Internos de Pedrinhas fazem ovos de Páscoa para crianças carentes

Pedrinhas mudou, apostou na ressocialização e os resultados são vistos por todos

O sistema carcerário que ficou conhecido mundialmente em 2013 e 2014, em razão da barbárie em Pedrinhas, agora é visto como uma referência de melhorias, ajudando a aprimorar a segurança de toda a sociedade. São Luís vivia aterrorizada com sangrentas rebeliões e “toques de recolher” impostos por facções quase que semanalmente. Hoje, Pedrinhas mudou, apostou na ressocialização e os resultados são vistos por todos, como esse publicado pelo governador Flávio Dino (PCdoB).

“Os presos em Pedrinhas fizeram milhares de ovos de Páscoa nas oficinas de trabalho que lá mantemos. E esse trabalho virou momentos de alegria para crianças de creches”, escreveu.

Ministro do Meio Ambiente garante apoio ao Governo do Estado para Lençóis Maranhenses

Outro pleito discutido ainda na reunião realizada em Brasília foi sobre o Zoneamento Econômico e Ecológico (ZEE)

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, esteve em São Luís para pactuar, com o governador Flávio Dino, ajuda para o desenvolvimento turístico dos Lençóis Maranhenses. Eles se reuniram no Palácio dos Leões e sobrevoaram a área do Parque Nacional. A convite do Governo do Estado, quando da visita do governador a Brasília no final do mês de fevereiro, Ricardo Salles veio ao Maranhão para conhecer de perto as potencialidades dos Lençóis Maranhenses e garantir ajuda do Governo Federal para o incremento do desenvolvimento turístico da região.

Implementar ações voltadas à qualificação dos serviços de visitação no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é um dos objetivos do Governo do Maranhão. “Nosso governo mantém o diálogo respeitoso com o Governo Federal, em busca de parcerias e medidas que possam ajudar o Maranhão”, ressaltou Flávio Dino.

O ministro explicou que, como tinha combinado com o governador, os pleitos relacionados aos Lençóis Maranhenses seriam analisados conjuntamente. Eles visitaram a região e Salles declarou que é preciso avançar “na parte de estruturação e a ideia de concessão do Parque como um todo para a exploração e incremento do turismo e do ecoturismo na região”.

Flávio Dino quer saber se alguém lucrou ilegalmente com ações da Petrobrás

Nas suas redes sociais, o governador do PCdoB cobra que se verifique se alguém ganhou dinheiro ilegamente com a oscilação do valor da ações da estatal

Estadão

O governador do Maranhão, Flávio Dino, está com a pulga atrás da orelha em relação às declarações dadas nos últimos dias envolvendo a Petrobrás. Nas suas redes sociais, o governador do PCdoB cobra que se verifique se alguém ganhou dinheiro ilegamente com a oscilação do valor da ações da estatal.

“Tantas declarações e medidas desencontradas sobre a Petrobras influenciam fortemente na Bolsa de Valores. Seria bom ver se tem alguém lucrando ilegalmente com essa confusão, comprando e vendendo ações da empresa”, cobrou Dino.

Flávio Dino responde Assis Ramos

Desgastado e com baixa popularidade em Imperatriz, Assis Ramos busca culpar alguém pelos problemas municipais

O governador Flávio Dino (PCdoB) respondeu o prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM), após vídeo em que o administrador municipal cobra, de forma truculenta, que governo estadual conserte as vias urbanas da cidade. Desgastado e com baixa popularidade em Imperatriz, ele busca culpar alguém pelos problemas municipais, mesmo não sendo do governo a obrigação da solução dos mesmos.

“Não respondo a agressões pessoais de baixo nível. Sempre estou lutando para resolver os problemas. Alguém já me viu “exigindo” que o governo federal tape buraco de estrada MA, de competência estadual? Esse tipo de grosseria e disparate não condiz com a minha formação”, escreveu Flávio Dino.

