Holandinha exonera secretária que não fazia nada na SMTT; Carlos Rogério assume "batata quente"

Fabíola Aguiar ainda não tinha dito a que veio
O prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr, exonerou (passou o canetão) na agora ex-secretária municipal de Trânsito e Transportes, Fabíola Aguiar, e já nomeou, nesta segunda-feira (09), para a vaga o engenheiro e ex-secretário de Obras da gestão Tadeu Palácio, Carlos Rogério. O motivo é claro e evidente: a ex-titular nunca disse a que veio e não teve pulso para controlar o complexo sistema de trânsito da capital maranhense.

Apesar da nota oficial da Prefeitura de São Luís de tentar titubear, “divulgando” que Fabíola pediu para sair, sabe-se que, na verdade, os dias da ex-secretária estavam mesmo contados pela inabilidade para administrar uma das pastas mais importantes da administração municipal. Holanda Jr, infelizmente, ainda não conseguiu encontrar um nome certo para a complexa secretaria que tem, aí pela frente, mais um levante de motoristas e cobradores marcado para os próximos dias.

Despreparada para a pasta, Fabíola Aguiar fugiu como pôde de um embate com vereadores na Câmara Municipal por não dominar as questões da pasta. Da Imprensa e de entrevistas, ela corria “sete dias e sete noites”.

Nos bastidores da SMTT (Secretaria Municipal  de Trânsito), Fabíola, ao invés de se preocupar com o complexo sistema de trânsito, passou a perseguir funcionários e promover exonerações. Enquanto isso, os problemas de responsabilidade da SMTT só cresciam em São Luís.

Quanto ao novo secretário, com certeza, é um nome melhor do que o de Fabíola. Já foi secretário de Obras, mas não se sabe se tem realmente habilidade para conduzir o complexo sistema de trânsito de São Luís. Ao que parece, Holandinha troca “seis por meia dúzia”. Vamos aguardar!

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.