Sete cidades da Região Metropolitana já utilizam Aterro de Titara para despejo de resíduos sólidos

O aterro recebe, atualmente, os descartes de sete municípios: Rosário, São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Raposa, Axixá e Morros

Localizado a 60 quilômetros de São Luís, no município de Rosário, o Aterro Sanitário de Titara é, hoje, uma solução para um problema histórico de toda a Região Metropolitana da Grande São Luís: o descarte de resíduos sólidos. Com uma área total de 190 hectares, tem capacidade total de recebimento de 25.788.635,00 m³ e vida útil estimada em 60 anos.

O aterro recebe, atualmente, os descartes de sete municípios: Rosário, São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Raposa, Axixá e Morros. Icatu, Bacabeira, Santa Rita, Presidente Juscelino e Cachoeira Grande, que também fazem parte da Região Metropolitana da Grande São Luís, estão finalizando alguns trâmites, para que também façam uso do Aterro para o descarte de resíduos sólidos. Alcântara é uma situação à parte, por conta de sua localização. Para esta cidade está sendo elaborado um plano específico.

O Titara tem capacidade para receber diariamente 2.200 toneladas. Mas tem recebido em média apenas 1.200 toneladas por dia atendendo, portanto, algo em torno de 1.500.000 de habitantes. O Titara tem capacidade para atender toda a Região Metropolitana de São Luís tranquilamente, por mais de 60 anos.

O Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PGIRS) é um projeto do Governo do Estado, promovido por meio da AGEM. Tem como objetivo nortear o processo de planejamento aplicado à gestão de resíduos sólidos, que inclui os 13 municípios que integram a Região Metropolitana da Grande São Luís e tem previsão de entrega no dia 28 de maio.

Marinha chama atenção para alta da maré no final de semana

Segundo a Marinha, a previsão é que a maré na preamar só comece a cair na segunda-feira (25)

A Marinha do Brasil prevê mais dias de maré alta na região metropolitana de São Luís. Até domingo (24), a preamar (ponto mais alto da maré) deve superar os 6 metros. Nos últimos dias a alta da maré inundou o estacionamento da Praia Grande, no Centro Histórico de São Luís e a orla da cidade de Raposa.

O fenômeno acontece em virtude da superlua que é quando a lua e o sol estão alinhados no mesmo plano exercendo uma força gravitacional maior, que provoca a super maré, também conhecida como maré de sizígia.

A maré de sizígia ocorre várias vezes no ano e ele se intensifica quando há o fenômeno da superlua.

Na noite quinta-feira (21), a maré chegou a 6.3 metros e causou estragos na ilha. O bairro da Ilhinha também teve mais uma noite de ruas alagadas.

Segundo a Marinha, a previsão é que a maré na preamar só comece a cair na segunda-feira (25). O que faz pescadores e moradores das localidades próximas à praia ligarem o sinal de alerta.

Água do mar inunda estacionamento da Praia Grande e chama atenção de populares

A água do mar teria subido pelas galerias fluviais e inundado parte do estacionamento da Praia Grande.

A água do mar invadiu, na noite de quarta-feira (21), o estacionamento da Praia Grande, no Centro Histórico de São Luís e chamou bastante atenção da população.

O fenômeno aconteceu em virtude da superlua que é quando a lua e o sol estão alinhados no mesmo plano exercendo uma força gravitacional maior, que provoca a super maré, também conhecida como maré de sizígia.

A água do mar teria subido pelas galerias fluviais e inundado parte do estacionamento da Praia Grande.

A maré também invadiu praças e ruas da cidade de Raposa, na região metropolitana de São Luís. O município é um dos mais afetados quando ocorre a maré de sizígia.

A maré de sizígia ocorre várias vezes no ano e ele se intensifica quando há o fenômeno da superlua.

Em campanha, Flávio Dino visita nove cidades nos próximos dias

Ao lado do vice-governador Carlos Brandão e dos candidatos ao Senado Federal, Weverton Rocha e Eliziane Gama, ele vai percorrer mais oito cidades nos próximos três dias

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), vai dar o pontapé inicial em sua campanha à reeleição na Raposa, nesta quinta-feira (16). Ao lado do vice-governador Carlos Brandão e dos candidatos ao Senado Federal, Weverton Rocha e Eliziane Gama, ele vai percorrer mais oito cidades nos próximos três dias.

