Destino partidário de Flávio Dino ainda indefinido

Diante do atual cenário político com o ex-presidente Lula de volta, o governador Flávio Dino (PCdoB) está ainda com o destino partidário indefinido.

Mesmo as conversas com o presidente nacional do PSB estando adiantadas, Dino confirmou, em entrevista ao jornal Folha de São Paulo, que só deixará o PCdoB, de fato, quando não houver mais chances de aprovação de proposta no Congresso para a criação de federações partidárias.

A possível data do anúncio de filiação do governador estava marcada para o fim de maio, mas foi pedido um pouco mais de tempo aos socialistas com o objetivo de levar mais nomes do PCdoB para a sigla e ainda esgotar a possibilidade de uma possível fusão partidária com a criação de uma legenda.

Segundo fontes do partido, o PSB aguarda a chegada de Flávio Dino, nas próximas semanas, para a viabilidade do seu projeto político de disputa ao Senado. Além disso, comenta-se, nos bastidores, que a ida do governador para o PSB pode significar uma reaproximação do partido com o PT, que estará no bloco de apoio ao projeto de Lula em 2022.

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *