Othelino responsabiliza grupo Sarney pelo caos na Saúde Pública do Maranhão

Deputado do PCdoB disse que superlotação de hospitais em São Luís é fruto da grande demanda do interior do Estado
Deputado do PCdoB disse que superlotação de hospitais em São Luís é fruto da grande demanda do interior do Estado

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) respondeu aos ataques do governista Roberto Costa (PMDB) contra a Prefeitura de São Luís, na sessão desta segunda-feira (16), e disse que a superlotação dos hospitais públicos da capital maranhense é consequência da grande demanda que vem do interior do Maranhão por falta de estrutura nos outros municípios. Ele relatou que vários parlamentares recebem inúmeros pedidos constantes para internações e atendimentos de pessoas que moram em outras regiões do Estado e não encontram lá alternativas de tratamento de saúde.

“Quem e quantos de nós aqui recebem frequentemente pedidos, apelos vindos do interior do Estado, de políticos e de eleitores nossos ou não, solicitações de socorro para que nós consigamos uma vaga em alguma das unidades de saúde aqui de São Luís?”, indagou  Othelino Neto ao afirmar, na tribuna, que o deputado Roberto Costa faz parte de um grupo político que comanda o Estado há quase 50 anos, que é culpado pela pobreza do Maranhão e que agora vem reclamar do Sistema de Saúde Pública de São Luís que tem problemas porque quase nada foi feito nessas cinco décadas.

O deputado do PCdoB disse que é preciso deixar claro que o culpado pelo caos na Saúde do Maranhão é o governo do Estado, comandado pelo grupo Sraney, e não o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr, que assumiu a administração municipal há quase um ano e ainda não teve tempo suficiente para aplicar as mudanças necessárias.

Segundo Othelino Neto, além de não cumprir a promessa de construir e colocar em funcionamento os hospitais no interior do Estado, o governo Roseana Sarney sabota, permanentemente, a Prefeitura de São Luís. O parlamentar acrescentou que, nos hospitais do interior do Estado, se o sujeito adoece e tem uma coisa, que não seja muito simples e necessita de um atendimento mais complexo, é prontamente despachado para a capital maranhense, Teresina ou para outro centro que possa dar oferecer melhor atendimento.

“Como é que este governo do Estado pode reclamar da Prefeitura de São Luís se é pelo fato deste grupo político não ter cuidado da Saúde Pública do Maranhão, nos últimos quase 50 anos, que a capital maranhense está assim com os socorrões superlotados? Quem tiver disposição pode um dia ir ao Socorrão II e olhar nos corredores como boa parte daqueles pacientes vêm do interior do Estado”, disparou Othelino Neto.

Othelino ressaltou que, para piorar a situação, aqueles pacientes que são atendidos em corredores, nem sequer podem ser contabilizados como atendimentos porque o SUS (Sistema Único de Saúde), evidentemente, não admite aquelas internações que não estão em leitos oficiais.

Compromisso de Edivaldo

Ao concluir o pronunciamento, Othelino disse que o Sistema de Saúde de São Luís vai melhorar muito nos próximos anos, porque é compromisso da atual gestão. Disse que o prefeito Edivaldo Jr já está tomando as providências para que, num menor espaço de tempo possível, a população perceba que a mudança, de fato, está acontecendo e que, em pouco tempo, a Saúde estará muito melhor.

O deputado aproveitou para citar algumas medidas já tomadas pela Secretaria de Saúde do Município como as adequações no Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Hospital da Criança, aquisição de novos equipamentos e móveis, mais humanização no atendimento e conforto aos usuários. “As melhorias visam qualificar os serviços da unidade de saúde, que é referência em urgência e emergência no atendimento infantil em todo o Estado”, frisou.

Othelino destacou ainda a qualificação de 45 novos médicos para Atenção Básica à Saúde através de uma especialização em Saúde da Família, promovida pela Universidade Aberta do SUS (Unasus). A adesão ao programa foi uma decisão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior que demonstrou sensibilidade diante da necessidade existente hoje no município.

Postagens relacionadas

3 thoughts on “Othelino responsabiliza grupo Sarney pelo caos na Saúde Pública do Maranhão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.