Grupo Gonçalo com o pé no Republicanos

Após anunciar a saída do Avante, o grupo Gonçalo foi convidado para se filiar ao Republicanos.

O grupo Gonçalo, liderado pelo prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, esteve reunido com o vice-governador, Carlos Brandão, e o deputado federal, Cleber Verde, ambos do Republicanos, ex-PRB.

Estiveram presentes a prefeita de Bacabeira, Fernanda Gonçalo; o deputado estadual Ariston e o suplente de deputado federal, Dr Elizabeth Gonçalo. Ocasião que também representaram a prefeita de Pastos Bons, Iriane Gonçalo.

Eles discutiram o cenário político maranhense e, na oportunidade, também foi anunciado que o suplente de deputado federal, Dr. Elizabeth Gonçalo, vai assumir o mandato nos próximos meses, com a saída de Cleber Verde.

Após anunciar a saída do Avante, o grupo foi convidado para se filiar ao Republicanos.

Hilton Gonçalo perde controle do Avante

Fernanda Gonçalo, prefeita de Bacabeira; Hilton Gonçalo, prefeito de Santa Rita e Iriane Gonçalo, prefeita de Pastos Bons

O prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, perdeu o controle regional do Avante e anunciou sua saída do partido. Além dele, Fernanda Gonçalo, prefeita de Bacabeira, Iriane Gonçalo, prefeita de Pastos Bons, o deputado estadual Ariston e o suplente de deputado federal Elizabeth Gonçalo também comunicaram a desfiliação do partido.

Considerado um dos grupos políticos mais fortes e atuantes no Maranhão, os Gonçalos, deixam a legenda para que possam definir a estratégia política visando as eleições de 2020 e 2022.

Além de disputar a reeleição em Santa Rita, Hilton Gonçalo também tem se preparado para outras disputas, dentre elas, a reeleição de Fernanda Gonçalo em Bacabeira, a disputa em Pastos Bons, Milagres, Axixá, Sucupira do Norte, Palmeirândia, Nova Iorque, Nova Colinas, Rosário e São Luís.

Mesmo com todo esse capital político, Hilton Gonçalo viu o Avante ser disputado por outros deputados federais com mandatos. A perda, sobretudo, foi pela não eleição de seu irmão, Elizabeth Gonçalo, para a Câmara dos Deputados. Informações dão conta que os deputados federais Josimar de Maranhãozinho e Júnior Lourenço irão comandar a legenda no Maranhão.

Ariston Ribeiro e Zito Rolim na expectativa de assumir uma vaga na Alema

Ambos os políticos foram bem votados e aguardam o anúncio de novos deputados para cargos no Governo do Estado para assumir uma vaga na Alema

A reforma administrativa iniciada pelo governador Flávio Dino (PCdoB), tem colocado muitos políticos maranhenses na expectativa de assumir uma vaga na Assembleia Legislativa do Maranhão. É o caso dos suplentes de deputado estadual Ariston Ribeiro (Avante) e Zito Rolim (PDT).

Com o retorno do deputado estadual Edivaldo Holanda, que assume pela indicação de Marcelo Tavares para a Casa Civil do Governo do Estado. Os próximos da fila são Ariston e Zito.

Ariston é vice-prefeito de Santa Rita e irmão do presidente do Avante, Hilton Gonçalo. Já Zito Rolim foi prefeito de Codó por duas vezes.

Ambos os políticos foram bem votados e aguardam o anúncio de novos deputados para cargos no Governo do Estado para assumir uma vaga na Alema.

Avante realiza convenção e oficializa apoio a Flávio Dino

O Avante foi o 16º partido a declarar apoio ao governador Flávio Dino

O Avante realizou convenção, no domingo (05), e apresentou seus candidatos para as coligações proporcionais, além do apoio na majoritária. A convenção foi realizada no Hotel Abbeville, no bairro do São Francisco, em São Luís.

O partido presidido pelo prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, também formalizou o apoio à reeleição do governador Flávio Dino (PCdoB).

Apenas dois nomes da legenda foram homologados para as disputas proporcionais. Ariston Ribeiro, vice-prefeito de Santa Rita vai concorrer a uma vaga para a Assembleia Legislativa.

Para a Câmara dos Deputados, o partido indicou Antônio Elizabeth Gonçalo, conhecido como Dr. Gonçalo, ex-prefeito de Pastos Bons.

O Avante foi o 16º partido a declarar apoio ao governador Flávio Dino.

Avante é o 16º partido a declarar apoio ao governador Flávio Dino

O Avante junta-se ao PCdoB, PRB, PDT, PPS, PT, DEM, PR, PP, PTB, PSB, PTC, PROS, PPL, Patriotas e Solidariedade

O Avante, presidido no Estado pelo prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, é o 16º partido a declarar apoio ao governador Flávio Dino (PCdoB).

A declaração de apoio foi dada no domingo (29). O Avante junta-se ao PCdoB, PRB, PDT, PPS, PT, DEM, PR, PP, PTB, PSB, PTC, PROS, PPL, Patriotas e Solidariedade

O Avante (antigo PTdoB) foi sondado por outros pré-candidatos ao Governo do Estado, mas a aproximação do presidente com o vice-governador Carlos Brandão (PRB) e outras figuras do PCdoB, fizeram o partido declarar apoio ao governador Flávio Dino.

Liminar protela processo que pode cassar mandato da prefeita de Bacabeira

O prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo (PCdoB), e sua esposa, Fernanda Rêgo Gonçalo (PMN), atual prefeita de Bacabeira, conseguiram, na Justiça, liminar que protela processo contra a mesma que a acusa de abuso de poder político e econômico nas eleições passadas. Eles conseguiram suspender a audiência que aconteceria na última quarta-feira (26).

A  liminar, que protelou o processo de cassação, foi deferida pelo juiz Sebastião Joaquim Lima Bonfim, plantonista do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), poucas horas antes da audiência, marcada para acontecer às 9hs de quarta-feira (26).

Prevendo o resultado negativo e a perda do mandato da esposa em Bacabeira, já que as provas de abuso de poder econômico são cabais, Hilton Gonçalo segue usando de artifícios na Justiça para adiar, por mais tempo possível, o andamento do processo.

Segundo informações de bastidores, a manobra visaria às eleições de 2018 e tem por objetivo usar as três prefeituras para fortalecer o grupo politicamente. Além de Santa Rita e de Bacabeira, Gonçalo também manda e desmanda na Prefeitura de Pastos Bons, onde a irmã, Iriane Gonçalo (SD), é prefeita.

Após decisão do PDT, Hilton Gonçalo já pensa em deixar partido

Pedetista disse que sigla não cumpriu acordo de lançar candidato próprio em caso de não indicar vice-governador na chapa de Flávio Dino

Ex-prefeito de Santa Rita disse que não se envolverá na campanha para governador

Ex-prefeito de Santa Rita disse que não se envolverá na campanha para governador

O ex-prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo (PDT), pretenso candidato ao governo do Maranhão, disse que ainda aguarda a convenção estadual do seu partido para que seja anunciado o rumo oficial da legenda nesta eleição. No entanto,  fez questão de lembrar do acordo celebrado com a sigla. “O partido me prometeu a legenda, caso não indicasse a vaga de vice-governador, mas isto não ocorreu. O acordo não foi cumprido”, afirmou.

Na semana passada, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, informou, formalmente, apoio do partido à candidatura do ex-presidente da Empresa Brasileira de Turismo (Embratu), Flávio Dino. Isso significa que a sigla não lançará candidato próprio ao governo para as eleições de outubro, o que irá ser confirmado na convenção.

