Jornalistas conferem nova estrutura do Terminal do Cujupe

Na visita, pude constatar todos as melhorias realizadas pelo Governo do Maranhão, por meio da Emap

A titular do blog, Sílvia Tereza, conferiu de perto as instalações do novo Terminal do Cujupe, na manhã desta segunda-feira (30). Orçada em R$ 13,5 milhões, a obra garante uma nova estrutura para embarque multimodal de passageiros, que amplia a infraestrutura de um serviço que movimenta, por ano, 1,8 milhão de passageiros e cerca de 330 mil veículos.

Com a entrega, o Maranhão ganhou um terminal moderno, focado em tornar mais dinâmicas as operações de embarque e desembarque de passageiros e veículos no translado via ferryboat. O novo Terminal do Cujupe conta com posto de atendimento Viva/Procon, Centro de Atendimento ao Turista (CAT), Praça de Alimentação, Wi-Fi gratuita, Fraldário e Farmácia.

O novo Terminal do Cujupe conta com posto de atendimento Viva/Procon, Centro de Atendimento ao Turista (CAT), Praça de Alimentação, Wi-Fi gratuita, Fraldário e Farmácia

A trip com jornalistas e veículos de comunicação foi comandada pelo secretário de Estado de Comunicação e Assuntos Políticos, Rodrigo Lago, e pelo presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP), Ted Lago.

Na visita, pude constatar todos as melhorias realizadas pelo Governo do Maranhão, por meio da Emap, e fiquei extremamente feliz em ver o terminal reestruturado, com praça de alimentação e agora com controle do que é vendido, bons avanços, principalmente, na questão de higienização.

Com uma estrutura moderna, passageiros e a população da Baixada Maranhense agora contam com mais conforto e comodidade na hora de usar o ferry boat. Sem dúvidas, o novo Cujupe é um dos grandes feitos do governador Flávio Dino, que mostrou sensibilidade e num gesto pontual e dinâmico entregou uma obra que vai beneficiar milhares de maranhenses.

TV Assembleia passa a transmitir sessões e audiências públicas ao vivo via Facebook

Para acompanhar as transmissões, basta acessar www.facebook.com/rtvalema ou digitar TV Assembleia Maranhão na aba de pesquisa da rede social.

A TV Assembleia passou a transmitir, diariamente, as sessões plenárias, solenes, especiais e audiências públicas, ao vivo, também por meio da sua página oficial no Facebook com a mesma qualidade de imagens, áudio e cobertura total da emissora 51.2. Para acompanhar as transmissões, basta acessar www.facebook.com/rtvalema ou digitar TV Assembleia Maranhão na aba de pesquisa da rede social.

Após o encerramento das transmissões, os vídeos ficam à disposição dos internautas e seguidores, na página, para visualizações a qualquer momento. As sessões plenárias são transmitidas às segundas-feiras, a partir das 16h, e de terça a quinta-feira, a partir das 9h30.

Com o mesmo objetivo, as sessões plenárias começaram a ser transmitidas também, em tempo real, pelo Instagram da Assembleia Legislativa do Maranhão. É só seguir o perfil @assembleialegma. Os novos canais de veiculação das atividades do Legislativo estadual somam-se às já tradicionais transmissões ao vivo pela TV Assembleia, no canal aberto 51.2 ou 17 na TVN, e pelo site www.al.ma.leg.br.

Novas tecnologias

Segundo o diretor de Comunicação da Assembleia Legislativa, jornalista Edwin Jinkings, as transmissões diretas da TV Assembleia, via Facebook, passaram a ser possíveis graças à tecnologia do Play Out (exibidor), moderno equipamento adquirido pela Casa, e que faz com que a emissora do Rangedor possa se conectar à comunidade virtual com todos os seus próprios recursos de imagem e áudio.

“Com as transmissões das sessões plenárias e outros eventos da Casa também pelo Facebook e Instagram, alcançaremos um público maior e diversificado, dando maior amplitude aos pronunciamentos dos deputados estaduais, bem como aos assuntos de interesse dos maranhenses, que estão em pauta”, afirmou Edwin Jinkings.

Para a diretora-adjunta de Comunicação da Assembleia, jornalista Sílvia Tereza, o objetivo é ampliar a presença da Alema na comunidade, fazendo uso de ferramentas que possibilitem o acesso à informação, garantindo maior transparência das ações do Poder Legislativo. “As transmissões via Facebook e Instagram também permitem maior interação com os usuários das redes sociais, que podem comentar, reagir ou compartilhar o conteúdo”, frisou.