Flávio Dino anuncia novo Comandante Geral da Polícia Militar

No lugar do Coronel Jorge Luongo, assume o Coronel Ismael

O governador Flávio Dino (PCdoB) anunciou, por meio de sua conta no Twitter, o nome do novo Comandante Geral da Polícia Militar do Maranhão. No lugar do Coronel Jorge Luongo, assume o Coronel Ismael, que respondia pelo Centro Tático Aéreo.

“O coronel Ismael assumirá o Comando Geral da Polícia Militar na próxima terça-feira. Agradeço ao coronel Luongo, que passará a integrar a equipe da SSP”, escreveu.

Futuro da Base de Alcântara é debatido em seminário com a presença de Marcos Pontes


A Base de Alcântara fica na zona rural do município de Alcântara, a cerca de 30 quilômetros da capital, São Luís

Impactos, desafios e perspectivas da intensificação do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), a partir de sua utilização comercial, foram os nortes dos debates durante o seminário Base de Alcântara: Próximos Passos. O evento, organizado pelo Governo do Estado, foi realizado, nesta segunda-feira (15), no auditório Terezinha Jansen, no Multicenter Sebrae, em São Luís. O seminário teve participação do governador Flávio Dino e do ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes. Na programação, foi apresentado o Acordo de Salvaguardas firmado com os Estados Unidos para uso da base maranhense, além de debates e exposições de painéis.

O uso comercial agrega, basicamente, a utilização do espaço para lançamento de foguetes e satélites de outros países. O ministro Marcos Pontes afirmou que esse uso estará ligado ao desenvolvimento social da região e que não há necessidade de expansão do território do CLA. “Nós temos uma preocupação total com as pessoas, afinal, isso tudo é para a população. Queremos pensar qual o resultado disso na qualidade de vida das pessoas. A área que nós temos é suficiente para começar a operação comercial da Base. E vamos fazer isso respeitando a cultura e a tradição das pessoas, sempre em contato com todo mundo”, explicou.

O governador Flávio Dino declarou que há todo interesse do Maranhão em tornar possível a exploração comercial com resultados positivos para a população maranhense, em especial, Alcântara. “Acompanhamos a assinatura do acordo, que cria as condições para a possível exploração da base e acreditamos que mediante este diálogo interfederativo, podemos encontrar melhores termos para que esse investimento do povo brasileiro possa produzir resultados positivos”, pontuou Flávio Dino.

Maura Jorge falta com a verdade nas redes sociais…

Maura Jorge culpa Flávio Dino por problemas em rodovia federal

A ex-prefeito de Lago da Pedra e ex-candidata ao Governo do Maranhão, Maura Jorge (PSL), faltou com a verdade com seus seguidores nas redes sociais ao compartilhar um vídeo de uma rodovia federal intragável e afirmando que o causador do problema seria o governador Flávio Dino (PCdoB).

Não se sabe se, por apenas no intuito de criticar, Maura Jorge esqueceu que BR é de responsabilidade do Governo Federal e toda a situação recaiu para seu aliado, o presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Maura Jorge, como uma pessoa pública, deve se atentar para não correr o risco de ser novamente propagadora de notícias falsas, pois tal ato cai negativamente até mesmo com seus eleitores.

Governo realiza “Seminário Base de Alcântara: Próximos Passos”, nesta segunda-feira (15)

De acordo com o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Davi Telles, a importância do seminário está relacionada, sobretudo, em como o Maranhão está inserido nesse processo de desenvolvimento regional a partir da alavancagem do Centro de Lançamento de Alcântara

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), realiza nesta segunda-feira (15), a partir das 8h30, no auditório Terezinha Jansen – Multicenter Sebrae, o Seminário “Base de Alcântara: Próximos Passos”. O seminário pretende discutir a temática espacial no Maranhão a partir de três eixos: geopolítica, desenvolvimento regional e o papel da academia.

O evento tem como público-alvo instituições, pesquisadores e acadêmicos interessados nas temáticas que serão abordadas durante todo o dia e tem certificação de participação. A programação terá início a partir do credenciamento, e, em seguida, será iniciada a mesa de abertura com a presença do governador Flávio Dino e do ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, que na ocasião apresentará o Acordo de Salvaguardas. O evento seguirá até às 18h com exposições de painéis e debates.