Roseana concretiza vingança e manda Fábio Braga para casa; Carlos Filho "reassume" na Assembleia

Ex-genro da governadora é reconduzido ao parlamento e falta em sua primeira sessão de retorno

Fábio Braga foi “degolado” após deixar o PMDB
Depois de ter trocado o PMDB, partido da base aliada ao governo do Estado, pelo PTdoB, a governadora do Maranhão, Roseana Sarney, mandou o suplente Fábio Braga de volta para casa em resposta ao que o grupo classificou de “traição”. Ela empossou, nesta segunda-feira (21), o administrador Paulo Marinho Júnior no comando da Secretaria de Estado Extraordinária da Juventude (Sejuv) – cargo antes ocupado pelo deputado estadual Carlos Filho, que “reassumiu” na Assembleia Legislativa e já faltou logo na primeira sessão do retorno.

 Procurado pela Imprensa que cobre a Assembleia Legislativa do Maranhão, na ocasião em que  a “degola” eclodiu, Fábio Braga havia dito que não acreditava em nenhum tipo de vingança que viesse da governadora Roseana Sarney (PMDB) por ele ter deixado o PMDB, maior partido da base governista, e se filiado ao PTdoB. O parlamentar disse que trocou de legenda, simplesmente, por uma questão de “sobrevivência eleitoral”.

Fábio Braga, que é suplente, recebeu pela Imprensa a informação de que a governadora estaria providenciando, em sinal de punição ao ex-peemedebista, a volta ao parlamento do titular do mandato, o deputado licenciado Carlos Filho (ex-genro da governadora), que foi exonerado do cargo de secretário estadual da Juventude. 

Crise no PMDB – O diretório estadual do PMDB também prometeu não perdoar quem  tem mandato e deixou a sigla. Fábio Braga é genro do empresário Mauro Fecury (Ceuma) e fez o que a maioria que está na base governista queria fazer e não teve coragem.

O fato de disputar a eleição no PMDB, dentro de um chapão, está tirando o sono dos deputados governistas. Para se eleger nessa formação, o candidato vai precisar de uma imensidão de votos, devido à concorrência, além da quantidade de dinheiro bem elevada para gastar na campanha.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.