TV Assembleia recebe prêmio por contribuição às políticas públicas sobre drogas

O Prêmio REMADD tem por objetivo reconhecer e homenagear, anualmente, pessoas, profissionais e instituições que atuam com destaque na área da política sobre drogas

Pelo terceiro ano consecutivo, a TV Assembleia é agraciada com o Prêmio REMADD 2018, na categoria Comunicação e Literatura, em reconhecimento e agradecimento à cobertura jornalística dos trabalhos desenvolvidos pela Rede Maranhense de Diálogos Sobre Drogas e de projetos sociais. A diretora-adjunta de Comunicação da Assembleia Legislativa, a jornalista Silvia Tereza, recebeu a premiação, em nome de toda a equipe, na noite de quinta-feira (24), no auditório da Procuradoria Geral de Justiça (PGJ), no Calhau.

Para a diretora-adjunta de Comunicação da Assembleia, é motivo de satisfação e orgulho a TV Assembleia receber, pelo terceiro ano consecutivo, o Prêmio REMADD. “Isto representa um claro reconhecimento do trabalho de toda a equipe, que faz a comunicação da Assembleia, e a confirmação de que a mídia em geral pode dar uma grande contribuição para a efetivação de políticas públicas sobre drogas. Agradeço mais uma vez à REMADD pelo reconhecimento e a Assembleia reafirma seu compromisso com a política pública sobre drogas”, ressaltou Silvia Tereza.

O que é o Prêmio REMADD

O Prêmio REMADD tem por objetivo reconhecer e homenagear, anualmente, pessoas, profissionais e instituições que atuam com destaque na área da política sobre drogas, classificadas pelas seguinte categorias de ação: 1 – Prevenção; 2 – Cuidado e Acolhimento; 3 – Tratamento; 4 – Espiritualidade e Grupos de Mútua Ajuda; 5 – Redução de Danos Sociais e à Saúde; 6 – Comunicação e Literatura; 7 – Justiça e Segurança; 8 – Políticas Públicas; 9 – Parceiros da Vida e 10 – Inserção e Reinserção Sócio Familiar.

O Prêmio REMADD tem por objetivo reconhecer e homenagear, anualmente, pessoas, profissionais e instituições que atuam com destaque na área da política sobre drogas

“Nosso trabalho é uma prova inequívoca do quanto que o Estado do Maranhão possui condições de avançar no trabalho de execução de políticas públicas sobre drogas, se trabalhar unido, na coletividade. Hoje é o dia de reconhecermos e agradecermos a todos que contribuíram com esse trabalho, dentre os quais destaco o Sistema de Comunicação da Assembleia, que faz um trabalho de vanguarda nesse sentido, quando viaja aos interiores e produz matérias de muita relevância”, disse Erisson Lindoso, presidente da REMADD.

Reconhecimento do trabalho

A promotora de Justiça do Júri Popular de São Luís, Cristiane Maia Lago, representando o procurador-geral de Justiça do Maranhão, Luiz Gonzaga Coelho, falou sobre a importância do evento para o Ministério Público Estadual, elogiou o trabalho da REMADD e alertou sobre o grave problema das drogas no mundo.

“Esse é um momento muito importante para o Ministério Público do Maranhão. Só quem sabe as adversidades que se apresentam para a implantação de políticas públicas sobre drogas é quem enfrenta. Precisamos estar cada vez mais unidos para enfrentar esse grave problema social. Os últimos dados da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre drogas, no mundo, nos assustam, mas não podem nos intimidar. Eles revelam que 243 milhões de pessoas usam drogas ilícitas e que 7 milhões são dependentes químicos. A estratégia principal para o enfrentamento desse problema é a prevenção. É um trabalho que exige amor pelo próximo. Nossa responsabilidade é redobrada com esse ato”, salientou.

Veja a estreia do programa Conexão Cidadania na rádio Assembleia On Line…

Estreou, na rádio Assembleia On Line, o programa Conexão Cidadania com a jornalista e radialista Marina Souza. Na programação, quadros como “Gente de Casa” e “Direto da Redação”.

O programa vai focar também em utilidade pública, notícias, debates e entrevistas. Você pode se conectar pelo site da rádio Assembleia On LIne (www.radioalema.com) ou pelo Facebook (radioassembleiama).

#ConexãoCidadania com Marina Souza

Posted by Rádio Assembleia Maranhão on Tuesday, 15 May 2018

Jornalismo em pauta na rádio Assembleia On Line…

#PontoaPonto Tá no ar! A entrevista de hoje é com a subdiretora de TV e Rádio, Jacqueline Heluy, e a diretora adjunta de Comunicação da Assembleia Legislativa. Curta, compartilhe nossa live e participe!!!!

Posted by Rádio Assembleia Maranhão on Friday, January 26, 2018

Participei de um bate-papo sobre Jornalismo e Comunicação Pública, no programa Ponto a Ponto, comandado pela jornalista Maria Regina, na rádio Assembleia On Line.

Acima, a nossa roda de conversa – que incluiu experiências, novidades e informações – transmitida, ao vivo, por maio da fampage da rádio Assembleia.

No vídeo, não esqueça de acionar o botão de áudio a sua direita.

“Ponto e Vírgula” especial das mulheres…

No Dia Internacional da Mulher, eu e a também jornalista Mônica Moreira Lima substituímos os apresentadores Marcello Minard e Leandro Miranda no comando do programa Ponto e Vírgula, em São Luís, na rádio Difusora FM, um dos que têm maior audiência na cidade.

Após o programa,  recebemos mimos (presentes) da Difusora FM pelas mãos do apresentador e colega, Danilo Quixaba.

O programa foi feito, como sempre, em conjunto com a Difusora FM de Imperatriz, que tem como âncora o radialista Paulo Negrão. Contamos ainda com a participação da jornalista Juliana Eugênio, direto da “Princesa Tocantina”.

Nós entrevistamos, no programa, a líder da Oposição na Assembleia Legislativa do Maranhão, deputada estadual Andrea Murad (PMDB), que falou sobre a mulher na política, entre outros assuntos quentes dos bastidores da notícia.

Nós agradecemos a homenagem, no Dia Internacional da Mulher, e a oportunidade aos colegas Leandro Miranda e Marcello Minard. A experiência foi muito boa.

Live com jornalistas sobre debate da Mirante pautou inúmeras discussões no Facebook

 

Uma live, transmissão ao vivo, com quatro profissionais da Comunicação, na página do apresentador e jornalista Jeisael Marx, no Facebook, pautou inúmeras discussões  sobre o debate entre os candidatos a prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr (PDT) e Eduardo Braide (PMN), na TV Mirante, na madrugada deste sábado (29). Até agora, foram mais de 60 mil internautas alcançados na capital maranhense, cerca de quatro mil comentários e 1.500 curtidas, mais de 22 mil visualizações, 320 compartilhamentos, sucesso de audiência na rede social.

Os participantes, todos jornalistas, têm blogs, fampages e milhares de seguidores nas redes sociais. E o resultado foi esse sucesso total de audiência e interatividade. Assista ao vídeo da live acima.

Os jornalistas Jeisael Marx, Sílvia Tereza (editora deste blog), Cunha Santos e Gilberto Lima discorreram, por mais de 40 minutos, sobre o desempenho de Edivaldo Holanda Jr e de Eduardo Braide no debate da TV Mirante, levando em consideração a postura adotada por eles, as perguntas feitas, as respostas, o nível de conhecimento técnico e administrativo, as reações, os ataques, contra-ataques e documentos postados pelas assessorias dos mesmos no Facebook.

A audiência da live surpreendeu as expectativas do titular da página no Facebook, Jeisael Marx, apresentador do programa Hora D da TV Difusora, e dos jornalistas participantes, Sílvia Tereza, Gilberto Lima e Cunha Santos.

Segundo Jeisael, essa foi a primeira live de sua página no Facebook e o resultado veio com uma imensa resposta do público que, mesmo de madrugada, após o debate dos candidatos, acompanhou a análise dos jornalistas e interagiu com milhares de comentários. Alguns foram lidos pelo apresentador, durante a live, e respondidos pelos participantes.

WhatsApp, candidatos e campanhas eleitorais no Maranhão…

Recebi em casa a equipe de reportagem da TV Guará, que faz uma interessante matéria sobre o WhatsApp e campanhas eleitorais

Recebi em casa a equipe de reportagem da TV Guará, que faz uma interessante matéria sobre o WhatsApp e campanhas eleitorais

guara3

Recebi, nesta quinta-feira (28), em minha casa, essa competente equipe da TV Guará (canal 23), com a repórter Rayssa Alves à frente. Eles estão produzindo uma interessante matéria sobre o período eleitoral, campanha e propaganda nos grupos de WhatsApp no Maranhão.
Abordam na pauta a questão da seriedade, responsabilidade e veracidade dos compartilhamentos. A administração dos grupos também é foco da reportagem. E o grupo “Jornalistas Profissionais”, que eu administro no WhatsApp,  por ser um dos mais atuantes e visados, está sendo citado na produção da matéria.
Desde a eleição passada, o WhatsApp vem sendo ferramenta fundamental para os candidatos, tanto no aspecto de divulgação,  quanto de denúncias e, até mesmo, para fins de zombarias.

Então cabe bom senso para saber o que se compartilha. Pois,  se algum candidato se sentir ofendido em grupo de Whatsapp,  ele pode recorrer para obter retratação ou direito de resposta. Na campanha passada, teve até jornalista acionado por postagens no aplicativo.
Então,  devemos ter a consciência de que Whatsapp hoje é coisa séria.  Mais de cem milhões de pessoas no Brasil se comunicam por ele, segundo recentes reportagens quando do bloqueio do aplicativo no país.

Em tempo, o grupo “Jornalistas Profissionais”  foi criado no WhatsApp no dia 07 de Abril de 2015 com o objetivo de unir profissionais do Jornalismo, favorecer a troca de informações, contatos e discutir questões ligadas à profissão.

Uma das características do grupo é a qualificação dos participantes. Conta com profissionais competentes, qualificados, atuantes, antenados e responsáveis.

DE ALTA! Deixo aqui o meu relato, principalmente às mulheres….

Já estou de alta e em casa.  A foto foi feita, após a cirurgia,  no UDI Hospital

Já estou de alta e em casa. A foto foi feita, após a cirurgia, no UDI Hospital

Caros leitores, na última quinta-feira (16), precisei me submeter a uma cirurgia, já programada, no UDI Hospital, por conta de miomas uterinos que estavam me causando menstruações hemorrágicas e me levaram a um quadro de anemia preocupante. O procedimento, apesar de um tanto complexo por conta da proximidade com bexiga, uretra e intestino, foi realizado pelo competente ginecologista e obstetra João Nogueira Neto e sua equipe, com sucesso, por meio da técnica da videolaparoscopia.

Recebi alta no final de semana mesmo. Passo bem, graças a Deus. Faço questão de registrar esse fato para destacar o profissionalismo e competência do dr João Nogueira – um estudioso, doutor pela Universidade Federal de São Paulo – títulos em videolaparoscopia, qualificações no exterior, etc  – que,  em tão pouco tempo depois que o procurei, soube me apontar as soluções menos perigosas e mais adequadas no meu caso.

Depois que um exame apontou aumento do volume do meu útero por conta de miomas,  todos os médicos que eu procurava só me apontavam cirurgia com barriga aberta, com perigo de perda de sangue, previsão de transfusões sanguíneas, etc por conta do quadro de anemia que teria que ser corrigido antes desse procedimento.

Não desisti e comecei a buscar indicações para um profissional que pudesse me dar outras alternativas de tratamento. Encontrei o dr João Nogueira por indicação da jornalista Mônica Moreira Lima.  Consegui marcar uma consulta, mesmo com a alta concorrência.  Narrei o meu caso e ele foi me dando opções possíveis com menores riscos e mais resultados. Ele me mostrou que seria possível uma videolaparoscopia no meu caso.

Marcou um exame, chamado histeroscopia,  que ele mesmo realizou. Buscou saber se o mioma submucoso,  que é o causador de hemorragias,  poderia ser retirado por esta técnica.  No mesmo procedimento, ele conseguiu amenizar os sangramentos da menstruação que foram suspensos com a administração do hormônio (anticoncepcional,  pílula). Antes da cirurgia, um novo exame mostrou redução do volume uterino.

Suspensos os sangramentos menstruais, eu então pude fazer a  cirurgia por videolaparoscopia com sucesso, abrindo caminho para  sair do quadro de anemia que preocupava e, consequentemente,  dar fim às hemorragias menstruais.

A equipe médica,  liderada por dr João Nogueira,  teve uma preocupação a mais no meu  caso, pois sou alérgica a antiinflamatórios e a medicações para dor que tenham AASS, dipirona, diclofenaco de sódio,  o que elimina aí,  praticamente,  todos os remédios comumente usados no pós-operatório.

Para dor, tive que usar o Paracetamol e o antiinflamatório é o Celebra 200, um medicamento, que combate inflamações,  em casos de alérgicos como eu. Ufa! Mas deu tudo certo. Isso é o que importa,  graças a Deus, à equipe do dr João Nogueira e ao apoio de meus familiares e amigos.

O registro fica aqui. Espero que o meu caso sirva de exemplo para tantas mulheres que buscam soluções para essas complicações.  O conselho que dou é persistir,  acreditar e entregar nas mãos de Deus para encontrar um  excelente profissional que tenha referências.  Estou me recuperando bem a cada dia. Valeu!