Flávio Dino avalia resultado das eleições no Maranhão…

flavio0210

Após o resultado das eleições no Maranhão, o governador Flávio Dino (PCdoB) disse, neste domingo (02), por meio das redes sociais, que ficou feliz com as vitórias obtidas por seu campo político no Estado, incluindo cidades grandes, médias e pequenas como Timon, Coroatá, Codó, Açailândia, Santa Inês, Barra do Corda,  Balsas, São José de Ribamar, Alcântara, Vargem Grande, São Bento, Paço do Lumiar, Raposa, Presidente Sarney, Chapadinha, Cururupu, Esperantinópolis, Colinas, Porto Rico do Maranhão, Pindaré-Mirim, etc

“Feliz também com as excepcionais vitórias do nosso campo político, em todas as regiões do Estado, em cidades grandes, médias e pequenas. Muito feliz com o resultado da eleição. Parabéns aos 216 prefeitos eleitos e aos que irão ao segundo turno em São Luís”, disse.

Flávio Dino concederá entrevista coletiva, às 10h,  nesta segunda-feira (03), no Palácio dos Leões, para avaliar o resultado das eleições no Maranhão.

IMPERATRIZ – Delegado Assis surpreende e vence no segundo maior colégio eleitoral do Maranhão

Delegado Assis desbancou Ildon Marques e Rosângela

Delegado Assis desbancou Ildon Marques e Rosângela

O  peemedebista, delegado Assis (PMDB), venceu a eleição em Imperatriz, segundo maior colégio eleitoral do Maranhão,  com 29,16% dos votos válidos. O candidato recebeu, ao todo 38.600 votos. Ele concorreu pela coligação formada pelos partidos PMDB, PTN e PRP.

O segundo colocado, Ildon Marques, do PSB, totalizou 36.122 votos (27,28%). O candidato concorreu às eleições pela coligação formada pelos partidos PSB, PP, PHS e PSD.

Rosângela Curado, do PDT, ficou em terceiro lugar com 21, 82% dos votos. Era bem cotada no início da campanha, mas sofreu uma série de desgastes que a prejudicaram nas urnas.

SÃO LUÍS – De virada, Braide desbanca Wellington e vai para o segundo turno com Edivaldo

Prefeito ficou em primeiro lugar com 45,66% e vai disputar o segundo turno com Eduardo Braide.

Edivaldo e Braide vão disputar o segundo turno

Edivaldo e Braide vão disputar o segundo turno

Em São Luís, o candidato do PMN, Eduardo Braide, impulsionado pelo desempenho nos debates das TVs Guará e Mirante, surpreendeu e chegou ao segundo turno das eleições neste domingo (02) com 21,34%. O prefeito Edivaldo Jr (PDT), candidato à reeleição, ficou em primeiro com 45,66%, Wellington do Curso (PP) em terceiro com  19,80%, Eliziane Gama (PPS) com 6,19%, Fábio Câmara (PMDB) com 3,63%, Rose Sales (PMB) com 1,97%, Cláudia Durans (PSTU) com 0,82%, Valdeny Barros (PSOL) com 0,49% e Zé Luís Lago (PPL) com 0, 09%.

Os institutos realizaram suas últimas pesquisas muito em cima do debate da TV Mirante, decisivo para a eleição em São Luís, alguns já previram a tendência de crescimento de Eduardo Braide e a queda do candidato do PP, Wellington do Curso, que sofreu uma série de desgastes durante a campanha.

Com poucos segundos de propaganda eleitoral, Eduardo Braide só conseguiu ser notado, efetivamente, pelos eleitores de São Luís nos debates da TV Guará e Tv Mirante. No primeiro, ele desbancou Wellington do Curso e fez as pessoas observarem o despreparo do candidato pepista.

Veio o debate da TV Mirante e Braide se sobressaiu, mais uma vez, conseguindo destaque ao direcionar suas perguntas aos candidatos que estavam nas primeiras colocações e colhendo, assim, situações que o favoreceram.

E Wellington do Curso ficou, na verdade, como o candidato que se pôde comparar com um “saco de biscoito sem biscoito dentro”. Ou seja, vazio, sem conteúdo.

Jornalista sofre violência enquanto trabalhava em Pinheiro; Agressor está sendo procurado pela Polícia

Sindicato de Jornalistas lança nota de repúdio. Empresário agressor seria ligado ao candidato a prefeito, Luciano Genésio.

bo-glaucione

A disputa pela Prefeitura de Pinheiro resultou em um episódio bastante lamentável na noite deste sábado (01). A jornalista Glaucione Pedroso, que trabalha na assessoria de imprensa e marketing do candidato Leonardo Sá (PCdoB), registrou queixa na Polícia após ser ameaçada  de morte pelo empresário Jardenson Lardim, ligado ao candidato do PP, Luciano Genésio, e um capanga que a violentou, apontando-lhe uma arma de fogo contra a sua cabeça.

Após o ocorrido, os agressores evadiram-se e agora estão sendo procurados pela Polícia. Com o episódio, o Sindicato dos Jornalistas lançou nota de repúdio e solidariedade à profissional.

Segundo Glaucione relatou à Polícia, tudo aconteceu em uma praça de Pinheiro, onde a jornalista tomava algumas providências sobre o marketing da campanha, quando reconheceu e avisou que o empresário tentava intimidar militantes comunistas, passando-se por delegado de Polícia Civil.

Glaucione contou que o empresário passou a agredi-la verbalmente e a lhe fazer ameaças, ordenando que um dos seus segurança a agredisse. “Corri e procurei me esconder em um carro de amigos. Foi quando o segurança chegou, de arma em punho, apontando para a minha cabeça. Fiquei muita assustada e com medo”, relatou a jornalista.

O blog chama a atenção da Secretaria de Segurança Pública do Estado para o clima de violência em Pinheiro por conta das eleições e para esse caso que tem como envolvido esse empresário.

SINDICATO DOS JORNALISTAS REPUDIA VIOLÊNCIA E SE SOLIDARIZA COM COLEGA

Sindicato dos Jornalistas Profissionais de São Luís

Moção de apoio

Manifestamos no absoluto apoio à jornalista Glaucione Pedrozo, vítima de agressão verbal e física neste sábado (01) na cidade Pinheiro na Baixada Maranhense, quando se encontrava no desiderato de função como assessora de comunicação, com insultos e injúrias, e ameaça de morte, quando teve uma arma apontada para sua cabeça por um jagunço.

Repudiamos, veementemente, atitudes desta natureza e tal prática de violência que perdura em nosso Estado, por parte de pessoas que alimentam a atitude do “quero e posso” através da violência e do banditismo, como se o Maranhão fosse uma terra sem lei, sem autoridade.

Repudiamos atitudes covardes, como esta contra uma profissional da Comunicação, que colocam em risco a democracia .

Douglas Cunha

Presidente do Sindicato dos Jornalistas de São Luís