Ivaldo Rodrigues retira nome da disputa pela prefeitura de São Luís e declara apoio a Osmar Filho

O ato reforça o nome de Osmar Filho e a união dentro do PDT na disputa pela prefeitura da capital

O vereador licenciado e secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento, Ivaldo Rodrigues (PDT), declarou na noite de quinta-feira-feira (22), a sua desistência na disputa pela prefeitura de São Luís e declarou total apoio ao pré-candidato Osmar Filho nas eleições de 2020.

“Declino de ser pré-candidato a prefeito de minha querida São Luís, em nome da unidade do PDT, partido do meu coração e da minha vida. Agora volto todo o meu pensamento e forças à minha reeleição de vereador, e continuarei fortalecendo meu trabalho a frente da Semapa.  Declaro meu apoio ao companheiro Osmar Filho rumo à vitória, na garantia de preservar o legado de trabalho do nosso partido na capital maranhense”, declarou Ivaldo.

A declaração de apoio foi dada em uma grande reunião promovida pelo secretário. O ato reforça o nome de Osmar Filho e a união dentro do PDT na disputa pela prefeitura da capital.

Novo abre processo seletivo para pré-candidatos a vereadores e prefeito em São Luís

O partido postou uma mensagem em suas redes sociais convocando possíveis pré-candidatos

O partido Novo no Maranhão abriu processo para seleção de pré-candidatos a vereadores e prefeito que irão disputar a eleição de 2020, em São Luís. A legenda fundada em setembro de 2015, faz um processo interno diferente das outras e só lança candidatos que tenham afinidade com questões liberais e mais ligadas a direita. O partido postou uma mensagem em suas redes sociais convocando possíveis pré-candidatos.

“Sabemos dos diferenciais do nosso Partido. Acreditamos que, por conta do nosso posicionamento contra privilégios e corrupção, disputar uma eleição, nos moldes atuais, não é uma tarefa simples. Para que haja candidatos pelo Novo, os interessados deverão se submeter ao crivo de um processo seletivo, dividido em etapas. Este processo visa saber se, de fato, você está preparado ou não para ser um gestor ou legislador. Para auxiliar os nossos filiados e pré-candidatos estamos finalizando os últimos detalhes de um curso preparatório, que visa a sua capacitação”, afirma o texto.

Com a mensagem “Da indignação para a ação. Candidate-se!”, o partido vem trabalhando para ampliar a base do partido em São Luís. Vale destacar que é a primeira vez que o partido vai disputar uma eleição no Maranhão.

Com diretório recém-criado em São Luís, o Novo pretende lançar um nome competitivo na disputa pela prefeitura da capital. Um dos favoritos, é o empresário Darci Fontes, que foi responsável por organizar o partido no estado.

Chico Carvalho fala dos possíveis nomes do PSL em São Luís

Chico Carvalho, que está em seu oitavo mandato como vereador e preside o PSL há 16 anos, afirmou que o partido pode receber outros nomes da política

O presidente estadual do PSL no Maranhão, vereador Chico Carvalho, concedeu entrevista ao jornal O Imparcial e falou dos trabalhos internos da legenda para a próxima eleição. O vereador de São Luís falou dos possíveis nomes do PSL na disputa pela prefeitura de São Luís.

“Nomes fortes nós temos em todo o Estado e seria difícil mencionar todos aqui. Mas em São Luís, por exemplo, convidamos o juiz federal Roberto Veloso, o ex-prefeito Tadeu Palácio e o apóstolo Sílvio Antônio, que foi candidato a deputado federal e foi o mais votado para o cargo dentro do partido e o oitavo mais votado em São Luís”, afirmou Chico Carvalho.

Chico Carvalho, que está em seu oitavo mandato como vereador e preside o PSL há 16 anos, afirmou que o partido pode receber outros nomes da política. “A esposa do ex-prefeito Tadeu Palácio, Gardênia Palácio, também foi convidada para se filiar à nossa legenda. Também convidamos o prefeito Hilton Gonçalo, de Santa Rita e a esposa dele, a prefeita de Bacabeira, Fernanda Gonçalo. O casal acaba de se desfiliar do Avante”, disse Chico.

PSL cria ‘filtro ideológico’ para as próximas eleições

A intenção é evitar que nomes considerados desalinhados ao governo Jair Bolsonaro representem a sigla

De olho nas eleições do ano que vem, o PSL vai implantar uma espécie de “filtro” ideológico para definir quem serão seus candidatos. A intenção é evitar que nomes considerados desalinhados ao governo Jair Bolsonaro representem a sigla.

A medida ocorre após cobrança do próprio presidente, que exige o “enquadramento” de parlamentares que discordem de ações da sua gestão. Com a medida, o PSL, que decidiu expulsar o deputado Alexandre Frota (SP) e é investigado por suspeitas de usar candidatas fantasmas na eleição de 2018, pretende se associar ainda mais à imagem de Bolsonaro.

A decisão foi vista internamente como um gesto de “purificação” do partido. Além de “filtrar” novos filiados, o partido quer “enquadrar” os que não seguirem à risca as diretrizes do partido. Ainda não está definido como e quem fará o pente-fino nos nomes que poderão concorrer pelo PSL.

“É uma medida para dar uma cara de novo ao PSL. A gente tem de saber quem está vindo se candidatar pelo partido. Temos de saber se ele é ficha-limpa, qual o passado político dele. Se não, daqui a pouco, vamos ver um esquerdista querendo se lançar só porque o partido cresceu e virou viável”, afirmou a deputada federal Carla Zambelli, de São Paulo. (Estadão)

Lideranças políticas do Bairro de Fátima confirmam apoio a Osmar Filho

Osmar Filho já conta com os apoios de 14 vereadores para a disputa pela Prefeitura de São Luís

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho (PDT), continua recebendo apoios públicos importantes à sua pré-candidatura a prefeito de São Luís. Em um encontro realizado na noite de terça-feira (13), o vereador Beto Castro (PROS) e moradores do Bairro de Fátima, que integram o grupo “O X da Questão”, declararam que estarão engajados no projeto coletivo encabeçado pelo pedetista.

O evento político aconteceu na sede da entidade onde Castro, que é 3º secretário da Mesa Diretora da CMSL, desenvolve projetos sociais. Também participaram da reunião o vereador Paulo Victor (PTC) e o deputado estadual Glalbert Cutrim (PDT), que também já haviam confirmado apoio a Osmar juntamente com seus grupos políticos.

“O Osmar é um político jovem, dinâmico, que promove um trabalho inovador na Câmara de São Luís. Hoje, o apresentamos para lideranças comunitárias e moradores que integram o nosso grupo e a receptividade foi a melhor possível. Caminharemos juntos e tenho certeza que chegaremos à vitória”, disse Beto Castro.

Osmar, em sua fala, relatou um pouco da sua trajetória política e do trabalho que, como parlamentar, vem desenvolvendo ao longo dos anos em favor da capital. O pedetista reafirmou que a sua pré-candidatura é um projeto coletivo, que surgiu, inicialmente, da vontade do Parlamento Municipal em ter um representante governando São Luís. Ao agradecer as manifestações de apoio e carinho, Osmar Filho explicou que percorrerá todas as regiões do município para dialogar diretamente com os moradores e, desta forma, apresentar, ainda este ano, um plano de governo que contenha compromissos/propostas de desenvolvimento econômico e sustentável.

Com votação sempre expressiva no Bairro de Fátima e localidades vizinhas, Glalbert Cutrim, que é 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa, afirmou ter certeza de que, a partir de agora, o projeto Osmar Filho Prefeito chegará em todos os cantos de São Luís. “É uma pré-candidatura que conta com o apoio do PDT, da sua militância, de considerável parte da classe política e que cairá no gosto do eleitor. Iremos juntos rumo à vitória”.

Osmar Filho já conta com os apoios de outros vereadores, tais como Nato Júnior (PP), Bárbara Soeiro (PSC), Dr. Gutemberg (PRTB), Pavão Filho (PDT), Chaguinhas (PP), Concita Pinto (Patriotas), Afonso Manoel (PRP), Ricardo Diniz (PRTB), Raimundo Penha (PDT), Edson Gaguinho (PHS), Joãozinho Freitas (PTB) e Genival Alves (PRTB).

Othelino fala sobre eleições de 2020 e possível candidatura ao Senado

Othelino falou sobre o cenário político nacional e sobre seu futuro político

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto, concedeu entrevista, na tarde de segunda-feira (5), ao programa ‘Ponto e Vírgula’ da Difusora FM, conduzido pelos jornalistas Leandro Miranda e Marcelo Minard. Ele falou sobre o cenário político nacional e sobre seu futuro político.

Othelino foi questionado sobre como vai trabalhar o grupo do governador Flávio Dino nas eleições de 2020, em São Luís. “Chegaremos a eleição com três ou quatro candidatos. No PCdoB, temos o Rubens Júnior, Julio Pinheiro e o Duarte Júnior, no PSB o Bira do Pindaré, no DEM o Neto Evangelista e no PDT o Osmar Filho. Quem chegar no segundo turno terá o apoio de todos ou, quem sabe, se tiver dois do nosso grupo será uma uma dor de cabeça boa”, disse Othelino.

O presidente da Alema reiterou que o deputado Marco Aurélio é o candidato do PCdoB em Imperatriz e torce para uma união com o deputado Rildo Amaral (Solidariedade). Já em Pinheiro, Othelino afirmou que ainda não tem posição definida sobre as candidaturas de Luciano Genésio (PP) e Dr. Leonardo Sá (PL).

Entrevista ao programa ‘Ponto e Vírgula’ da Difusora FM, conduzido pelos jornalistas Leandro Miranda e Marcelo Minard

Questionado sobre concorrer a um cargo majoritário em 2022, Othelino afirmou sobre seu interesse em oferecer seu nome para uma vaga no Senado Federal. “Vejo com simpatia, olho no horizonte a perspectiva mais palpável de disputar o senado”, afirmou.

Sobre o futuro politico do governador Flávio Dino, Othelino falou da empolgação sobre uma possível candidatura. “O Flávio está empolgado. Ele já tem o convite do PSB e acredito que ele consiga o apoio de mais dois ou três partidos”, disse.

Weverton Rocha nega interesse em disputar prefeitura de São Luís

Focado no seu mandato de senador, Weverton abre todos os caminhos para o vereador Osmar Filho

Sondado como um nome da disputa pela prefeitura de São Luís, em 2020. O senador Weverton Rocha (PDT) tratou de negar, em áudio encaminhado ao Blog Marrapa, qualquer interesse em disputar o cargo.

“Quero agradecer a lembrança do meu nome, mas quero adiantar que não estamos nesse debate. Eu tenho o reconhecimento e a gratidão dos quase 2 milhões de maranhenses, que me elegeram. E uma missão dessa, que seria muito honrosa, ela sairia completamente da expectativa dos 217 municípios na qual eu tenho trabalhado aqui em Brasília”, afirmou Weverton.

Focado no seu mandato de senador, Weverton abre todos os caminhos para o vereador Osmar Filho, presidente da Câmara Municipal de São Luís, ser o nome do PDT para a prefeitura da capital.

Senador Weverton Rocha considera forte o nome de Osmar Filho para prefeitura da capital

Osmar Filho cada vez mais próximo de ser o nome do PDT para prefeitura de São Luís

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), foi mencionado várias vezes durante entrevista concedida recentemente pelo presidente do PDT no Maranhão, o senador Weverton Rocha. Principalmente, quando as perguntas se voltaram à uma eventual disputa pela Prefeitura de São Luís, em 2020.

Segundo análise Weverton, Osmar Filho é um “dirigente jovem, um vereador que tem mostrado coragem de enfrentar os problemas e de dialogar com a comunidade. Sempre foi bem votado em São Luís e é um nome forte sim, para a disputa”, afirmou o parlamentar.

Osmar Filho segue recebendo declarações de apoio. O deputado federal Gil Cutrim já declarou apoio ao pré-candidato, além de, pelo menos, dez vereadores da capital, entre eles os vereadores Nato Júnior (PP), Barbara Soeiro (PSC) e Paulo Victor (PTC).

José Sarney participa de reunião do MDB de São Luís

O partido se prepara internamente para disputar as eleições da capital em 2020

O ex-presidente José Sarney participou de uma reunião do diretório municipal do MBD, em São Luís. O partido se prepara internamente para disputar as eleições da capital em 2020.

O partido pretende lançar de 30 a 40 candidatos a vereadores. O nome do ex-deputado federal, Victor Mendes, vem sendo debatido como um possível nome para a disputa pela prefeitura de São Luís.

Além da participação de José Sarney, também chamou atenção a presença do vereador de São Luís, Astro de Ogum, que busca uma legenda para disputar o cargo de prefeito ou vice-prefeito nas próximas eleições.

O presidente estadual do MDB no Maranhão, João Alberto, prometeu debater a possível candidatura de Astro pelo MDB.