Com 14 pré-candidatos, disputa em São Luís pode ter definido situação de 25 partidos

Se tudo permanecer como está, 25 partidos já teriam seus projetos definidos.

Mesmo com uma quantidade expressiva de pré-candidatos ao cargo de prefeito em São Luís, o cenário pode ter poucas mudanças ou nenhuma até o final do prazo para as convenções. Se tudo permanecer como está, 25 partidos já teriam seus projetos definidos.

Das 33 legendas existentes no país, cinco ainda não definiram qual o caminho trilhar na capital (MDB, PTB, PT, PCB, PSL) e três legendas não participarão do pleito para a majoritária (PCO, Novo e Unidade Popular). Dos 25 partidos que já caminham para a definição estão:

PCdoB, Cidadania, Progressistas, Democracia Cristã e PMB com o pré-candidato e deputado federal Rubens Júnior; Podemos, PSC, PMN e PSD com o pré-candidato e deputado federal Eduardo Braide; PL, Avante e Patriota com a pré-candidatura da deputada estadual Detinha; Republicanos e PTC com o pré-candidato e deputado estadual Duarte Júnior; DEM e PDT com a pré-candidatura do deputado estadual Neto Evangelista.

Com uma legenda cada estão as pré-candidaturas de Bira do Pindaré (PSB); Adriano Sarney (PV); Carlos Madeira (Solidariedade); Jeisael Marx (Rede Sustentabilidade); Wellington do Curso (PSDB); Dr. Yglésio (PROS); Sílvio Antônio (PRTB; Francklin Douglas (PSOL) e Saulo Arcangeli (PSTU).

As legendas seguem agora para definirem suas posições nas convenções. O prazo será aberto dia 31 de agosto e vai até dia 16 de setembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *