Fernando Fialho está por um triz no governo Roseana

Fernando Fialho está com os dias contados no governo Roseana 

Já é insustentável a permanência do secretário estadual de Desenvolvimento Social, Fernando Fialho, no governo Roseana Sarney. Os últimos episódios do escandaloso caso do convênio de cerca de R$ 5 milhões com a inexistente Associação Vera Macieira foram a gota d´água.

Intempestiva, a governadora Roseana já mandou dizer que não quer ver a cara do secretário nem por decreto e delega a auxiliares qualquer contato que seja com Fernando Fialho, que ficou numa situação dificílima depois que foi convocado a se explicar na Assembleia Legislativa, na próxima semana, com as bênçãos, pasmem, da bancada governista.

Fontes do blog garantem que a permanência de Fialho no cargo não ultrapassará a próxima semana e que a carta de exoneração já estaria sendo providenciada. Afinal, seria desgastante a ida do secretário à Assembleia sem qualquer justificativa para explicar o teor do convênio, que confirma as obras para a Raposa, os endereços inexistentes da Associação Vera Macieira, os serviços de melhoramento de acesso que nunca foram realizados, o próprio parecer técnico do processo que sustenta os argumentos da oposição e o paradeiro do dinheiro.

Sem saída – A ida de Fialho à Assembleia seria mais desgastante ainda para o governo Roseana Sarney. Então a decisão mais sábia para Roseana seria exonerar o secretário, dizer que não sabia de nada e mandar “investigar” o caso para dar um tom de “transparência” ao governo. Não haveria outra saída!

Outra coisa, quem não vem gostando nada dessa exploração em cima da fantasma Associação Vera Macieira é a mãe da governadora, dona Marly. 

Vera Macieira, que nem se envolvia com política e já é falecida, é mãe de dona Marly e, portanto, avó da governadora. Por conta disso, tem sido um constrangimento familiar esse escândalo provocado pelo secretário Fernando Fialho.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.