Em live, Lahesio Bonfim diz que renuncia em março e reafirma pré-candidatura ao governo

O prefeito de São Pedro dos Crentes, Lahesio Bonfim (Agir36), foi sabatinado pela titular deste blog, jornalista Sílvia Tereza, em live, na noite de terça-feira (25), no Instagram do pré-candidato ao governo do Maranhão. Na ocasião, ele reafirmou sua condição e disse que daqui a um mês e meio, precisamente no mês de março, renunciará à gestão municipal.

Com a decisão, ele antecipa o prazo eleitoral que seria em abril e prova que entrará mesmo na disputa pela cadeira número 01 do Palácio dos Leões. Segundo ele, o seu desempenho o credencia até para ser presidente da República.

Na live, Lahesio foi questionado sobre temas polêmicos, como fake news, críticas, liberdade de expressão e de imprensa.

Disse ainda que a chapa está em formação e o nome do senador Roberto Rocha (sem partido) vem sendo conversado para compor o grupo como candidato à reeleição neste grupo.

Bolsonarismo

Sobre ser bolsonarista, ponderou se dizendo adorador de “Deus, da pátria e da família; e não de homem”. Disse ser conservador e ter apoiado o presidente Jair Bolsonaro por ser o único conservador, em sua visão. Lembrou que o apoiou no momentol em que ninguém o fez.

“Quando todo mundo chamava Bolsonaro de doido, era eu quem pedia apoio para ele. Se Bolsonaro apoiar outro candidato, quem estará sendo injusto é ele”, frisou.

Risco eleitoral

Confrontado pela jornalista Silvia Tereza sobre a decisão de se manter na disputa, mesmo correndo o sério risco de perder a eleição, Lahesio disse que pode não ganhar a eleição, mas que não sairá perdendo nada.

“Meu sonho de ser prefeito já realizei. Não tenho mais esse sonho e não iria para uma nova eleição à prefeitura. Votaram na minha reeleição sabendo que eu renunciaria em um ano para tentar o governo. Não vou perder a eleição de jeito nenhum. Posso até não me eleger, mas perder não vou. Sou médico, não vivo de política e nunca tive o salário de prefeito. Sou concursado, sou servidor público e, caso não me eleja ao governo, voltarei a trabalhar apenas na minha profissão”, garantiu ele, ressaltando que, mesmo na gestão municipal, ainda exerce a medicina no atendimento ao povo de seu município.

“Em qualquer lugar por onde eu ande, eu atendo a população, até hoje”, frisou.

Cenários

Questionado pela jornalista sobre hipotéticos cenários eleitorais, sendo em um destes ele estando no segundo turno das eleições, afirmou que aceitaria qualquer apoio, mas sem firmar compromissos envolvendo a máquina pública.

“Não temos dificuldade alguma de aceitar o apoio de quem quer que seja, mas não faremos compromisso com secretarias, diretorias, superintendência, autarquias. Não faremos esse tipo de política. Queremos algo maior para o Maranhão”, afirmou.

Sobre o que pretende

Sobre seus planos para um futuro governo, falou em geração de empregos, que, em sua avaliação, junto com a educação, “é o que liberta o povo”. Segundo Lahesio, para gerar empregos, é preciso abrir mão das cargas tributárias e impostos excessivos, além de contribuir com a classe empresarial.

O pré-candidato citou o que considera um credenciamento incontestável para governar o Maranhão. “Em 2017, São Pedro dos Crentes estava na posição 113, no Ideb, o índice que mede o nível da educação básica em todo o país. Hoje, o município é o segundo do Maranhão. Só isso já me credencia a ser presidente da República”, enfatizou.

Afirmou ainda ser o prefeito maranhense que mais fez obras públicas, utilizando recursos próprios do município.

Sobre Covid-19

Lahesio também foi questionado por Silvia Tereza sobre ações de combate à Covid-19, ressaltando ter se vacinado e estar cumprindo o calendário das imunizações em sua cidade. “Vacinado, a chance de evolução da doença diminui. Mas não obrigaremos ninguém a vacinar”, disse.

 

https://www.instagram.com/lahesiobonfimoficial/tv/CZLE1eUo9ZN/?utm_medium=share_sheet

 

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.