Feliz Ano Novo e adeus ao tempo que não volta mais…

A pureza de um beija-flor para esse novo ano que se inicia
A pureza de um beija-flor para esse novo ano que se inicia

Sim, é feliz ano novo o que se deseja para nós mesmos e para o nosso próximo. É com esse desejo de que tudo seja maravilhoso em nossas vidas que se começa mais um ano, que não se pode decifrá-lo, pois o amanhã, o futuro não nos pertence e isso é bíblico. Não adianta cartomantes e búzios tentarem dizer o contrário e adivinhar o que nos reserva 2014.

A certeza que temos é a de que 2013 não retornará mais, o que tinha que acontecer, aconteceu e quem deixou passar momentos especiais, oportunidades únicas e desejos latentes não tem mais como recuperá-los da forma como foram concebidos em sua essência. O tempo que passou já era! Ele não volta atrás.

Eu costumo dizer que não gosto de lamentar inutilmente ou me arrepender do que tanto desejei e não o fiz…

Prefiro agir no momento certo e realizar  o que está em mente, coisas boas claro, conforme o meu desejo, porque, caso contrário, posso ter perdido uma grande chance, talvez a maior da minha vida, uma oportunidade única que não mais voltará. E um dos piores traumas é lamentar inutilmente e se arrepender do que não se fez por puro medo de ser feliz, por preconceito, barreira pessoal, falta de coragem e de ousar…

Para me referir a essa questão do tempo que não volta mais, costumo citar o poema do escritor Mário Quintana: “O tempo” – sábio na maneira de nos ensinar a viver.

Momentos intensos

Mas 2013 foi um ano de momentos intensos na minha vida. Muitas vezes até esqueci das horas, porque há ocasiões em que elas não importam mesmo ou nem deveriam existir, principalmente quando se vive situações felizes.

Neste ano que passou, aceitei desafios, ousei, entreguei-me ao trabalho, aos sentimentos, aos amores, mas sempre repeitando que o amanhã não me pertence…

2014 e os muitos anos que ainda virão, se Deus quiser,  são para mim como caixas de surpresa. Não acredito em premonições, adivinhações, previsões, feitiçarias, bruxarias que possam mudar o tempo que ainda estar por vir.

Só posso desejar que eles (esses anos) nos reservem coisas boas, oportunidades, realizações, prosperidades, enfim…e que possamos vencer a barreira do preconceito, do medo e da falta de coragem para poder ousarmos e evitarmos de lamentar inutilmente e nos arrepender do que queríamos, desejamos e não o fizemos por nossas fraquezas, pois o tempo, o tempo não volta atrás…

Reflita “O tempo” de Mário Quintana

O tempo

A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.

Quando se vê, já são seis horas!

Quando de vê, já é sexta-feira!

Quando se vê, já é natal…

Quando se vê, já terminou o ano…

Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.

Quando se vê passaram 50 anos! Agora é tarde demais para ser reprovado…

Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio. Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas…

Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo…

E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo. Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.

A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará.. (Mário Quintana)

Postagens relacionadas

6 thoughts on “Feliz Ano Novo e adeus ao tempo que não volta mais…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.