Secretários de Flávio Dino tentam viabilizar candidaturas para 2022

Ao que tudo indica, a eleição de 2022 será uma das mais disputadas, principalmente para os mandatos de deputado federal e estadual.

Muitos nomes novos e alguns tradicionais da política se articulam em busca de apoios, principalmente alguns secretários de Estado do governo Flávio Dino. Diante das movimentações nos bastidores e por possíveis especulações exibidas pelas redes sociais, o blog fez um levantamento de alguns que já declararam o interesse em concorrer ao pleito em 2022.

Além dos secretários que pretendem disputar mandato parlamentar, o de Cidades, deputado federal Márcio Jerry, é cotado para disputar a majoritária, como candidato a vice-governador em uma chapa apoiada pelo governador Flávio Dino.

Jefferson Portela: O secretário de Segurança anunciou à imprensa, na quinta-feira (18), que pretende disputar uma das 18 vagas na Câmara Federal em 2022. Ele confirmou que vai se aposentar em novembro deste ano e “partir para uma jornada na luta pela segurança pública na Câmara Federal”.

Felipe Camarão: O titular da Seduc (Educação) já não esconde de ninguém o interesse em disputar um mandato eletivo em 2022. Aliado fiel do governador Flávio Dino, ele também já foi titular da Cultura e da Secretaria de Gestão e Previdência no Governo Dino. É um dos fortes nomes na disputa a deputado federal.

Márcio Honaiser: O atual secretário de Desenvolvimento Social também já se prepara para a disputa de uma vaga para deputado federal.

Simplício Araújo: Aliado de primeira hora do governador Flávio Dino desde a eleição de 2014, o secretário de Indústria e Comércio tem apresentado bom desempenho na condução dos trabalhos, principalmente no período da pandemia e no tocante a empreendimentos que se viabilizaram no Estado na gestão dele.
Simplício chegou a assumir o mandato de deputado federal de 2011 a 2015 e recentemente assumiu a suplência.

A disputa rumo à Assembleia Legislativa do Maranhão também promete ser acirrada entre outros nomes do secretariado estadual. Dentre os nomes tidos como certos nesta corrida, destaca-se o do secretário estadual de Esporte e ex-deputado, Rogério Cafeteira; do secretário de Agricultura Familiar, Rodrigo Lago; e do secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Até as eleições, muitos outros nomes devem entrar na disputa, uns originários da Câmara Municipal de São Luís, outros como aliados dos prefeitos. É aguardar para conferir!

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *