Ministério Público investiga suposta fraude em locação de veículos no Maranhão

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) participa da operação KM Zero, que apura irregularidades em processos licitatórios para aluguel de veículos da prefeitura de Bom Jesus das Selvas. A movimentação financeira do suposto esquema superaria as dezenas de milhões de reais, segundo o MP.

A investigação aponta que empresas participantes das licitações sequer possuíam veículos, nem sedes administrativas que demonstrassem atividades lícitas. Foram quebrados judicialmente os sigilos bancários e fiscais das empresas, sócios e servidores públicos envolvidos nas irregularidades.

A operação busca obter mais provas do esquema fraudulento e bens e valores que possam ser apreendidos e utilizados para reparar os danos causados aos cofres municipais.

O prefeito, vice-prefeito, secretários municipais, presidente da Câmara Municipal, vereadores e servidores públicos municipais teriam recebido dinheiro ilícito em suas contas correntes.

A denúncia partiu do Ministério Público de Contas, que apontou indícios de irregularidades nos contratos da prefeitura de Bom Jesus das Selvas. A operação conta ainda com a Promotoria de Justiça de Buriticupu e a Superintendência Estadual de Combate à Corrupção (Seccor) da Polícia Civil.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *