Pesquisa faltando 17 meses para a eleição pode não ser fidedigna

A pesquisa divulgada recentemente por sites e blogs traz alguns dados que precisam ser levados em consideração

A disputa pela Prefeitura de São Luís ainda está muito longe, 17 meses para ser mais exata. E uma sondagem com tanta antecedência pode não trazer os números reais das intenções de voto da população.

É de conhecimento de todos que muitos eleitores só decidem seus votos dias antes da eleição, a exemplo do que foi a eleição de 2016 na capital, onde o deputado federal Eduardo Braide, que estava em quinto lugar, saltou para segundo dias antes do primeiro turno.

A pesquisa divulgada recentemente por sites e blogs traz alguns dados que precisam ser levados em consideração.

O nome do jornalista Jeisael Marx não consta no questionário, mesmo o apresentador já tendo visitado vários bairros em sua pré-campanha. Outro detalhe importante, nenhum nome do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, foi colocado no questionário. Mesmo que não seja definitivo, uma pesquisa com um postulante do PSL poderia medir como anda o humor do ludovicense com o Governo Federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *