EXONERAÇÃO DE ALLAN KARDEC – Holanda Jr começa a mudar relação com aliados políticos

Prefeito teria batido na mesa e dito que “quem manda na Prefeitura” é ele

Prefeito exonerou secretário indicado pelo PCdoB
A exoneração do agora ex-secretário municipal de Educação, Allan Kardec, abre precedentes para profundas mudanças na administração municipal e reviravolta nas relações da gestão com os partidos aliados que compõem a atual estrutura. Segundo fonte com bom trânsito no Palácio La Ravardière, o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr, “bateu na mesa” e disse que ele é “quem manda na Prefeitura de São Luís”, em um claro recado a quem tentar “meter o bedelho” em suas decisões.

Não é novidade para ninguém que o ex-secretário de Educação foi indicado pelo PCdoB, partido da base aliada ao governo municipal e que compôs com Edivaldo Holanda Jr nas eleições passadas. Fato é que Allan Kardec conduzia a pasta em meio a muitas críticas e denúncias, o que levou o prefeito a exonerá-lo do cargo.

E, segundo a fonte, há mais demissões a caminho. Uma auditoria interna será o “termômetro” para decidir sobre determinadas permanências ou não em secretarias comandadas ou não por aliados políticos.

Quem conhece o prefeito de perto sabe que ele é do tipo calmo, tranquilo, que não costuma dar murro em cima de mesa ou tomar medidas radicais sem pensar, até quando isso lhe for suportável. No entanto, para dar um outro ritmo à administração municipal, ele começa a tomar decisões mais independentes, pensando, com certeza, no futuro político.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.