"Acordo evitou greve e aumento de passagens", diz deputado

O deputado Othelino Neto (sem partido) destacou, nesta quarta-feira (11), o entendimento entre o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, o presidente do Sindicato dos Rodoviários, Dorival Silva, e o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte (SET), José Luís Medeiros, que suspendeu a greve de ônibus na cidade de São Luís e impediu um reajuste nas passagens. “Foram várias rodadas de conversa e, felizmente, chegaram a um acordo, evitando o que seria um grande transtorno para a capital maranhense”, disse o parlamentar.

Segundo Othelino Neto, a Prefeitura de São Luís vai continuar subsidiando o transporte público. “O prefeito Edivaldo Holanda não aceitou, em função das limitações financeiras do Município, aumentar os dois milhões que já repassa mensalmente ao SET por conta de um termo de ajustamento de conduta assinado junto à categoria dos rodoviários”, frisou.


Othelino destacou, ainda, que o SET se comprometeu em pagar o reajuste salarial aos rodoviários, que era a reivindicação principal, além de garantir a questão da segurança. Outro acordo interessante, segundo o deputado, é de se estabelecer, urgentemente, um fórum envolvendo não só o SET, o Sindicato dos Rodoviários, a Prefeitura de São Luís e o Ministério Público, mas também convidando a sociedade civil organizada e não organizada para participar de uma discussão em torno de uma solução definitiva para a questão do transporte público na capital maranhense.


O deputado frisou, na tribuna, que esse acordo não resolve, definitivamente, o problema. Segundo ele, tanto sindicalistas quanto os representantes da Prefeitura são defensores de uma política para solucionar a celeuma do transporte público de São Luís e melhorar a qualidade do serviço oferecido pelo sistema à população, que é um compromisso do prefeito Edivaldo Holanda Jr.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.