São Luís terá o Banco da Cidade

Iniciativa inédita promete ampliar acesso às linhas de crédito
A Prefeitura de São Luís vai contribuir definitivamente para fomentar o empreendedorismo e a geração de renda da capital através do Banco da Cidade, iniciativa inédita lançada na manhã de sexta-feira (25), no auditório Reis Perdigão do Palácio La Ravardière, como parte integrante do Programa Avança São Luís. O autor do projeto é o vereador Roberto Rocha Jr.

Na cerimônia, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, acompanhado do vice Roberto Rocha, assinou acordo de cooperação técnica entre o Município e o Banco do Nordeste com o investimento de mais R$ 150 milhões a serem injetados na ampliação de microempreendimentos na capital.

Ao se pronunciar, o prefeito Edivaldo enfatizou a importância do Banco da Cidade para estimular a independência financeira dos pequenos empreendedores com a geração de renda. “Conseguimos realizar essa grande parceria em apenas dez meses de gestão, mais um compromisso pensado durante nossa campanha que estamos honrando”, afirmou.

O vereador autor do projeto, Roberto Rocha Júnior (PSB), destacou ainda que o acesso às linhas de crédito deverá diminuir a pobreza na capital. “Foram vários meses de trabalho buscando a melhor forma possível pra ser executado esse projeto. Acredito que ele vai trazer muitos bons frutos para a população de São Luís. Com isso, poderemos reduzir consideravelmente a faixa de pobreza na cidade que hoje conta com mais de 100 mil pessoas”, enfatizou.

Banco da Cidade – O Banco da Cidade ampliará o acesso de pequenos empreendedores às linhas de crédito, que poderão ser de R$ 100 a R$ 15 mil por pessoa. O superintendente estadual do Banco do Nordeste, Helton Chagas Mendes, explica que poderão se cadastrar para as linhas de créditos microempreendedores formais ou informais. Até quem possui pequenos negócios estruturados podem ter acesso aos recursos para capital de giro e investimento. Com uma taxa de juros anual em torno de 0,5%m, os primeiros empréstimos devem acontecer em grupos de ao menos três pessoas.

Em São Luís, o BNB poderá ampliar ainda mais o capital das duas linhas de crédito de fomento existentes: Crediamigo e Agroamigo. Os dois programas funcionam desde 1998 com taxa de inadimplência abaixo de 1%. Segundo o superintendente Helton Mendes, em 2014 as duas linhas de créditos devem movimentar mais de R$ 150 milhões em São Luís, sendo a maior fatia destinada para o Crediamigo.

Postagens relacionadas

3 thoughts on “São Luís terá o Banco da Cidade

  1. GENTE, dia 21/01 ás 20h Terá uma palestra de sobre COMO ORGANIZAR SUA VIDA FINANCEIRA EM 2016 –> GRATUITA
    GARANTA SUA VAGA NO LINK MMI -> http://unbouncepages.com/mmi-webinar-21-1/?ref=U3799373F

    Pessoas do mundo inteiro já experimentaram mudanças REAIS em suas vidas financeiras depois do MILLIONAIRE MIND INTENSIVE, EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO.
    VEJA O LINK, SE INSCREVA GRATUITAMENTE NA PALESTRA E COMPROVE VOCÊ MESMO SE É REAL OU NÃO.

    http://www.mmibr.com.br/?ref=E3818845C

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.