BIRA DO PINDARÉ: "O buraco é mais embaixo…"


Deputado do PT também criticou artigo de Sarney


A oposição reagiu com força, na Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira (03), ao artigo escrito pelo ex-presidente do Senado Federal, José Sarney, onde ele faz referência aos buracos nas ruas de São Luís. Da tribuna, o deputado Bira do Pindaré (PT) convidou o senador a discutir não só os buracos da capital maranhense, como também os do Maranhão, para ver que “o buraco é mais embaixo”.

“Vamos discutir os buracos não só de São Luís, mas também os buracos do Maranhão. Aí nós vamos ver que, de fato, o buraco é mais em baixo”, disparou o petista durante pronunciamento, arrancando risos no plenário.

O senador do Amapá costuma dizer em suas colunas que o Maranhão está bombando, mas, para o deputado Bira, o Estado está bombado, ou melhor, bombardeado pelas mãos da filha do senador, Roseana Sarney. 
 Bira rebateu a “literatura” do líder da oligarquia Sarney publicada no jornal de propriedade de sua família, no último domingo (02). Ele estranhou o fato do senador pelo Estado do Amapá ter esquecido todos os outros buracos do Maranhão e se referir somente aos de São Luís.
O petista sugeriu que o senador ultrapassasse o Estreito dos Mosquitos e participasse da itinerância promovida pelo pela governadora Roseana Sarney, filha do ex-presidente. Desta forma, ele poderia verificar, in loco, a situação deplorável das rodovias estaduais do Maranhão. Bira chegou a comparar a estrada que liga Cujupe à cidade de Pinheiro a uma tábua de pirulitos.
“A MA-106 Cujupe/Governador Nunes Freire está um caco; a MA-014 Vitória do Mearim até Pinheiro 160 km, um bagaço; a MA-006 de Alto Parnaíba a Grajaú está uma esculhambação só; a MA-020 Coroatá/Vargem Grande nunca termina, nunca acaba, é uma estrada fantasma e nós esperamos que as estradas sejam feitas e que o povo possa se beneficiar delas”, protestou Bira.
Outras MA´s abandonadas pelo governo do Estado são as estradas que interligam três dos quatro municípios da ilha de São Luís. A MA-201 e a MA-204 que interligam as cidades de São Luís, Paço do Lumiar e São José de Ribamar, em alguns trechos estão completamente intrafegáveis.

ARTIGO – Segundo Bira, o texto do senador (do Estado do Amapá) chega a beirar o ridículo se levarmos em consideração que pior do que a buraqueira das estradas do Maranhão é a buraqueira que a oligarquia criou nos seus 50 anos de mandonismo.
Segundo Bira, a buraqueira da educação levou o Maranhão a registrar o maior número de analfabetos do país. A da saúde faz o estado possuir o pior déficit de médico por habitante do país. A da segurança pública representa um mês de maio com 71 homicídios somente na ilha de São Luís. A das finanças públicas representa um empréstimo de mais de R$ 5 bilhões contraído pela governadora, endividando o Estado e transferindo a conta para o próximo governador.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.