Prefeito Edivaldo vistoria Nhozinho Santos e confirma reinauguração para o dia 5

O prefeito Edivaldo Holanda Junior vistoriou a reforma estrutural do Estádio Nhozinho Santos nesta quinta-feira (27) e confirmou a reinauguração para o próximo dia 5 como parte das comemorações pelos 408 anos de São Luís. A reabertura será feita com partida entre São José e Moto Club pela semifinal do Campeonato Maranhense.

A intervenção, realizada por meio do programa São Luís em Obras, acabou com todos os problemas estruturais que comprometiam a segurança do público e atletas pela primeira vez ao longo dos 70 anos do estádio. Desde o gramado, que foi totalmente substituído, incluindo nova iluminação em LED, grama sintética nos vestiários para melhorar o aquecimento dos jogadores entre diversas outras melhorias, todas as instalações do Nhozinho Santos foram modernizadas.

Esta será mais uma obra entregue em comemoração aos 408 anos de São Luís. No último sábado (22), Edivaldo reinaugurou o Parque do Bom Menino e já confirmou as entregas do Mercado das Tulhas (Feira da Praia Grande) e do conjunto do Largo do Carmo, Praça João Lisboa, Rua de Nazaré e entorno, todos totalmente reformados. Ao longo do mês de setembro outras obras estruturantes serão entregues à população.

Natália Mandarino é anunciada como nova secretária de Saúde de São Luís

Natália assume a pasta após a saída de Lula Fylho, que foi exonerado do cargo no sábado (25).

A Prefeitura Municipal de São Luí, divulgou, nesta terça-feira (28), o nome da enfermeira Natália Mandarino como nova secretária de Saúde da capital.

Natália Mandarino era secretaria-adjunta da Semus e já ocupou a direção do Hospital da Mulher entre os anos de 2013 e 2017.

Graduada em enfermagem, Natália Mandarino é doutora em Ciências da Saúde pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), mestra em Saúde Materno Infantil, também pela UFMA. Além outras pós-graduações e especializações.

Natália assume a pasta após a saída de Lula Fylho, que foi exonerado do cargo no sábado (25).

Prefeitura anuncia saída de Lula Fylho da Secretaria de Saúde

Nos últimos meses, Lula Fylho sofreu um processo de desidratação após o surgimento de muitas críticas sobre sua atuação na pasta.

A Prefeitura Municipal de São Luís informou, na manhã deste sábado (25), alteração no comando da Secretaria Municipal de Saúde (Semus).

“O nome do novo titular do órgão, que assume em substituição ao secretário Lula Fylho, será comunicado posteriormente”, informa o comunicado.

Lula Fylho é administrador, pós-graduado em Didática e Gestão de Pessoas. Teve passagens pela Secretaria Municipal de Governo e Secretaria Municipal de Turismo de São Luís, após chegar na Saúde.

Nos últimos meses, sofreu um processo de desidratação após o surgimento de muitas críticas sobre sua atuação na pasta.

Moradores reclamam de rua intrafegável na Cidade Operária

Uma das vias destacadas pelos moradores é a Rua 17D, na Unidade 101, próximo à Unidade de Ensino Básico Jackson Lago.

Moradores da Cidade Operária entraram em contato com o blog para reclamar da falta de estrutura na rua 17D, Unidade 101, no bairro.

Uma das vias destacadas pelos moradores é a Rua 17D, na Unidade 101, próximo à Unidade de Ensino Básico Jackson Lago.

Pelas reclamações enviadas, a rua fica intrafegável, principalmente no período chuvoso, por conta das crateras, e já foram registrados muitos acidentes por causa dos buracos na via.

Pelas reclamações enviadas, a rua fica intrafegável, principalmente no período chuvoso

Moradores pedem providências da Prefeitura de São Luís. O secretário de Obras, Antônio Araújo, parece que vê o bairro como inexistente. Pouco ou nada faz por lá.

Aliás, Araújo vem se destacando como o pior secretário do prefeito de São Luís, Edvaldo Jr.

Edivaldo garante pacotes de obras de infraestrutura para zona rural de São Luís

Os trabalhos fazem parte de um amplo pacote de investimentos em infraestrutura que Edivaldo está executando na zona rural de São Luís

O prefeito Edivaldo Holanda Junior iniciou mais uma obra de urbanização na zona rural de São Luís. A região da Vila Sarney, Vila Industrial e Vila Primavera está recebendo mais de 13 km de asfaltamento. É asfalto sendo aplicado em ruas e avenidas que nunca tinham recebido nenhum tipo de pavimentação.

Além do asfaltamento nas vias internas de cada bairro, a Prefeitura está implantando obras complementares, como drenagem profunda em três pontos distintos da região e drenagem superficial.

Também está sendo implantada uma via, com cerca de 1,8 km para integração direta dos bairros ao Maracanã. Após a conclusão dos serviços toda a região terá nova configuração urbana.

Os trabalhos fazem parte de um amplo pacote de investimentos em infraestrutura que Edivaldo está executando na zona rural de São Luís, que nunca tinha recebido um volume de obras tão grande.

São obras de macrodrenagem e asfaltamento como as em andamento nas regiões do Santa Bárbara, impactando mais de 60 mil pessoas, e do Tibiri, que beneficiará mais de 8 mil famílias; a construção de uma ponte em concreto armado de 36 metros de extensão que interligará os bairros Recanto Verde e Vila Itamar. Todas estas são obras inéditas para uma gestão municipal em São Luís.

Este é mais um acerto de Edivaldo em sua gestão, pois obras de infraestrutura são essenciais para o desenvolvimento social, urbano e econômico das áreas rurais, pois garantem melhores condições de moradia, escoamento da produção, fortalecimento do comércio e oportunidades na geração de emprego e renda para os moradores da área.

Macrodrenagem da região do Santa Bárbara, executada por Edivaldo, vai beneficiar mais de 30 bairros

O prefeito Edivaldo Holanda Junior está executando uma obra complexa para a implantação de 12 km de rede de drenagem profunda e 20 km de asfalto

Há décadas o acesso a bairros da zona rural de São Luís é precário por causa da falta de infraestrutura viária nas localidades. No período de chuvas a situação piora porque sem rede de drenagem as vias alagam e os moradores acabam praticamente isolados, problema que já está sendo resolvido.

O prefeito Edivaldo Holanda Junior está executando uma obra complexa para a implantação de 12 km de rede de drenagem profunda e 20 km de asfalto na região do Santa Bárbara. Os serviços já estão acelerados em avenidas como São Jerônimo, da Saudade, São Raimundo e Militar.

Quando for concluída, mais de 30 bairros da região serão beneficiados como Cajupe, Santa Bárbara, São Raimundo, Vila Romário, Tajaçuaba, Mato Grosso, Vila Vitória entre outros, transformando a vida de cerca de 60 mil moradores.

As obras ainda estão em andamento, mas pela grandiosidade dos serviços que estão sendo executados já se pode dizer que a situação retratada na primeira imagem é coisa do passado.

Prefeito Edivaldo recebe carinho da população durante vistoria a obras de urbanização

O prefeito Edivaldo Holanda Junior esteve no bairro Geniparana neste sábado (20), vistoriando as obras de asfaltamento que foram iniciadas na comunidade. Em mais de 30 anos de existência esta é a primeira vez que a área recebe obras de urbanização. Além de cerca de 6 km de asfalto, serão executados serviços de drenagem profunda no bairro.

Uma das características marcantes da gestão Edivaldo é a presença constante nos bairros. Executando o maior volume de obras que a cidade já recebeu, por onde ele tem passado tem sido recebido com carinho pela população (como mostra a imagem acima), que tem aprovado o seu trabalho, fato raro para prefeito em fim de mandato.
Em muitas regiões da cidade Edivaldo está levando asfalto pela primeira. É o caso do Alto da Esperança, na área Itaqui-Bacanga; Residenciais Alexandra Tavares, Maria Aragão e Tiradentes e a Avenida Brasil, ambos na região da Cidade Olímpica, que também estão em obras.

Edivaldo antecipa pagamento da primeira parcela do 13º salário

A antecipação da primeira parcela do 13º é uma medida importante, pois contribui para minimizar os efeitos da crise econômica

O prefeito Edivaldo Holanda Junior anunciou, por meio das redes socais, a antecipação para o mês julho do pagamento da primeira parcela do 13º salário dos servidores municipais. O pagamento estará disponível em conta no dia 17 de julho.

A antecipação da primeira parcela do 13º é uma medida importante, pois contribui para minimizar os efeitos da crise econômica, garantindo renda para a população. Em São Luís serão injetados mais de R$ 50 milhões na economia da cidade.

“Seguimos assim na contramão da maioria das capitais, que realizará o pagamento somente no final do ano, como prevê a lei”, disse Edivaldo, que tem mantido os salários sempre em dia ou mesmo antecipando pagamentos graças ao planejamento financeiro e rigor fiscal que tem sido marca de sua gestão mesmo em momentos de crise.

Em outras capitais do Nordeste apenas João Pessoa (PB) já anunciou o pagamento. Fortaleza (CE) e Teresina (PI) anunciaram a suspensão do pagamento que ocorreria em junho e ainda não há nova data definida. No Rio de Janeiro a prefeitura ainda não anunciou quando será feito o pagamento.

Edivaldo anuncia programa de descontos para incentivar descarte nos ecopontos de São Luís

Prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Jr

Na véspera do Dia Mundial do Meio Ambiente o prefeito Edivaldo Holanda Junior anuncia mais um serviço à população que vai garantir que São Luís continue avançando nos indicadores de sustentabilidade.

Em suas redes sociais Edivaldo anunciou que será lançado nos próximos dias “um programa que vai oferecer descontos para incentivar descarte de resíduos sólidos recicláveis e reaproveitáveis nos Ecopontos”.

A gestão de resíduos implantada por Edivaldo mudou a realidade de São Luís. O Aterro da Ribeira, gargalo antigo das sucessivas gestões municipais, foi desativado e desde então a cidade vem avançando progressivamente, saindo das últimas posições nos índices do setor para ser uma referência no país.

Hoje, São Luís tem o maior índice de reciclagem da região Nordeste e recicla 5,44% de todo o lixo que produz, contando com dois sistemas complementares de coleta seletiva: os ecopontos, onde o cidadão faz a entrega diretamente nos equipamentos; e a coleta seletiva porta a porta, por meio da qual a Prefeitura faz o recolhimento na casa do cidadão.

O serviço de Coleta Seletiva, que foi paralisado no início da pandemia, volta a ser prestado normalmente na próxima semana. Com isto, Edivaldo incentiva aumento da taxa de reciclagem ao mesmo tempo em que beneficia a população.