPS, além do próprio DEM, o que garantiria o apoio de 153 dos 513 deputados

O deputado federal e presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), está em campanha pelos estados nesta semana para angariar mais apoio à sua recondução. Nesta segunda-feira (07), Maia se reuniu com os deputados maranhenses em um restaurante da Avenida Litorânea, em São Luís.

O deputado já conta com o apoio do PSL, PRB, PSD, PPS, além do próprio DEM, o que garantiria o apoio de 153 dos 513 deputados.

Em São Luís, o almoço de Rodrigo Maia contou com a presença dos deputados federais Rubens Pereira Júnior (PCdoB); Juscelino Filho (DEM); Cléber Verde (PRB), e do senador eleito, Weverton Rocha (PDT). Também participaram os deputados federais eleitos Márcio Jerry (PCdoB); Bira do Pindaré (PSB); Eduardo Braide (PMN); Júnior Marreca Filho (Patriota); Edilázio Júnior (PSD) e Pedro Lucas Fernandes (PTB).

No sábado, Rodrigo Maia esteve em Goiânia, com o governador do Estado, Ronaldo Caiado (DEM-GO) e fará nos próximos dias, mais viagens para outros estados.

Weverton Rocha concede entrevista e analisa cenários para os próximos anos

Na entrevista, Weverton falou sobre o desejo de alternância expresso pela grande maioria da população maranhense

O senador eleito Weverton Rocha (PDT) concedeu entrevista ao jornal O Imparcial e analisou o resultado das urnas, além do cenário político para os próximos anos. Weverton é presidente estadual do PDT e foi eleito senador com 1.997.450, faltando apenas 2.550 para dois milhões de votos.

Na entrevista, Weverton falou sobre o desejo de alternância expresso pela grande maioria da população maranhense. “Imagine-se o grupo que foi derrotado depois de quase 50 anos mandando aqui. A eleição do governador vai definindo a tendência e a vontade do eleitor de não retornar mais os que estavam no poder, tiveram a oportunidade de realizar muito em favor do povo e não fizeram. Foi também um recado muito duro” afirmou o senador eleito.

Weverton abordou sobre o papel do governador Flávio Dino na liderança do projeto vitorioso que sacramentou a derrota do grupo Sarney no Maranhão. “O governador foi eleito no primeiro turno com uma vantagem enorme sobre a candidata derrotada, além dos dois senadores, a maioria da bancada federal na Câmara e vitória esmagadora da Assembleia Legislativa”. Com os resultados das urnas “Aumenta a responsabilidade e ao mesmo tempo confirma a sua liderança diante de uma administração propositiva, com transparência e prestação de contas do mandato. Ao fazê-lo durante a campanha, ele mostrou o que realizou e levou uma palavra de reafirmação de um aplano de governo. Ele tem um plano de governo e sabe o que quer para cada área” disse.

Questionado sobre que vai acontecer daqui a quatro anos na política do Maranhão, com o fim dos oito anos de Flávio Dino e os primeiros quatro de sua investidura no Senado. Weverton foi taxativo em afirmar que o melhor é esperar a hora certo para discutir o assunto. “Vamos esperar que os próximos quatro anos sejam para Flávio Dino o de cumprimento de suas metas, de concretização das mudanças em curso, mesmo diante de tantas dificuldades que terá de encarar para impedir o colapso que ocorreu em vários outros estados. Em Brasília, ele terá o apoio que não teve no primeiro mandato para tocar seus projetos. Vou continuar empenhado em ajudá-lo nesse novo momento. Tenho sempre dito que não faço nenhum projeto pessoal. Individual. O projeto majoritário é de grupo. Estou preparado para todos os projetos que o grupo definir. Hoje, o grupo tem um comandante que é Flávio Dino. Vamos aguardar. É cedo para discutir isso”, sentenciou Weverton.

Sobre as próximas eleições, tendo em vista que o PDT administra a capital São Luís, com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior. Weverton afirmou que o condutor da sucessão na capital é o próprio Edivaldo. “Ele tem experiência acumulada, é um gestor responsável, tem realizado uma gestão produtiva e limpa de atos desabonadores”, concluiu Weverton.

Flávio Dino reúne base política para agradecer vitória no primeiro turno

Durante o evento, Flávio Dino adiantou que as mudanças de secretariado, que são habituais em cada nova gestão, não serão feitas agora, apenas depois da definição da eleição presidencial e da montagem do grupo de trabalho do novo presidente

“É um momento para confraternização, gratidão e agradecimento, porque fizemos uma belíssima campanha”, relatou Flávio Dino, governador reeleito no Maranhão, sobre o ato com prefeitos, deputados estaduais e federais – que estão no cargo e os eleitos – e lideranças políticas de todo o estado que lotaram o evento, na noite de segunda-feira (22). Reconduzido ao segundo mandato, Flávio Dino garantiu: as parcerias com os municípios serão mantidas, com a chegada de programas e obras que beneficiam a população, sem distinção, como ocorreu ao longo dos quatro primeiros anos de gestão.

Ao lado do vice-governador Carlos Brandão, do senador vitorioso Weverton Rocha e do suplente da senadora Eliziane Gama, Pedro Fernandes, Dino disse aos mais de 150 prefeitos presentes, e fazendo ressoar aos demais gestores que o apoiaram que não puderam comparecer, que foi graças a união os mais de 1,8 milhões de votos alcançados. Para ele, passado o pleito estadual, agora é hora de unir ainda mais, deixando de lado as possíveis diferenças do período e centrando forças numa gestão democrática e que leve dias melhores a todos os municípios maranhense, marca do Governo Flávio Dino.

“A união é muito necessária para que nós possamos concretizar novas metas, novos projetos e obras, que é o que a população espera. Então, queremos, mediante a gratidão, projetar o que vai ser o próximo Governo, um Govenro que apesar das dificuldades imensas que o Brasil atravessa, é feito com entusiasmo, com determinação, com coragem e um Governo que procura caminhar com todos. E todos aqueles que queiram ajudar o Maranhão são bem vindos e essa é a mensagem principal”, definiu.

Durante o evento, Flávio Dino adiantou que as mudanças de secretariado, que são habituais em cada nova gestão, não serão feitas agora, apenas depois da definição da eleição presidencial e da montagem do grupo de trabalho do novo presidente. “Eu já comuniquei a minha equipe, mudança de Governo é normal. Não vamos fazer mudança agora, vamos esperar a eleição presidencial, ver quem vai ganhar a eleição e ver qual vai ser a equipe deste presidente da República, quais partidos estarão no governo, quais estarão na oposição. O Governo é este que está aí, funcionando, e progressivamente a gente vai fazendo pequenas mudanças, de acordo com a conjuntura nacional”, explicou.

O governador reeleito aproveitou o encontro com as lideranças políticas para reafirmar seu apoio ao presidenciável Fernando Haddad, do PT, no segundo turno. Para ele, o papel dos municípios será fundamental para centrar forças nessa reta final e, assim, virar os números que indicam as pesquisas e obter vitória.

“Todos vocês conhecem a minha posição e eu tenho me manifestado muito claramente sobre o que é melhor para o Maranhão e para o Brasil. Isto porque está se definindo uma posição em que o outro candidato tem feito uma série de declarações desastradas, sobre o judiciário, sobre o direito das pessoas, sobre o Supremo Tribunal Federal e eu realmente o acho ruim para o Brasil, para o Nordeste e para o Maranhao”, disse, incentivando: “No Maranhão Haddad teve mais de 60% e é importante que agora tenha mais de 70%”.