Sobre seu futuro no PDT, Hilton Gonçalo anuncia que passará por um momento de reflexão e, logo após as eleições, deve definir seu futuro político. Em 2013, o ex-prefeito de Santa Rita recebeu convites de diversos partidos para se filiar, entre eles: PV, PP, PR, PRP, PSDC, PPL e outros.

O médico disse que não pretende se envolver na disputa para governador e senador do Maranhão, mas apoiará diversos candidatos a deputado estadual e federal.

Fora da majoritária

Hilton lembrou que o PDT foi protagonista nas últimas três eleições para governador e, após 12 anos, ficará de fora da disputa majoritária sem indicar sequer o candidato a vice-governador, como foi prometido pelo grupo oposicionista ainda em 2012.

“O PDT está perdendo espaço na política maranhense. Perdemos a Prefeitura de São Luís e agora não teremos mais nem representatividade majoritária. Lamento profundamente que o legado e a memória de Jackson Lago não estejam sendo respeitados”, declarou.

Hilton ainda falou sobre a preocupação ser maior com os interesses pessoais dentro do seu partido. “Percebo que preferem priorizar as eleições dos seus deputados à eleição majoritária”, completou.

Lupi demonstra interesse por candidatura própria do PDT no Maranhão

Presidente nacional do PDT, Carlos Lupi

Presidente nacional do PDT, Carlos Lupi

Cresce a possibilidade do PDT ter uma candidatura própria ao governo no Maranhão. O presidente do diretório nacional do partido, Carlos Lupi, revelou que, nos próximos dias, estará se reunido com o ex-prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo (PDT), para discutir a viabilidade de sua pré-candidatura. De acordo com o dirigente nacional, ele recebeu com muita insatisfação a decisão de Flávio Dino (PCdoB) e ainda está avaliando o caminho que irá tomar no Estado.

Lupi disse que conhece muito bem o ex-prefeito de Santa Rita, inclusive chegou a fazer visitas ao município, durante a administração do médico. “O Hilton é um grande companheiro, conheço a sua capacidade administrativa. Foi muito bem avaliado enquanto prefeito. É um excelente quadro do PDT e existe, sim, a possibilidade de ele ser o nosso candidato a governador”, declarou.

Hilton Gonçalo disse que já estava preparando uma nova viagem a Brasília para conversar com Carlos Lupi, mas preferiu não informar a data, pois antes está realizando rodadas de reuniões com dirigentes partidários locais.

Segundo Chico Leitoa, Carlos Lupi quer candidatura própria do PDT no Maranhão

Chico Leitoa com Hilton Gonçalo

Chico Leitoa com Hilton Gonçalo

O vice-presidente do PDT no Maranhão, o ex-deputado estadual Chico Leitoa, revelou, através de um artigo divulgado à Imprensa, que o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, defende com veemência o lançamento de uma pré-candidatura própria ao governo do Estado, no caso a do ex-prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo (PDT).

“O presidente nacional do PDT reagiu e reage de forma veemente à não participação do partido na chapa majoritária. Por ele […], o PDT partiria com candidatura própria no primeiro turno, até porque o partido tem um pretendente (Hilton Gonçalo) com potencial ou, na última das hipóteses, tomaria outro caminho”, revelou.

A declaração de Chico Leitoa evidencia o sentimento da Executiva Nacional que busca fortalecer o partido no Maranhão. Hilton Gonçalo, que tem colocado seu nome para a disputa de governador, apresenta a tese de que o partido pode perder sua representatividade no Estado, caso acabe coligando no chapão oposicionista.

O presidente Carlos Lupi parece ter concordado com a analise do ex-prefeito de Santa Rita, tanto que tomou para si a responsabilidade de definir o futuro da sigla no Maranhão. Uma reunião que estava prevista para esta segunda-feira (26), em Brasília, foi cancelada e não há previsão de uma nova rodada de negociações.

Dessa forma, Hilton Gonçalo segue a passos largos para garantir sua pré-candidatura ao governo, que já conta com apoio de prefeitos e vereadores de várias regiões do Estado.