A indefinição do posicionamento do governador Flávio Dino (PSB) sobre qual será o nome escolhido do grupo, que lidera, para suceder seu governo, tem gerado rebuliços entre apoiadores. Ele assiste inerte a muitos embates e tem deixado a base “sangrar”, não se sabe ainda por qual motivo.

Essa indefinição fez com que cinco pré-candidatos governistas se movimentem, freneticamente, em busca de apoios: senador Weverton Rocha (PDT); vice-governador Carlos Brandão (PSDB); deputado federal Josimar de Maranhãozinho (Progressistas); secretário de Estado de Indústria e Comércio, Simplício Araújo; e o ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior.

Hoje, os nomes governistas já lançaram seus projetos políticos e acordos já estão sendo fechados sem nenhuma participação do governador, ao menos, que se saiba publicamente.

Em uma análise mais aprofundada, o governador, para a maioria dos interlocutores, parece ter perdido o domínio sobre sua própria sucessão ao fechar os olhos para o rebuliço de sua base.

E entendem os analistas também que uma articulação com dois, três ou mais pré-candidatos, tipo um consórcio semelhante à última eleição em São Luís, pode ser muito perigoso para os planos políticos de Flávio Dino. O risco é o governo dividir e perder mais da metade de sua base de apoio.

Em meio a tudo isso, pelo menos um pré-candidato já desistiu de esperar. O deputado Josimar de Maranhãozinho já anunciou um rompimento para seguir com seu projeto independente, o que não é bom para os planos dinistas.

A grande decisão tinha sido anunciada para novembro, mas, em recentes declarações, o governador se reposicionou para anunciar seu veredicto somente em 2022, o que deixa um clima de muita ansiedade entre os aliados que correm para se viabilizarem.

Até 2022, muita coisa pode acontecer, incluindo a saída de muitas lideranças políticas do governo. Estamos acompanhando.

Postagens relacionadas

One thought on “A indecisão de Flávio Dino sobre 2022…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *