Maranhão registra 745 casos novos de coronavírus e chega a 195 municípios no estado

Atualmente, 195 municípios têm casos confirmados de COVID-19 no estado

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) contabilizou 746 novos casos positivos de COVID-19 no Maranhão. De acordo com os dados, subiu para 13.238 o número de casos positivos, sendo 576 óbitos e 2881 pessoas recuperadas.

Atualmente, 195 municípios têm casos confirmados de COVID-19 no estado, se aproximando do 217 no total.

A SES registra ainda 803 profissionais de saúde infectados pelo novo coronavírus no Maranhão. Destes, 702 já estão recuperados.

Quando analisados os casos positivos de COVID-19, a razão por sexo aponta 6788 (51%) casos em pessoas do sexo feminino e 6449 (49%) em pessoas do sexo masculino.

Maranhão registra 856 novos casos de coronavírus em um só dia

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), o Maranhão chegou a 6.765 infectados

É cada vez mais assustadora a apresentação do boletim de novos casos de coronavírus no Maranhão. Após registrar 520 casos quinta-feira (07), nesta sexta-feira, o Governo do Maranhão divulgou 856 novos casos, evidenciando que o Estado atravessa um momento difícil.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), o Maranhão chegou a 6.765 infectados.

Mais 25 óbitos, foram registrados fazendo o número total chegar a 355 óbitos.

Atualmente, 153 municípios têm casos confirmados de COVID-19 no estado.

Oitocentas e noventa e seis pessoas estão internadas, sendo 282 em UTI e 614 em leitos de enfermaria. Mais de três mil e novecentas pessoas estão em isolamento domiciliar. Os outros casos positivos registrados são monitorados pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS). Atualmente, 1587 pessoas receberam alta da quarentena (recuperados).

Até o momento, o Maranhão contabiliza 14.081 testes para diagnóstico de Covid-19 e 6.838 casos seguem em suspeito.

600 pessoas estão recuperadas do coronavírus no Maranhão, número de infectados chega a 2.804

Atualmente, 71 municípios têm casos confirmados de COVID-19 no Maranhão

A Secretaria de Estado da Saúde contabilizou mais 276 novos casos positivos de COVID-19 no Maranhão. De acordo com os dados desta terça-feira (28), subiu para 2.804 o número de casos positivos, sendo 166 óbitos.

A pauta positiva é que 600 pessoas estão recuperadas do coronavírus no estado.

Atualmente, 71 municípios têm casos confirmados de COVID-19 no Maranhão. A SES registra ainda 349 profissionais de saúde infectados, 248 já estão recuperados.

O Maranhão contabiliza 6.899 testes para diagnóstico já realizados e 7.232 continuam suspeitos.

Governo vai abrir mais de 250 novos leitos para assistência a pacientes com a Covid-19 na capital

De acordo com o secretário Carlos Lula, a expansão é uma resposta à crescente preocupação com os pacientes que demandam cuidados hospitalares

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, vistoriou, terça-feira (21), os 200 leitos instalados no Hospital Real, estrutura alugada pelo Governo do Estado para fortalecer o tratamento de pacientes diagnosticados com o novo Coronavírus. Localizado na Avenida Rio Branco, região central de São Luís, a unidade integra as ações e medidas adotadas pelo governador Flávio Dino no enfrentamento da crise sanitária instalada no mundo inteiro, e também no Maranhão.

“Temos acompanhado o crescimento da procura de leitos de internação, sejam eles clínicos ou de UTI. Nós já mais que dobramos a oferta para casos de Coronavírus na rede estadual, porém com o avanço da doença temos visto o esgotamento crescente da rede privada e também da pública, sobretudo na Ilha de São Luís. Por isso mesmo resolvemos alugar mais um hospital privado e, com isso, devemos chegar à oferta de mais 200 leitos”, disse o governador.

No mesmo dia, após a nova aquisição, as equipes da Secretaria de Estado da Saúde (SES) já iniciaram a montagem dos equipamentos necessários. O arrendamento de parte das instalações do Hospital Real se soma aos 50 leitos alugados na Clínica São José, também localizada no centro da capital.

De acordo com o secretário Carlos Lula, a expansão é uma resposta à crescente preocupação com os pacientes que demandam cuidados hospitalares. “Semanalmente observamos o cenário epidemiológico e fazemos uma análise técnica para compreender a demanda de São Luís por novos leitos exclusivos para atendimento dos casos do novo coronavírus. A expectativa é garantir mais de 400 novos leitos até o final do maio. Nos anteciparmos agora é fundamental”, destacou.

Maranhão registra 695 casos de coronavírus e primeira morte em Imperatriz

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, 3.202 continuam sob suspeita e 136 casos foram descartados.

O Governo do Maranhão informou,, nesta quarta-feira (15), que subiu para 695 o número de casos do novo coronavírus no estado. O número de mortos subiu para 37, sendo registrada a primeira morte por COVID-19 em Imperatriz, segunda maior cidade do Maranhão.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, 3.202 continuam sob suspeita e 136 casos foram descartados.

Os casos confirmados do novo coronavírus estão espalhados em 24 municípios maranhenses: São Luís – 582 casos (34 mortes); São José de Ribamar – 47 casos; Paço do Lumiar – 22 casos (2 mortes); Imperatriz – 17 casos (1 morte); Raposa – 03 casos; Santa Rita – 03 casos; Timon – 02 casos e Caxias – 02 casos.

Açailândia, Altamira do Maranhão, Cachoeira Grande, Cajapió, Cantanhede, Chapadinha, Colinas, Davinópolis, Governador Nunes Freire, Mirinzal, Santa Inês, São Benedito do Rio Preto, Urbano Santos, Viana, Vitória do Mearim e Zé Doca registram um caso cada uma.

Maranhão registra 293 casos confirmados e 16ª morte por coronavírus

O estado também contabilizou 16 mortes por Covid-19 e 1.869 casos suspeitos

Subiu para 293 o número de casos confirmados com o novo coronavírus no Maranhão. A informação foi divulgada na noite de quinta-feira (9) pela Governo do Maranhão.

O estado também contabilizou 16 mortes por Covid-19 e 1.869 casos suspeitos. O número de curados subiu de 50 para 53.

O coronavírus já chegou em 12 cidades maranhenses. São elas: São Luís – 243 casos (14 óbitos); São José de Ribamar – 22 casos; Paço do Lumiar – 10 casos (2 óbitos); Imperatriz – 4 casos; Timon – 2 casos; Raposa – 2 casos; Açailândia – 1 caso; Cajapió – 1 caso; Colinas – 1 caso; Santa Inês – 1 caso; São Benedito do Rio Preto – 1 caso; Urbano Santos – 1 caso.

14 casos confirmados do coronavírus e 663 suspeitos são monitorados no Maranhão

A SES informou que todos os pacientes estão cumprindo isolamento domiciliar e estão sendo monitorados pelo Centro de Informações Estratégicas em Saúde (CIEVS).

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, informou, na noite desta sexta-feira (27), que segue monitorando 663 casos suspeitos do novo coronavírus no Maranhão. Até o momento, o estado possui 14 casos confirmados da Covid-19 com pacientes em São Luís e Imperatriz.

Três dos novos casos foram confirmados na quinta-feira (26) pelo governador Flávio Dino (PCdoB), duas são mulheres de 44 e 45 anos que foram atendidas na rede pública e outra também é do sexo feminino, tem 29 anos, foi diagnosticada em um hospital da rede privada. O quarto paciente com caso confirmado no estado é o médico Luciano Danda, que está no município de Imperatriz. O médico realizou o teste para coronavírus em São Paulo, onde reside.

A SES informou que todos os pacientes estão cumprindo isolamento domiciliar e estão sendo monitorados pelo Centro de Informações Estratégicas em Saúde (CIEVS).

Governo abre cadastro de voluntários de profissionais da saúde para combater coronavírus

As inscrições estão sendo realizadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), no site www.saude.ma.gov.br

Mais de 100 profissionais da área da saúde já se cadastraram para, em caso de necessidade, atuar como voluntários no combate ao novo coronavírus no Maranhão. As inscrições estão sendo realizadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), no site www.saude.ma.gov.br e fazem parte do conjunto de estratégias do Governo para conter o avanço do Covid-19 no estado. 

“Vamos precisar de toda ajuda que for possível. Mesmo desejando que o Maranhão não chegue à situação de vários lugares que foram acometidos pela pandemia, estamos nos preparando para o pior cenário. Os profissionais de saúde estão à frente desta batalha e, em uma situação crítica, podemos precisar de reforços. Para isso, precisamos saber com quem podemos contar”, ressalta o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.  

