Márcio Jerry reivindica melhorias para as estradas do MA

Citando o protesto que interrompeu hoje o trânsito na BR-135, Jerry pediu atenção especial do Governo Federal para que medidas urgentes sejam adotadas.

O deputado federal Márcio Jerry subiu à Tribuna da Câmara na tarde desta terça-feira (18) para reivindicar melhorias para as estradas do Maranhão. Citando o protesto que interrompeu hoje o trânsito na BR-135, entre São Mateus e Miranda no Maranhão – única via que dá acesso à capital, São Luís –, Jerry pediu atenção especial do Governo Federal para que medidas urgentes sejam adotadas.

“Este é um apelo que tem sido feito por toda a Bancada do Maranhão e seus 21 membros ao senhor presidente da República e ao ministro de infraestrutura, Tarcísio de Freitas, sobre a situação que estamos experimentando no Maranhão. É um descaso grave, no que diz respeito à manutenção, conservação das rodovias federais que cortam o nosso estado. Temos pedido atenção especial desde janeiro 2019, e medidas não foram adotadas”, lamentou.

Jerry ainda registrou o pedido protocolado ontem pelo Governador do Estado, Flávio Dino, de uma audiência pública para que os Governos do Estado e Federal possam chegar a um acordo. O deputado acrescentou que o apelo acontece antes que “rodovias não fiquem completamente intransitáveis” no período das chuvas.

Bolsonaro faz trocas na Casa Civil e ministério da Cidadania

Braga Netto assumiu a Casa Civil na vaga de Onyx, transferido para a Cidadania, antes comandada pelo deputado Osmar Terra

O presidente Jair Bolsonaro empossou na tarde desta terça-feira (18) em cerimônia no Palácio do Planalto os novos ministros da Casa Civil, Walter Braga Netto, e da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

Braga Netto assumiu a Casa Civil na vaga de Onyx, transferido para a Cidadania, antes comandada pelo deputado Osmar Terra (MDB-RS), que deixou o governo. As mudanças foram anunciadas na semana passada.

Com Braga Netto, um general da ativa do Exército, Bolsonaro consolidou o processo de “militarização” do núcleo palaciano. Agora, todos os ministros com gabinete no Palácio do Planalto são militares: três generais e um policial militar da reserva do Distrito Federal.

As mudanças na Casa Civil e Cidadania ocorreram na primeira reforma ministerial do ano promovida por Bolsonaro, que também nomeou o ex-deputado Rogério Marinho para o Ministério do Desenvolvimento Regional, em substituição ao servidor público Gustavo Canutto, que assumiu a presidência da Dataprev.

Em discurso durante a cerimônia, Onyx Lorenzoni citou ações que o governo executou desde janeiro de 2019, como a aprovação da reforma da Previdência, a reestruturação dos ministérios (reduzidos de 29 para 22) e o envio ao Congresso do projeto para regulamentar mineração em terras indígenas.

Flávio Dino pede audiência com Bolsonaro para tratar sobre condições de BRs

Na manhã desta terça-feira (18), manifestantes bloquearam uma mão da rodovia em Miranda do Norte como forma de protesto.

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), afirmou, nesta terça-feira (18), que solicitou audiência com o presidente Jair Bolsonaro para tratar sobre a situação de estradas federais no Maranhão.

“Ontem, pedi ao presidente da República uma audiência para tratar sobre a péssima situação de estradas federais, BRs, no Maranhão. Desde o início do ano passado, solicitações de obras foram feitas, mas com nenhum resultado. Na audiência, vou oferecer ajuda ao Governo Federal”, escreveu Flávio Dino em seu Twitter.

Dentre as várias BRs com problemas no Maranhão, a BR-135 é uma das piores. Na manhã desta terça-feira (18), manifestantes bloquearam uma mão da rodovia em Miranda do Norte como forma de protesto.

Detinha também ensaia disputar Prefeitura de São Luís

Na negociação, já estaria assegurado o apoio dos partidos PL, Avante e Patriotas.

O deputado federal e presidente do PL, Josimar de Maranhãozinho, estuda lançar sua esposa, a deputada estadual Detinha, como pré-candidata a prefeita em São Luís.

A possibilidade foi tratada em reunião em que estiveram os deputados federais Josimar Maranhãozinho, Júnior Lourenço, Pastor Gildenemyr e Junior Marreca Filho, a deputada estadual Detinha, o ex-deputado federal Júnior Marreca e o vereador Aldir Júnior.

Josimar articulava a indicação de seu sobrinho, o vereador por São Luís Aldir Júnior, para o posto de vice-prefeito na chapa do pré-candidato Eduardo Braide, mas não obteve sucesso.

Na negociação, já estaria assegurado o apoio dos partidos PL, Avante e Patriotas.