Neto Evangelista faz “jogada política” com discurso do VLT…

Neto Evangelista, mais inclinado a Luís Fernando Silva, nega namoro com o PCdoB, mas admite que partido conversa com comunistas
Neto Evangelista, mais inclinado a Luís Fernando Silva, nega namoro com o PCdoB, mas admite que partido conversa com comunistas

O deputado estadual Neto Evangelista, um dos maiores defensores de uma aliança do PSDB com o pré-candidato sarneysista, Luís Fernando Silva, “ressuscitou”, repentinamente, na Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (11), o polêmico assunto do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) com críticas diretas ao prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr, aliado do pré-candidato ao governo do Maranhão pelo PCdoB, Flávio Dino, com quem os tucanos mantêm mesa de diálogo para coligação em 2014.

A ofensiva evidenciou aos olhos de observadores políticos atentos uma nítida intenção de “jogada política” que passa pelos interesses da vaga de candidato a vice na chapa comandada pelo PCdoB e pela sucessão municipal de 2016. O jogo, evidenciado na tribuna da Assembleia Legislativa, está ligado, na verdade, a uma estratégia, visando à mesa de negociações principalmente das eleições que se avizinham em 2014, mas já com foco na disputa pela Prefeitura de São Luís daqui a três anos.

Neto Evangelista passou a ideia de que estava tentando provocar a bancada oposicionista a entrar em um embate contra o ex-prefeito de São Luís, João Castelo, líder tucano que passou a ser cortejado pelo PCdoB e outros partidos, inclusive pelo próprio PMDB do grupo Sarney, para uma aliança em 2014.

Oposição não caiu na “jogada”

No entanto, a bancada oposicionista  sentiu a “jogada política” e os verdadeiros interesses que rondam o pronunciamento do tucano e preferiu não entrar na seara de intrigas. Não abandonou, em momento algum, a defesa de Edivaldo Jr, como tenta passar a imprensa sarneysista, mas teve uma postura sábia para não cair no jogo de Neto Evangelista.

Em seu pronunciamento, Neto Evangelista teve apartes da própria deputada Gardênia Castelo, filha do ex-prefeito João Castelo, maior defensor do VLT, de Magno Bacelar (PV) e de outros líderes governistas como Max Barros (PMDB) e Eduardo Braide (PMN), que aproveitaram para “detonar” conforme os interesses palacianos.

Sobre o VLT, houve intenção sim de desenvolver o projeto no governo João Castelo, que adquiriu dois vagões, enviou projeto técnico para o governo federal, mas faltou a parte mais importante que é a captação de recursos. A parte mais difícil, mas que o atual prefeito Edivaldo Jr está  tentando viabilizar, em Brasília, por meio do PAC da Mobilidade Urbana.

Edivaldo Jr nunca recebeu projeto técnico do VLT

O deputado Othelino Neto (PCdoB) disse, após o pronunciamento de Neto Evangelista (PSDB), que o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr, nunca recebeu nenhum projeto técnico relativo ao Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) e que, se ele existe, não foi disponibilizado para a atual gestão.

Segundo Othelino, para viabilizar o projeto do VLT, a Prefeitura de São Luís teria que investir algo em torno de R$ 200 milhões.

Em contato por telefone com o deputado, Edivaldo Holanda Jr disse que está em Brasília, justamente, tentando viabilizar recursos do PAC da Mobilidade Urbana para o projeto do VLT.

Deputado tucano nega “namoro” do PSDB com o PCdoB

Em entrevista a este blog, o deputado Neto Evangelista, que está mais inclinado para um apoio dos tucanos a Luís Fernando, pois tem interesse em disputar a eleição de prefeito na capital em 2016, negou que haja “namoro político” entre o PSDB e o PCdoB,  um dos principais partidos aliados do prefeito Edivaldo Júnior.

“O PSDB não namora o PCdoB”, disse ao responder pergunta da editora deste blog. Segundo ele, o partido está dividido e tem conversado com todos os possíveis candidatos a governador em 2014.

“O PSDB é um partido casado com os seus membros. E seus membros estão em discussão, tanto com o Flávio Dino, quanto com o Luis Fernando, ou seja, não há uma definição de pra onde o partido vai. O partido, hoje, está dividido”, admitiu.

Postagens relacionadas

30 thoughts on “Neto Evangelista faz “jogada política” com discurso do VLT…

  1. Silvia, achei a sua matéria a respeito do assunto abordado muito interessante e de uma certa forma imparcial. Tá na cara q Neto Evangelista puxou esse assunto de VLT, ñ com a intenção de fazer cobranças, mas sim de voltar a mídia levantando uma questão de certa forma polêmica q o envolve, pois ele tbm participou desse projeto, q só Deus sabe se eles iriam levar á frente. Ñ acredito nisso e deixo aqui o meu posionamento. Parabéns!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.