Em quatro anos, crimes violentos caem 64% na Grande Ilha

A queda sistemática tem sido possível graças aos investimentos feitos na Segurança Pública

O número de crimes violentos caiu 64% na Grande São Luís entre 2014 e 2018. As estatísticas levam em conta os chamados CVLI (Crimes Violentos Letais Intencionais), que são compostos sobretudo pelos homicídios.

Em 2014, foram 988 registros desse tipo de crime. A partir de 2015, quando foi implementada uma nova política de segurança e combate à violência, esse número foi caindo ano a ano, até chegar a 362 em 2018.

A queda sistemática tem sido possível graças aos investimentos feitos na Segurança Pública. Hoje o Maranhão tem 15 mil policiais, o maior número da história. Mais de mil viaturas novas foram entregues em quatro anos. Dezenas de prédios para a Segurança Pública foram reformados ou construídos. Cerca de 9 mil policiais receberam promoções.

Sarney segue com forte influência no governo Bolsonaro

No Maranhão, o grupo de José Sarney mantém indicados em órgãos como a Codevasf, Iphan e Correios

O Globo

Cobrado por parlamentares a nomear apadrinhados para órgãos federais em troca de apoio, o governo Bolsonaro mantém, quase quatro meses após assumir o comando do país, indicados de caciques longevos na política em cargos comissionados nos estados. Apelidados nos corredores do Congresso como “esqueceram de mim”, afilhados de antigas lideranças como Eunício Oliveira (MDB-CE), Romero Jucá (MDB-RR), José Sarney (MDB-AL) e Garibaldi Alves (MDB-RN) permanecem em chefias regionais de órgãos federais.

No Maranhão, o grupo de José Sarney, que inclui sua família e os ex-senadores João Alberto Souza e Edison Lobão, ambos do MDB, mantém indicados em órgãos como a Codevasf, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e os Correios. No comando do Iphan no estado está Maurício Itapary, que, também apadrinhado por Sarney, já havia passado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Ele é filho de Joaquim Itapary, colega de Sarney na Academia Maranhense de Letras.

Ex-prefeito de Nina Rodrigues (MA), o emedebista Jones Braga é o superintendente da Codevasf no estado. Quando Roseana Sarney foi governadora, ele ocupou a subchefia da Casa Civil. O superintendente do Ministério da Agricultura, Antônio José dos Santos, também foi indicado pelo grupo. Já nos Correios, a superintendência está a cargo de Ricardo Melo Sousa Barroso, indicado pelo então deputado federal Victor Mendes (MDB), do grupo de Sarney.

Corpo de Bita do Barão é sepultado em Codó

O pai de santo, conhecido em todo o país, faleceu aos 86 anos

O corpo do babalorixá Bita do Barão foi levado em cortejo pelas ruas de Codó e sepultado por volta das 18h30 de sábado (20) no Cemitério Central. Antes, um ritual conhecido como “Tambor de Choro” foi realizado pelos filhos de santo de Bita do Barão.

O pai de santo, conhecido em todo o país, faleceu aos 86 anos na tarde de quinta-feira (18) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular de Teresina, no Piauí. O velório aconteceu no Palácio de Iansã, que fica na Tenda Espírita Rainha Iemanjá, em Codó. Orações e rituais da umbanda foram realizados durante todo velório.

Avianca cancela quase 2 mil voos até o dia 28

A fim de minimizar os efeitos negativos dessas medidas, a Anac vem recomendando aos passageiros, que fiquem atentos aos comunicados da Avianca sobre a situação dos voos

A Avianca já contabiliza quase 2 mil voos cancelados até o próximo dia 28, segundo tabela disponibilizada pela companhia aérea em seu site. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) cancelou 18 matrículas de aeronaves da Avianca, dando cumprimento a uma decisão judicial que determinou a reintegração de posse desses aviões às empresas de leasing, donas das aeronaves.

A fim de minimizar os efeitos negativos dessas medidas, a Anac vem recomendando aos passageiros, que fiquem atentos aos comunicados da Avianca sobre a situação dos voos e, em caso de dúvida, busquem informações no site da companhia aérea ou pelos canais de atendimento telefônico, eletrônico ou presencial.

A Avianca afirma que manterá o compromisso, assumido com a Anac, de informar com antecedência mínima de 72 horas os voos que serão cancelados.

Partidos apoiam Bira do Pindaré, Helena Duailibe e Neto Evangelista na disputa pela prefeitura de São Luís

A disputa já conta com vários pré-candidatos, mas três postulantes já contam com o apoio de suas legendas

Mesmo com 17 meses para a eleição de 2020, a disputa pela prefeitura de São Luís já começa a ganhar contornos de como será a sucessão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT). A disputa já conta com vários pré-candidatos, mas três postulantes já contam com o apoio de suas legendas.

O deputado federal Bira do Pindaré já trabalha seu projeto para 2020 e conta com o apoio do presidente nacional de sua legenda, Carlos Siqueira, que já afirmou que ele é prioridade do PSB. Helena Dualidade também conta com o apoio do Solidariedade. O presidente estadual, Simplício Araújo, reafirmou o nome da médica na disputa. Dá mesma forma, o deputado estadual Neto Evangelista que, recentemente, assumiu o diretório do DEM em São Luís e tem declarações de apoio do presidente estadual da legenda, Juscelino Filho.

Internos de Pedrinhas fazem ovos de Páscoa para crianças carentes

Pedrinhas mudou, apostou na ressocialização e os resultados são vistos por todos

O sistema carcerário que ficou conhecido mundialmente em 2013 e 2014, em razão da barbárie em Pedrinhas, agora é visto como uma referência de melhorias, ajudando a aprimorar a segurança de toda a sociedade. São Luís vivia aterrorizada com sangrentas rebeliões e “toques de recolher” impostos por facções quase que semanalmente. Hoje, Pedrinhas mudou, apostou na ressocialização e os resultados são vistos por todos, como esse publicado pelo governador Flávio Dino (PCdoB).

“Os presos em Pedrinhas fizeram milhares de ovos de Páscoa nas oficinas de trabalho que lá mantemos. E esse trabalho virou momentos de alegria para crianças de creches”, escreveu.

Morte de Bita do Barão repercute no meio político e na imprensa nacional

O Jornal Nacional noticiou, na noite de quinta, a morte do pai de santo

Políticos e entidades se manifestaram pela morte do Pai de Santo, Bita do Barão, na tarde de quinta-feira (18) na UTI de um hospital particular de Teresina, no Piauí. Ele estava internado há 10 dias devido a uma infecção pulmonar, que se agravou para um problema renal e de pressão alta. A morte repercutiu na imprensa nacional. O Jornal Nacional noticiou, na noite de quinta, a morte do pai de santo.

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Igualdade Racial, lamentou o falecimento do religioso de matriz africana, Wilson Nonato de Souza, conhecido como Bita do Barão. A nota afirmou que, neste momento de perda para as comunidades de matriz africana, o Governo do Maranhão se solidariza com a família e com as lideranças religiosas dos cultos afros.

Para a ex-governadora Roseana Sarney, Bita do Barão será sempre um referência de preservação do culto e religião de matrizes africanas e externos seu pesar aos familiares, amigos e seguidores do Babalorixá. Para o deputado estadual César Pires, Bita era um líder religioso respeitado e amado por milhares de codeenses e além das fronteiras de Codó.

A Federação de Umbanda e Culto Afro-Brasileiro do Maranhão (FUCABMA) lamentou profundamente a passagem para o plano espiritual, afirmando que Bita do Barão teve uma esplendorosa trajetória espiritual no plano terrestre. O vereador, vice-presidente da Câmara Municipal de São Luís e pai de Santo, Astro de Ogum (PR) também emitiu uma nota lamentando o falecimento de Bita do Barão. No texto, o vereador disse que a Umbanda perde um dos seus maiores filhos e manifestou condolências aos familiares, amigos e admiradores.

Ministro do Meio Ambiente garante apoio ao Governo do Estado para Lençóis Maranhenses

Outro pleito discutido ainda na reunião realizada em Brasília foi sobre o Zoneamento Econômico e Ecológico (ZEE)

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, esteve em São Luís para pactuar, com o governador Flávio Dino, ajuda para o desenvolvimento turístico dos Lençóis Maranhenses. Eles se reuniram no Palácio dos Leões e sobrevoaram a área do Parque Nacional. A convite do Governo do Estado, quando da visita do governador a Brasília no final do mês de fevereiro, Ricardo Salles veio ao Maranhão para conhecer de perto as potencialidades dos Lençóis Maranhenses e garantir ajuda do Governo Federal para o incremento do desenvolvimento turístico da região.

Implementar ações voltadas à qualificação dos serviços de visitação no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é um dos objetivos do Governo do Maranhão. “Nosso governo mantém o diálogo respeitoso com o Governo Federal, em busca de parcerias e medidas que possam ajudar o Maranhão”, ressaltou Flávio Dino.

O ministro explicou que, como tinha combinado com o governador, os pleitos relacionados aos Lençóis Maranhenses seriam analisados conjuntamente. Eles visitaram a região e Salles declarou que é preciso avançar “na parte de estruturação e a ideia de concessão do Parque como um todo para a exploração e incremento do turismo e do ecoturismo na região”.

Flávio Dino quer saber se alguém lucrou ilegalmente com ações da Petrobrás

Nas suas redes sociais, o governador do PCdoB cobra que se verifique se alguém ganhou dinheiro ilegamente com a oscilação do valor da ações da estatal

Estadão

O governador do Maranhão, Flávio Dino, está com a pulga atrás da orelha em relação às declarações dadas nos últimos dias envolvendo a Petrobrás. Nas suas redes sociais, o governador do PCdoB cobra que se verifique se alguém ganhou dinheiro ilegamente com a oscilação do valor da ações da estatal.

“Tantas declarações e medidas desencontradas sobre a Petrobras influenciam fortemente na Bolsa de Valores. Seria bom ver se tem alguém lucrando ilegalmente com essa confusão, comprando e vendendo ações da empresa”, cobrou Dino.