“Minha casa é uma embaixada do Maranhão no Rio de Janeiro”, jura Alcione Nazaré

Cantora maranhense participou, em novembro, de movimento contra a redistribuição dos royalties do petróleo também para o Maranhão

Foto/Globo: A “Marrom” foi destaque no Mais Você
A cantora maranhense Alcione Nazaré foi um dos destaques desta segunda-feira (24) no programa “Mais Você”, apresentado por Ana Maria Braga na Rede Globo, onde se apresentou, mais uma vez, como uma autêntica representante do Estado no sul do país. “Minha casa é uma embaixada do Maranhão no Rio de Janeiro”, disse a “Marrom” ao frisar que, na cozinha de um verdadeiro maranhense, não pode faltar a farinha d’ água e nem a pimenta – hora em que exibe os dois produtos para as câmeras.

Durante quadro de culinária, ela aparece em sua residência, no Rio de Janeiro, ao lado da irmã Ivone Nazaré, dando uma receita autêntica do Maranhão, ao preparar uma saborosa torta de camarão, um delicioso mousse de cupuaçu e um maravilhoso pudim de tapioca, anunciados como pratos típicos da terra da “Marrom”.

O quadro, obviamente, sem sombra de dúvidas, foi uma baita promoção para a culinária maranhense. Melhor não poderia ter sido. Mas é de se estranhar que Alcione se apresente como “embaixatriz do Maranhão”,  no programa de Ana Maria Braga, e tenha abraçado, em novembro passado, uma forte campanha contra a redistribuição, entre os estados brasileiros, dos royalties do petróleo, que beneficiaria  o Estado, onde ela nasceu, com parcela significativa de recursos.  

No dia 26 de novembro, Alcione Nazaré participou, de forma veemente, do movimento contra a redistribuição dos royalties realizado no Rio de Janeiro, em frente à Câmara Municipal da cidade carioca, na avenida Rio Branco. Ela defendeu, com bandeira na mão, aquela campanha de que o petróleo só pertence aos estados produtores e que jamais o “ouro negro” poderia ser de todos nós, inclusive do Estado do qual se diz “embaixatriz”.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.