Levando a mensagem que a mudança não pode parar, a coligação “Todos Pelos Maranhão” vai pousar em Imperatriz, nesta sexta-feira (17), e promete agitar o segundo maior colégio eleitoral do Estado. No mesmo dia, Flávio fará uma reunião em João Lisboa.

O sábado (18) também será agitado. A caravana da mudança vai passar pelas cidades de Santa Luzia, Pindaré-Mirim, Santa Inês, Igarapé do Meio e vai encerrar com um comício no município de Monção.

A agenda vai ser encerrada no domingo (19) com uma grande carreata na cidade de Bacabal.

Flávio Dino dará pontapé inicial em sua campanha na cidade de Raposa

O ato vai acontecer no dia 16, primeiro dia de campanha liberado pelo Tribunal Superior Eleitoral

O pontapé inicial da campanha para reeleição do governador Flávio Dino (PCdoB) vai ser dado na cidade de Raposa, região metropolitana de São Luís. O ato vai acontecer no dia 16, primeiro dia de campanha liberado pelo Tribunal Superior Eleitoral.

A cidade é administrada pela prefeita Talita Laci, também filiada ao PCdoB. O evento vai contar com a organização, além de Talita, do seu pai, o ex-prefeito José Laci e do presidente da Câmara de Vereadores, Beka Rodrigues.

O evento promete movimentar a pequena cidade pesqueira e reunir os candidatos ao Senado Federal Weverton Rocha (PDT), Eliziane Gama (PPS) e o candidato a vice-governador Carlos Brandão (PRB), além dos candidatos a deputados estaduais e federais da coligação “Todos Pelo Maranhão” que reúne 16 legendas.

TJ-MA promove mais uma edição do Balcão de Renegociação de Dívidas

Mais de 25 bancos, empresas, instituições públicas, concessionárias de serviços públicos, instituições de ensino particular, já confirmaram presença no evento; além de 450 empresas acessíveis por plataforma digital

O Núcleo de Solução de Conflitos do Tribunal de Justiça do Maranhão (Nupemec/TJ-MA) promove, no período de 23 a 27 de julho, no Shopping Rio Anil, a 5ª edição do “Balcão de Renegociação de Dívidas”, em São Luís.

A iniciativa – voltada para os moradores de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa, além de visitantes de todo o Brasil – visa possibilitar o encontro de consumidores em situação de inadimplência com entidades credoras com vistas a facilitar o diálogo entre as partes na tentativa de uma renegociação de dívidas, de um acordo.

Mais de 25 bancos, empresas, instituições públicas, concessionárias de serviços públicos, instituições de ensino particular, já confirmaram presença no evento; além de 450 empresas acessíveis por plataforma digital. Mais de 100 profissionais estarão envolvidos no evento, em stands para recebimento do público.

Leia mais: Esquadrilha da Fumaça volta a São Luís após seis anos

O projeto é idealizado pelo Núcleo de Conciliação do TJ-MA, presidido pelo desembargador José Luiz Almeida e coordenado pelo juiz Alexandre Abreu.

Além da renegociação de dívidas, outros serviços serão oferecidos no local, tais como: atendimento de solicitações (alterações cadastrais, ativação de contas); informações sobre direitos dos cidadãos, consultoria financeira; oferta para contratos habitacionais; reclamações (problemas de cobertura, contestações de contas); cadastro de clientes na tarifa social de energia de baixa renda; recebimento (de IPVA, ICMS, ISS e IPTU); agendamento de audiências de conciliação nas áreas de relações de consumo, família (inclusive para coleta de DNA e confirmação de paternidade), vizinhança; encaminhamento de acordo para homologação judicial, entre outros.

Podem participar do Balcão clientes que possuem processos em andamento na Justiça contra as empresas participantes, assim como aqueles que ainda não têm ação judicial e desejem resolver a questão por meio do diálogo.

Os clientes interessados em participar do Balcão podem ligar para o 0800 707 1581 (Telejudiciário) ou para a Coordenação de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (98) 3198.4558, para mais informações.

Apreendidos 300 quilos de maconha na Raposa…

Quatro pessoas foram presas no município de Raposa, na região Metropolitana de São Luís, suspeitas de tráfico de drogas. Foram apreendidos 300 quilos de maconha em uma operação  comandada por policiais civis da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc).

Os detalhes da operação foram apresentados na manhã desta sexta-feira (16) em uma coletiva de imprensa na sede da Senarc, no Bairro de Fátima, em São Luís.

Este ano, uma série de grandes apreensões foram realizadas pela Senarc em São Luís. Entre as quais, os mais de 1.200 kg de maconha encontradas pelos policiais em abril. A carga vinha de Goiás e era avaliada em R$ 2 milhões. Ainda em abril, outra apreensão de 580 kg da mesma droga com cinco homens que estavam armas de grosso calibre.

Antes dessas duas, teve uma ação em Peritoró, distante 205 km de São Luís. Nesta, a polícia encontrou 120 kg de maconha em uma caixa de papelão em um ônibus de turismo, que vinha de Goiás.

Na Raposa, Flávio Dino conversa diretamente com a população solução para o município

Marrapá

Diálogos por Raposa

Diálogos por Raposa

Durante toda a campanha eleitoral em 2014, o governador Flávio Dino prometeu que caso eleito não se omitira diante dos problemas e faria um mandato ao lado da população, ouvindo e debatendo para construção de um governo social e justo.

Com um ano e quatro meses de gestão, entre erros e acertos, de uma coisa Flávio Dino não pode ser acusado: ignorar a população. A cada dia surgem exemplos e vídeos que comprovam que a promessa do governador foi cumprida. Dino a cada evento vai ao meio do povo, ouve, sugere, promete e, se não for possível, explica.

Um exemplo aconteceu hoje à noite no município da Raposa, durante um evento promovido pelo PCdoB, “Diálogos pela Raposa”. Um grupo de moradores do município foi protestar contra o prefeito Clodomir Oliveira, por conta das buraqueiras em um bairro. A população reclamava que há muito tempo pedia a Prefeitura uma solução para os buracos na Vila Laci, Rua João Bregança e João Bregança 2, mas não era escutada pela administração.

Quando estava saindo do evento o governador parou para conversar com a população, explicou que os problemas do município podem ser resolvidos pelo Governo, mas que é preciso o prefeito repassar essa situação para administração do Estado. Explicou que tem ajudado os municípios ao máximo e pediu para que eles façam um abaixo assinado cobrando uma solução para os bairros, que dessa forma o Governo iria ajudar os moradores. “Eu faço pra vocês, eu assumo meu compromisso com vocês”, prometeu o governador.

Essa postura foi destacada pelos manifestantes. “Vamos filmar, porque quando o senhor fizer o serviço nos vamos mostrar quem realmente nos ajudou”, disse um morador.

Com simplicidade, respeito e humildade Flávio Dino vai comandando o seu governo.

Diálogos pela Raposa

“Diálogos pela Raposa” ocorreu na noite deste sábado, na quadra do SESC, no Bairro Inhaúma, e contou com a participação dos secretários Márcio Jardim, Márcio Jerry, do ex-deputado Federal Domingos Dutra, além do governador Flávio Dino.

O evento é inspirado na iniciativa pioneira da oposição ao clã Sarney, que em 2013 passou por todas as regiões do Estado com “Diálogos pelo Maranhão”. Esse debate com a população ajudou na formação do atual plano de governo do Estado.

A pré-candidata a prefeita pretende visitar todos os bairros da Raposa, para conhecer as principais demandas da população e assim traçar um plano de enfrentamento. “É um movimento em favor da nossa cidade, para que ela saia desse marasmo. É importante que a gente fale, mas é importante que a gente ouça”, definiu Talita.

Em 2015, governo do Maranhão investiu R$ 173 milhões no “Mais Asfalto” e R$ 835 milhões em rodovias

Ações 2015: Governo investe na ampliação da infraestrutura do Estado e em parcerias com as Prefeituras em prol dos maranhenses

Governo investiu na ampliação da infraestrutura do Estado e em parcerias com as Prefeituras em prol dos maranhenses

Em 2015, o governador Flávio Dino investiu fortemente na infraestrutura do Maranhão. Recuperação de vias quase intrafegáveis, construção de novos trechos rodoviários e estruturação de espaços públicos marcaram a agenda de ações do primeiro ano de gestão. Além de São Luís, o ‘Mais Asfalto’ chegou em cidades como Imperatriz, Caxias, Timon, Lagoa Grande, Açailândia e Raposa. No total, foram investidos R$ 173 milhões no programa.

