“Se governadores tiverem de bancar o auxílio, Bolsonaro provará sua total inutilidade”, declara Dino

O governador Flávio Dino (PCdoB) fez críticas, neste sábado (27), à declaração do presidente Jair Bolsonaro, na qual afirmou que “a partir de agora, os governadores que fecharem seus estados devem custear uma nova rodada do auxílio emergencial”. Para Dino, a atitude do presidente é a comprovação de inutilidade.

“Se os governadores tiverem que bancar até o auxílio emergencial, aí mesmo que o presidente da República vai provar sua total inutilidade”, disparou o governador.

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *