Maranhão é o 3º estado que mais testa para coronavírus no país

Até a última terça-feira (09), já haviam sido realizados 93.111 testes para diagnóstico da Covid-19

Com mais de 90 mil testes realizados, o Maranhão agora ocupa a 3ª colocação no ranking nacional dos estados que mais realizam a testagem para a detecção do novo coronavírus. Os dados divulgados quarta-feira (10) mostram que o estado subiu mais três posições depois da última avaliação, realizada ainda no mês de maio, quando o Maranhão ocupava o 6º lugar em número de testagem.

Até a última terça-feira (09), já haviam sido realizados 93.111 testes para diagnóstico da Covid-19. Só nos últimos 18 dias foram realizados quase 60 mil testes e, nesta quinta-feira (11), começou a distribuição de mais de 50 mil testes rápidos para os 217 municípios do estado.

“A intenção é massificar a testagem para identificar os positivados e isolá-los, a fim de evitar a transmissão. A testagem é importante também para termos um panorama da situação em cada região, para seguirmos com o planejamento das ações de expansão da rede de assistência e a adoção de outras medidas referentes à pandemia”, afirmou secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

As informações sobre testagem são disponibilizadas nos sites oficiais das secretarias de Saúde de cada estado e reunidas pelo Conecta SUS, suporte tecnológico e informativo do Governo do Maranhão que monitora todas as informações em Saúde.

Ocupando os primeiros lugares no ranking, aparecem os estados do Ceará (159.416) e Distrito Federal (147.226) respectivamente. Nas últimas colocações estão Roraima (9.581), Amazonas (6.183) e Tocantins (6.010).

Assembleia suspende por 90 dias desconto de empréstimos consignados em folha de seus servidores

A iniciativa integra as ações da Assembleia Legislativa do Maranhão, que usa da prerrogativa de legislar para ajudar a população maranhense a superar as dificuldades da crise sanitária causada pelo novo coronavírus. 

A Assembleia Legislativa do Maranhão suspenderá, pelo prazo de 90 dias, a partir deste mês de junho, os descontos referentes aos empréstimos consignados em folha dos seus servidores, conforme está previsto na Lei 11.274/2020, promulgada pelo presidente da Casa, deputado Othelino Neto (PCdoB), no dia 4 deste mês.

Os servidores que desejarem manter os descontos de seus empréstimos consignados em folha deverão encaminhar a solicitação à Diretoria de Recursos Humanos da Alema, através do email [email protected], impreterivelmente até o dia 15 de junho, manifestando interesse na manutenção do desconto, conforme assegura o art.5º, parágrafo único, da Lei 11.274/2020. Também deverão ser encaminhadas, em anexo, fotocópias do RG e do CPF.

O diretor de Recursos Humanos da Assembleia, Eduardo Pinheiro, esclareceu que se o servidor perder o prazo de se manifestar, que se encerra no próximo dia 15, o desconto em folha da parcela do empréstimo consignado será suspenso por 90 dias.

A Lei 11.274/2020, referente ao Projeto de Lei Ordinária n° 100/2020, de autoria da deputada Helena Duailibe (Solidariedade), coautoria do deputado Adriano Sarney (PV) e emenda do deputado César Pires, autoriza a suspensão, por 90 dias, do desconto salarial das parcelas de empréstimos consignados em folha de pagamento de aposentados, servidores públicos e empregados da iniciativa privada.

A iniciativa integra as ações da Assembleia Legislativa do Maranhão, que usa da prerrogativa de legislar para ajudar a população maranhense a superar as dificuldades da crise sanitária causada pelo novo coronavírus. 

“Estamos apoiando os municípios e reforçando a rede assistencial do governo”, afirma Flávio Dino

O Governo do Maranhão já abriu dez ambulatórios especializados para o combate ao coronavírus desde o mês passado.

O governador Flávio Dino afirmou em entrevista à TV Mirante quarta-feira (10) que o Estado tem dado apoio aos municípios e reforçado sua rede própria no combate ao coronavírus no Maranhão.

Ele lembrou que, de acordo com o STF, tanto governadores e prefeitos têm competência legal para atuar contra a pandemia.

“Estamos acompanhando a ação dos prefeitos e reforçando a rede assistencial do Governo do Estado, abrindo inclusive ambulatórios para apoiar a atenção básica dos municípios. Além disso, estamos reforçando a presença dos hospitais. Nesta semana, estamos iniciando o atendimento em Lago da Pedra e também iniciaremos na cidade de Pedreiras”, disse.

O Governo do Maranhão já abriu dez ambulatórios especializados para o combate ao coronavírus desde o mês passado.

O governador Flávio Dino afirmou em entrevista à TV Mirante nesta quarta-feira (10) que o Estado tem dado apoio aos municípios e reforçado sua rede própria no combate ao coronavírus no Maranhão.

“Estamos acompanhando a ação dos prefeitos, apoiando os municípios e reforçando a rede assistencial do Governo do Estado, abrindo inclusive ambulatórios para apoiar a atenção básica dos municípios. Além disso, estamos reforçando a presença dos hospitais. Nesta semana, estamos iniciando o atendimento em Lago da Pedra e também iniciaremos na cidade de Pedreiras”, disse.

O Governo do Maranhão já abriu dez ambulatórios especializados para o combate ao coronavírus desde o mês passado.