Os profissionais solicitados são para as funções de técnico de enfermagem, enfermeiro, médicos, psicólogos, fisioterapeutas, assistentes sociais, fonoaudiólogos e farmacêuticos e outras formações na área da saúde. 

Para equipar os voluntários que combaterão o novo coronavírus e os profissionais de saúde, a SES realizou a compra de EPIS como máscaras de proteção, viseiras, óculos de proteção e aventais, gorros cirúrgicos e luvas de proteção, entre outros. E recebeu a doação de insumos como álcool em gel e aventais descartáveis que já estão sendo distribuídos para as unidades de saúde.

A ideia é montar o cadastro de voluntários, que serão chamados de acordo com a necessidade. Ao realizar o cadastro, é importante que o candidato insira seu telefone e e-mail atualizados para contato. Não há limite de vagas.

As equipes formadas por voluntários reforçarão o trabalho que será realizado nas unidades de assistência a pacientes que testaram positivo para a Covid-19 em todo o estado, como o Hospital das Clínicas (HCI), que foi alugada para cuidados exclusivos destes pacientes. 

Além do HCI, o Governo trabalha para concluir a reforma e ampliação do Hospital Genésio Rêgo.  A unidade de saúde terá 50 leitos de isolamento para tratar pacientes diagnosticados com casos graves de infecção pelo coronavírus. Já no Hospital Carlos Macieira, são 20 novos leitos de UTI caso seja necessário o tratamento de pacientes da pandemia.

Em Imperatriz, o Hospital Macrorregional Drª Ruth Noleto está ampliando a capacidade da UTI e dez novos leitos estão sendo criados. Em toda a unidade, inicialmente, serão 22 leitos para tratar coronavírus, entre UTIs e leitos de retaguarda. No Macrorregional de Coroatá, o Governo do Maranhão está finalizando obra de implantação de mais dez leitos de UTI, totalizando 22 leitos de terapia intensiva e mais dois de isolamento.

Nota do Governo do Maranhão com orientações sobre prevenção e combate ao coronavírus

Governo orienta a população para manter hábitos de higiene como lavar as mãos com água e sabão, uso de álcool em gel, evitar contato com pessoas resfriadas ou gripadas e manter ambientes sempre arejados

Sobre as medidas de prevenção e assistência relativas ao novo coronavírus (COVID-19), o Governo do Maranhão informa que:

Existe um Plano Estadual de Contingência do Novo Coronavírus (COVID-19), orientado por protocolos do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde, que está em execução pela rede de saúde no Maranhão;

  1. Estamos ampliando leitos de enfermaria e UTI no Hospital Carlos Macieira para atendimento dos casos graves, que vierem a necessitar de internação em área isolada;
  2. Estará disponível, a partir da próxima segunda-feira (dia 16), o Centro de Testagem na Policlínica Diamante para exames laboratoriais de pessoas que apresentem sintomas com ou sem febre e tenham viajado para áreas de risco ou mantido contato com pessoa com diagnóstico confirmado para coronavírus (COVID-19);
  3. O Governo do Maranhão determina que os servidores públicos estaduais que apresentem sintomas de resfriado, gripe ou similares mantenham-se em casa, até o desaparecimento dos sinais. As chefias imediatas transmitirão orientações mais detalhadas aos servidores. A mesma orientação é válida para as comunidades escolares;
  4. A Secretaria de Saúde irá disponibilizar no site e nas redes sociais orientações sobre protocolos, a fim de tirar dúvidas da população. Em breve, um número de telefone será divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde para prestar o mesmo serviço;
  5. Em razão do perigo de contágio, as viagens para áreas de risco, que não sejam emergenciais, devem ser evitadas;
  6. Orientamos a população para manter hábitos de higiene como lavar as mãos com água e sabão, uso de álcool em gel, evitar contato com pessoas resfriadas ou gripadas e manter ambientes sempre arejados;
  7. Reiteramos que, até o momento, não temos nenhum caso de coronavírus confirmado no Maranhão. Não há motivo para pânico ou alarmismos. Contudo, precisamos de atitudes coletivas de prevenção e responsabilidade, pois com a ajuda de todos vamos ultrapassar mais essa crise nacional.