Os investimento também chegaram nas rodovias estaduais. Se conservadas e de boa qualidade, as estradas levam desenvolvimento econômico e social aos municípios, garantindo acesso de pessoas e escoamento de produtos. Em 2015, o governo do Estado investiu R$ 835 milhões para o asfaltamento em 935 km. Foram inauguradas cinco rodovias, iniciado o trabalho em outras 12 e estruturado o projeto para licitação de outras sete obras.

Ainda no início do mandato, o governo do Estado implementou o programa ‘Mais Asfalto’, que tem por objetivo melhorar as vias urbanas das cidades, que são de responsabilidade dos gestores municipais. A partir de parcerias firmadas com as prefeituras, foi possível entregar aos municípios, neste ano, 723 km de pavimentação, beneficiando 107 municípios.

“Estamos com obras de estradas e pontes em execução em todas as regiões do estado. São obras públicas importantes para o desenvolvimento do nosso Estado e que ajudam a gerar emprego e renda para melhorar a vida das pessoas”, disse o governador Flávio Dino.

As obras rodoviárias da MA-381 (Joselândia-Pedreiras, trecho entre Predreiras-Povoado Pacas e Joselândia-Povoado Pacas), MA-334 (Riachão- Feira Nova), MA-138 (Fortaleza dos Nogueiras- São Pedro dos Crentes), MA-034 (Baú-Matões) foram concluídas neste primeiro ano de gestão. Já as obras entre km 50 e o povoado Batavo, Lagoa Grande – Lago da Pedra, Itaipava do Grajaú – BR 226, Barra do Corda – Fernando Falcão, Presidente Médice – Centro do Guilherme, Barão de Grajaú – São Francisco do Maranhão, Bom Jardim – São João do Carú, Lagoa do Mato – Gavião, Entrocamento BR 010 – Cidelândia, Balsas – Povoado Ouro, Povoado Ouro – km 50 e Coelho Neto – Afonso Cunha estão em andamento.

OBRAS RODOVIÁRIAS ENTREGUES EM 2015
TRECHO EXTENSÃO
Pedreiras – Povoado Pacas 30 km
Joselândia – Povoado Pacas 26 km
Riachão – Feira Nova 60 km
São Pedro dos Crentes – Fortaleza dos Nogueiras 51 km
Matões – Baú 71 km
R$ 159, 6 Milhões Investidos

 

OBRAS RODOVIÁRIAS EM ANDAMENTO
TRECHO EXTENSÃO
Km 50 – Povoado Batavo 85 km
Lagoa Grande – Lago da Pedra 65 km
Itaipava do Grajaú – BR 226 70 km
Barra do Corda – Fernando Falcão 112 km
Presidente Médice – Centro do Guilherme 32 km
Barão do Grajaú – São Francisco do Maranhão 67 km
Bom Jardim – São João do Carú 86 km
Lagoa do Mato – Gavião 33km
Entroncamento BR 010 – Cidelândia 57 km
Balsas – Povoado Ouro 50 km
Povoado Ouro – Km 50 67 km
Coelho Neto – Afonso Cunha 42 km
R$ 676,2 Milhões Investidos

 

OBRAS EM FASE DE PROJETO E LICITAÇÃO
OBRA INVESTIMENTO
Ponte sobre o Rio Pericumã R$ 72 milhões
MA-034 – São João dos Patos – Passagem Franca R$ 42,7 milhões
Acesso à ponte sobre o rio Parnaíba, em São Bernardo R$ 7,1 milhões
MA-034, trecho São João dos Patos-Passagem Franca R$ 30,9 milhões
MA-012 – Trecho São Raimundo do Doca Bezerra – BR 226 R$ 43 milhões
Corredor entre a MA-210 – Av. Jerônimo de Albuquerque R$ 10,4 milhões
Urbanização do córrego em vias urbanas de São Roberto R$ 4,3 milhões