Maranhão tem mais de 150 mil novas famílias beneficiárias do Tarifa Social em 2020

Nesta sexta-feira (22), o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes), reuniu-se com a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) e a Equatorial Cemar para analisar os resultados da campanha de adesão ao Programa Tarifa Social de Energia Elétrica em 2020 e planejar as ações de 2021. 

Apesar da pandemia do novo coronavírus, em 2020, mais de 150 mil famílias aderiram ao programa, totalizando 935 mil beneficiários do desconto da tarifa de energia em todo o Maranhão. Isso significa uma injeção de 25 milhões de reais por mês na economia do estado. 

Um alerta foi feito para uma média de 250 mil famílias que têm direito ao benefício, mas ainda não tiveram acesso ao Programa Tarifa Social porque estão com o cadastro desatualizado.

O Tarifa Social de Energia Elétrica foi criado pelo Governo Federal e consiste na redução da tarifa de energia elétrica para clientes residenciais de baixa renda e povos tradicionais. 

Para o presidente da Famem, Erlânio Xavier, a campanha foi uma experiência exitosa que continuará sendo executada nos próximos meses. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *