Maranhão apresenta 2º melhor saldo de empregos do Nordeste no primeiro semestre de 2019

No primeiro semestre de 2019, foram gerados mais de 5,6 mil contratações no Maranhão

O Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc) divulgou, nesta terça-feira (30), a Nota do Mercado de Trabalho referente ao mês de junho de 2019, a partir de dados do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged).

No que se refere ao resultado do primeiro semestre de 2019, os dados apontam que foram registradas 5,6 mil contratações líquidas no Maranhão. Em relação à distribuição setorial, o setor de Serviços apresentou o maior saldo de contratações no acumulado do ano, principalmente no segmento de Atividades de Apoio à Gestão de Saúde.

“Outros setores que se destacaram, no acumulado dos seis primeiros meses do ano, foram a Indústria de Transformação e Agropecuária. Na Indústria de Transformação, o subsetor Indústria química de produtos farmacêuticos, veterinários e perfumaria sobressaiu-se em relação as demais, devido a atividade de Fabricação de álcool”, analisa o presidente do Imesc, Dionatan Carvalho.

Seguindo a metodologia do SEBRAE, as Micro e Pequenas Empresas (MPE) foram responsáveis pela geração de 8,3 mil empregos formais no Maranhão, no acumulado de janeiro a junho de 2019, uma variação de 82,9% em relação ao mesmo período de 2018, puxada pelo setor de Serviços.

Em São Luís, o setor de Serviços manteve-se como maior gerador de postos de trabalho no primeiro semestre do ano, em virtude da atividade Apoio à Gestão de Saúde. A Construção Civil apresentou abertura de 641 postos de trabalho no mês, no qual a atividade Construção de Rodovias e Ferrovias respondeu por 286 destes.

1 pensou em “Maranhão apresenta 2º melhor saldo de empregos do Nordeste no primeiro semestre de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *