Oposição consegue adiar votação de empréstimo com pedido de vistas

Votação do empréstimo foi adiada

Após intensa discussão em torno do pedido de empréstimo bilionário pleiteado pela governadora Roseana Sarney (mais de R$ 1,5 bi), o Plenário  da Assembleia Legislativa aprovou um pedido de vistas ao projeto do governo, de autoria do deputado Rubens Júnior, pelo prazo de 24 horas, adiando a votação da matéria para esta quarta-feira (27). 
Na mensagem encaminhada à Assembleia Legislativa, a governadora justifica a necessidade de aprovação da contratação da operação para que se alongue o perfil da atual dívida do Estado e ainda economize-se mais de R$ 200 milhões com a redução das taxas de juros aplicadas à nova dívida. Com o dinheiro do empréstimo, o objetivo é pagar à vista o débito atualmente existente e ficar com um contrato de juros menores.

O Plenário da Assembleia Legislativa travou, na manhã desta terça-feira (26), uma acalorada discussão sobre o Projeto de Lei nº 011/2013, de autoria do Poder Executivo (Mensagem nº 014/2013), que autoriza o Poder Executivo a contratara operação de crédito com instituição financeira para reestruturar dívidas do Estado perante a União.
A discussão foi iniciada a partir do Requerimento nº 022/2013, de autoria do deputado César Pires (DEM), que solicitou que fossem dispensados os trâmites regimentais ordinários para discussão e votação do projeto, em regime de urgência, numa sessão extraordinária. 

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.