Deputados bolsonaristas discutem plano B enquanto Aliança não sai do papel

Os deputados mais angustiados na Câmara citam como possibilidade de sigla temporária o Patriotas, o Podemos e até o PRP

O grupo de deputados do PSL que vai migrar para o novo partido de Jair Bolsonaro já começa a discutir um plano B enquanto o Aliança pelo Brasil não sai do terreno das intenções. Como está precificada a punição deles com suspensão, mas não com expulsão, o receio desses parlamentares é permanecer “sangrando” nas mãos de Luciano Bivar e seus aliados, sem cargos e vaga em comissão. A alternativa talvez seja passar uma curta temporada de transição em outra sigla. Porém, a possibilidade é vista como muito arriscada pela cúpula do Aliança.

Uma espécie de transição partidária quando há a criação de uma sigla tem precedente, mas o debate não está definido na Justiça. A melhor hipótese, ao menos juridicamente, avaliam, é aguentar o tranco no PSL e rezar para o processo do Aliança andar rápido no TSE.

Os deputados mais angustiados na Câmara citam como possibilidade de sigla temporária o Patriotas, o Podemos e até o PRP. Mas avaliam que seria difícil ter espaço como protagonistas nesta situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *