"Sarney faz pouco caso de São Luís", diz deputado

Othelino criticou artigo de Sarney
O deputado estadual Othelino Neto (PPS/MD) criticou, em pronunciamento na tribuna, nesta segunda-feira (03), artigo escrito pelo senador José Sarney sobre “buracos em São Luís do Maranhão”. Segundo o parlamentar, o peemedebista, ao invés de estender a mão para ajudar a sanar os problemas da capital maranhens

e, faz pouco caso da cidade e usa o espaço, no jornal O Estado do Maranhão, para destratar o prefeito Edivaldo Holanda Júnior apenas por ser ele seu adversário.


O parlamentar convidou o peemedebista e articulista para visitar a própria terra natal, Pinheiro, e pegar o trecho Cujupe/Pinheiro, que está repleto de buracos por falta de ação do governo Roseana Sarney. “Aí ele vai ver buraco, quando chegar a Pinheiro e se deparar com uma cidade que virou um buraco só, que não tem saneamento ambiental, com um povo assustado pelo grau de abandono de um município que chega a feriar no dia do aniversário do senador Sarney”, comentou Othelino.


Segundo o deputado oposicionista, José Sarney deveria  usar “o grande poder” que tem na República para ajudar o Maranhão e, em particular, São Luís. Para o parlamentar, não é porque o prefeito não é aliado político que os ludovicenses têm que ser punidos por isso em Brasília, assim como aconteceu com o ex-prefeito João Castelo.


“Quando o prefeito vai buscar um recurso federal tem que ir escondido, porque se divulgar antes e cair na imprensa, um emissário do grupo Sarney vai lá para não deixar que nada venha para a cidade, porque São Luís é administrada pela oposição. Ou seja, o senador Sarney, com todo o prestígio que tem na República, deveria ser um coringa para os políticos maranhenses, mas isso não acontece”, frisou Othelino.


Desejo de mudança – Othelino destacou que, apesar das investidas de Sarney, o povo de São Luís mostra que continua rebelde e, no Maranhão todo, “o desejo de mudança é muito mais forte do que os milhões que já usaram e que vão continuar usando para comprar as consciências dos maranhenses”.


“É hora de o senador Sarney juntar alguns aliados e começar a andar de novo pelo Maranhão para ir ver o que o grupo dele está fazendo com esse Estado. E que comece essa viagem, indo primeiro pelo ferry (onde os serviços são precários), depois por terra, lá para a sua cidade natal, Pinheiro, para ver onde é que estão os buracos e como está maltratada a sua terra de origem”, finalizou.

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.