Em meio a crise, deputados aprovam orçamento para 2014

Após controlar "rebeldia" de governistas, governo Roseana consegue aprovar orçamento para 2014
Após controlar “rebeldia” de governistas, governo Roseana consegue aprovar orçamento para 2014

Após o Palácio dos Leões ter conseguido amenizar a crise que se instalou entre os deputados da base governista, a Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou, finalmente, em sessão extraordinária,  na noite desta segunda-feira (23), o Projeto de Lei Orçamentária de 2014 do governo.

Desde a última semana, interlocutores do governo vêm controlando uma crise na base governista que se rebelou pelo aumento do valor das emendas parlamentares e deixou de aprovar a peça orçamentária no último dia útil do ano para sessões, ou seja, na quinta-feira (19) passada. Com o impasse, por muito pouco, a votação do orçamento de 2014 não ficou para o ano que vem.

Durante a sessão extraordinária, parlamentares situacionistas e oposicionistas travaram um extenso debate sobre emendas apresentadas ao texto encaminhado pelo governo, mas venceu o Palácio dos Leões. Os destaques dos deputados Rubens Jr (PCdoB), Bira do Pindaré (PSB) e Eliziane Gama (PPS), que cobravam uma melhor distribuição do orçamento, foram rejeitados.

Orçamento de R$ 14,1 bilhões

Aprovado previamente na Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle, o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício financeiro de 2014 prevê receitas da ordem de R$ 14,1 bilhões. O valor é pouco mais de R$ 1 bilhão maior do que deste ano de 2013, que foi de R$ 13,079 bilhões.

O presidente da Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle, deputado Alexandre Almeida (PTN), destacou que o maior foco do interesse do Executivo, com o projeto encaminhado à Assembleia Legislativa, é a implementação do programa Viva Maranhão.

Postagens relacionadas

2 thoughts on “Em meio a crise, deputados aprovam orçamento para 2014

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.