Famem e CGU irão promover cursos regionais de qualificação

Na reunião Eric Costa esteve acompanhado do coordenador jurídico da entidade, Guilherme Mendonça, e do diretor da Escola de Gestão Municipal, Marcelo Freitas

O presidente da Famem, Eric Costa, esteve reunido na manhã desta quinta-feira (31), com a superintendente da Controladoria Geral da União, Leylane da Silva, para tratar sobre uma agenda  conjunta de qualificação para agentes públicos com foco naqueles que atuam em processos de licitação.  Na reunião Eric Costa esteve acompanhado do coordenador jurídico da entidade, Guilherme Mendonça, e do diretor da Escola de Gestão Municipal, Marcelo Freitas.

Durante o encontro ficou combinado que a federação e o órgão da rede de controle promoverão seis encontros regionais com propósito de qualificar gestores.  O primeiro da série de encontros deve acontecer ainda este ano na cidade de Imperatriz. A qualificação visa o preenchimento de quadros suficientes para aplicação correta da legislação que torna obrigatório o uso do pregão eletrônico por prefeituras e câmaras..

“O trabalho de qualificação que a Famem está desenvolvendo é muito importante tanto para os prefeitos quanto para os presidentes de Câmaras municipais. Por exemplo, pelo menos 95% dos presidentes de câmaras enfrentam problemas com prestação de contas. Não entendo que estes índices sejam de gestores de má fé”, comentou Eric Costa.

A superintendente Leilane da Silva ressaltou por desconhecimento das funções por parte dos gestores. Ele sugeriu ao presidente da Famem o estabelecimento de parceria entre Prefeitura e Câmara para incentivar a adesão dos registros de ata.  No entendimento da superintendente do CGU isso poderia ajudar no processo. “É sempre interessante o gestor procurar a controladoria para tirar dúvidas. Tem coisas que um ajuste judicial pode ajudar nesse processo”, destacou.

O presidente da Famem pontuou dificuldades enfrentadas pelos gestores. Eric Costa avaliou os custos para Prefeituras e Câmaras na manutenção de quadros qualificados, seja pregoeiro do setor de licitação ou pessoal da contabilidade.   “Os orçamentos não permitem a contratação de quadros com qualificação elevada. Observamos que falta formação, mas estamos dando passos firmes neste sentido”, assinalou o prefeito de Barra do Corda.

IFMA abre 6.640 vagas para cursos técnicos de nível médio

As 6.640 vagas estarão disponíveis nas 29 unidades do IFMA que estão distribuídos em 27 municípios maranhenses

O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) está ofertando 6.640 vagas que serão destinadas aos cursos técnicos de nível médio. As vagas serão ofertadas para ingresso nas modalidades Integrada, Concomitante e Subsequente. O prazo para solicitação de isenção será de 20 de agosto a 3 de setembro. Já as inscrições regulares ocorrem de 5 de setembro até 5 de outubro. As provas serão realizadas no dia 2 de dezembro.

Para concorrer as vagas da modalidade Integrada o estudante precisa está concluindo no ano de 2018 a oitava ou nona série do Ensino Fundamental. Os estudantes que estão cursando neste ano a primeira ou segunda série do Ensino Médio podem concorrer as vagas que estão destinadas a modalidade Concomitante e os candidatos que já concluíram ou estão concluindo em 2018 o Ensino Médio podem concorrer as vagas da modalidade Subsequente.

Em cada curso, 50% das vagas serão destinadas aos candidatos de escola pública. Dessas vagas, metade serão reservadas aos candidatos com renda familiar bruta igual ou inferior a um salário mínimo e meio per capita e a outra metade será reservada aos candidatos com renda familiar bruta superior a um salário mínimo e meio per capita.

As 6.640 vagas estarão disponíveis nas 29 unidades do IFMA que estão distribuídos em 27 municípios maranhenses.

Com aplicação agendada para o dia 02 de dezembro, a prova terá duração de quatro horas e constará de 40 questões de múltipla escolha, sendo 20 de Língua Portuguesa e 20 de Matemática. Cada questão apresentará cinco alternativas, com uma única opção correta. Os programas para estudo constam no edital. O resultado tem previsão de divulgação em 09 de janeiro de 2019, no portal do IFMA.